Rachel Reis: a revelação baiana que colocou MPB e arrocha para bailar


Por Rodrigo Ortega, g1: “As pessoas que me escutam me associam a ‘brasilidade’. Não sei, isso não é nem um gênero, né?”, pergunta Rachel Reis, cantora de 24 anos, de Feira de Santana (BA). Ela se destacou com a faixa “Maresia” em 2021 e finaliza o primeiro álbum completo para 2022.

O tal rótulo “brasilidade” parece amplo, mas na prática é usado para delimitar uma MPB um pouco pop, um pouco tropicalista. Tem a ver com o som da Rachel. Mas ela faz mais: bota arrocha e pagodão no baile – mais brasileira do que muito colega de rótulo.

A cantora de voz macia colocou “Maresia” de última hora no EP “Encosta”, como faixa-bônus. Ela temia botar esse romantismo descarado na mistura. Mas deu onda.

Rachel Reis é uma das apostas musicais de 2022 do podcast g1 ouviu. Escute abaixo:

Nenhuma descrição de foto disponível.

A gastação e o louco

“A gente queria botar pagodão e arrocha no EP, mas minha ideia Inicial era que não fosse tão explícito, que fosse mais puxado assim pro lado da MPB. Mas aí a gente entrou na ‘gastação’: ‘Vamos meter. Vamos jogar valendo.”

O guitarrista Cuper, parceiro de Rachel no álbum, estava na ilha de Boipeba, na Bahia, quando ouviu um cara andando de bicicleta enquanto cantava com a voz arrochada parecida com a de Pablo. Era uma figura local, Fredinho O Louco. O vocalista convidado engrossou a mistura da faixa.

Rachel Reis — Foto: Divulgação

Rachel Reis — Foto: Divulgação

“Maresia” foi a mais tocada dela no ano passado, mas Rachel também foi bem com as outras faixas de “Encosta”. O EP tem belas melodias com toques eletrônicos do produtor Zamba, que também trabalha com o Àttoxxá, e o gosto por sons caribenhos de Cuper.

A mistura está no sangue: a mãe, Maura Reis, foi cantora de seresta em Feira de Santana. A irmã, Sara Reis, foi para o forró. Rachel poderia tocar em rádio de MPB, no boteco, em festa de “brasilidades” ou na seresta sem perder a identidade.

Pode ser uma imagem de texto que diz "MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard"

As mais tristes do Caetano

A carreira teve idas e vindas. Aos 18 anos, ela se rendeu ao destino familiar musical e começou a cantar em barzinhos da região. Foram dois anos na função.

Mas Rachel perdeu o gosto pelos bares – e vice-versa: “Tinha barzinho que não me chamava mais porque o meu repertório era muito triste. Eu botava as mais tristes de Adriana Calcanhoto, Caetano e Peninha”, diz aos risos.

Ela foi estudar Direito por um semestre e depois trocou por Publicidade. Mas a ideia de ser artista – desta vez com um trabalho autoral – voltou durante a pandemia, com faixas avulsas em 2020 e o EP em 2021. A voz com leve melancolia que os barzinhos rejeitaram brilha nestas músicas.

Mais que número de plays, ela fica feliz ao achar gente que quer acompanhar sua carreira: “As pessoas chegaram mais em mim, e sem aquela coisa de se empolgar e sair. Elas acabam ficando comigo”.

Pode ser uma imagem de texto que diz "1 Enpressa COOPERTAI 7077-004 COPERTAI NOHOFU5 O AZULÃO QUE CONQUISTOU O VIAJANTE De Maracás para São Paulo todas as quartas e sábados, via Jequié, Vitória da Conquista Montes Claros Belo Horizonte e São Paulo. De São Paulo para Maracás nos mesmos dias. Conforto, segurança e preços baixos nas passagens é aqui. Trabalhamos também com encomendas. Reservem as suas passagens pelos telefones 11 98627-5310/ 98368-6447 & 73 99161-0792/ 99107-7820 e façam uma excelente viagem"

Aos 24 anos, ela ainda faz os 3 últimos períodos da graduação em Publicidade enquanto prepara o 1º álbum completo. A produção é de Guilherme Assis e Barro, parceiros das primeiras faixas. Tudo indica que vai faltar tempo para o curso em 2022.

Rachel Reis — Foto: Divulgação

Rachel Reis — Foto: Divulgação

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Adventista do Sétimo Dia: Como a investida militar russa tem afetado a Igreja na Ucrânia


Tropas russas próximas à fronteira com a Ucrânia. (Foto: Reuters)

 

De Notícias Adventistas: Um clima de guerra ronda a fronteira entre Ucrânia e Rússia, países de significativa importância no contexto geopolítico mundial. A presença da tropa russa (cerca de 100 mil soldados) nos limites das nações do leste europeu tem sido vista, por analistas, como indicativo de risco de guerra. A discussão tem ganhado o noticiário internacional e se tornou objeto de preocupação da parte de lideranças globais, com mais intensidade, desde dezembro de 2021.

Como o fenômeno tem sido visto por quem está na região? Para oferecer um pouco de contexto a respeito do tema, a Agência Adventista Sul-Americana de Notícias (ASN) conversou com o jornalista e professor universitário Ruben Dargã Holdorf. Ele é doutor em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e atua como docente do curso de Jornalismo do Instituto Ucraniano de Humanidades, em Butcha, Ucrânia. Vive na região desde junho de 2021.

Pode ser uma imagem de carro e texto que diz "CREDIBILIDADE DE MAIS DE 40 ANOS NA CIDADE DE MARACÁS AUTO ELETRICA JÓIA (73) 9.8853-7991 Veja OS nossos serviços Serviço em motor de arranque Serviço em alternador Serviço de instalações em geral Rastreamento em sistema de injeção eletrônico Limpeza de bicos injetores Serviço de chaveiro e imobilizadores Reparo em centrais de injeção eletrônica"

Contexto

Da perspectiva de alguém que acompanha as notícias in loco, como você tem compreendido a situação do que alguns têm denominado de uma guerra entre Rússia e Ucrânia, duas nações que historicamente foram consideradas unidas e com fortes relações econômicas, políticas e religiosas?

Você quer dizer “unidas à força”. Ao longo de séculos, os ucranianos, ou os residentes nesta região que hoje é denominada Ucrânia, sofreram muito sob o jugo de invasores do Leste, Norte, Oeste e Sul. Segundo o jornalista Laurentino Gomes, no livro Escravidão, volume I, no início do século XVII havia mais escravos brancos no mundo do que africanos, principalmente originários do território ucraniano. Dizer, então, que o convívio foi pacífico não reflete a história das relações da nação com vizinhos de perto e, ainda, mais distantes.

O pior momento, com certeza, emerge da imagem do Holodomor, “a grande fome” provocada pelo confisco das terras pelo ditador comunista Josef Stalin, em 1932 e 1933. Ele assassinou mais de dez milhões de ucranianos. Os ucranianos querem se relacionar bem com os russos, mas, também, almejam liberdade para escolher seu destino político, econômico e ideológico.

Nos últimos quatro anos, a Ucrânia se encontrou economicamente muito mais próxima da União Europeia. França, Noruega, Suécia, Alemanha, Espanha, Islândia e Holanda derramaram bilhões de euros aqui, mais o Canadá e Estados Unidos com dólares. Investimentos em veículos, trens, rodovias, supermercados, modernização do sistema bancário, telefonia, aparelhamento e treinamento da polícia, condições de saúde, combate à corrupção.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Tema antigo

Mas o que a Ucrânia efetivamente quer?

A Ucrânia deseja independência definitiva, sem a ingerência externa de nenhuma natureza. As relações religiosas se romperam entre Rússia e Ucrânia em 2018. Levando-se em conta que os ortodoxos russos fazem parte das decisões no país vizinho, dá para imaginar um viés religioso também nas tensões entre ambos. E isso dificilmente será compreendido, analisado e divulgado pela imprensa ocidental.

A Rússia acusa a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) de quebrar protocolos de acordos anteriores ao avançar com as instalações de bases militares cada vez mais próximas da fronteira russa. A Ucrânia pretende entrar para a União Europeia, mas isso tem um custo: associar-se também à Otan, a organização militar liderada pelos norte-americanos.

O mais triste, mas que não me surpreende, é um repórter anunciar a iminente invasão, deslocamento de tropas, riscos de conflito, e finalizar a fala revelando se encontrar em Nova York, Londres, Paris, ou mesmo São Paulo. Se alguma informação sair do front, com certeza sairá autorizada por um tenente-coronel ou qualquer assessor responsável pela comunicação. A credibilidade é questionável. Quem revelará ao mundo, ao inimigo e ao público as intenções, as táticas, as manobras?

No momento, prefiro conversar com pessoas que transitaram recentemente pelo leste, ler os jornais locais, assistir as redes do país ou as mais confiáveis da Europa, que se resumem a duas ou três. Não se trata de fake news, mas de interesses editoriais, políticos e incompetência profissional. Uma guerra contra a Rússia é possível, assim como com Bielorrússia, e mesmo uma conflagração civil. No momento, os ucranianos vivem normalmente, mas com atenção e prudência, sem histeria, até em relação à paranoia da pandemia.

Pode ser uma imagem de texto que diz "IAR DOCUMENTOS Seus documentos em boas mãos Documentação de Casas e Terrenos Urbanos e Rurais, Ambiental CCIR e outros é aqui. Procure IRISVALDO ALVES DA ROSA, Praça Rui Barbosa, 107, 1° andar ao lado do Bradesco, em Maracás. (73) 99156 1640 & 98855 8072"

Realidade adventista

Como a Igreja Adventista tem observado esse fenômeno? Qual a sensação da organização no país?

Oficialmente não se diz nada. Nenhuma linha ou palavra, sequer em púlpito. Apenas em pedidos de oração, muito particulares, em pequenos grupos, pela segurança do país, da Igreja e dos membros, pela liderança política da nação. Para quem desconhece, o presidente Volodymyr Zelenskyi e o primeiro-ministro Denis Shmigal têm ascendência judaica, assim como Volodymyr Groysman, ex-primeiro-ministro do governo Poroshenko. Isso demonstra liberdade religiosa, étnica e de expressão, não obstante o crescente ateísmo, consequência de quase sete décadas de comunismo.

A Igreja Adventista da Ucrânia se relaciona muito bem com líderes das religiões majoritárias e não se envolve em política. Alguns líderes da Igreja expressam preocupação, mas não perdem o sono. Quem viveu o comunismo considera esse momento bem mais sereno. Eles preferem colocar o pensamento naquilo que acontece agora, e não imaginar cenários catastróficos. Em suma, o brilho nos olhos e o sorriso não desapareceram da face dos adventistas ucranianos.

Veja entrevista feita com jornalista Ruben Holdorf no canal do jornalista Michelson Borges (a partir de 15:29)

Mais postagens antivacina de Malafaia são apagadas pelo Twtter; veja como denunciar tuítes do pastor


Religioso extremista, um dos principais apoiadores de Jair Bolsonaro, passou a ter conteúdos deletado poucos dias após receber uma punição da plataforma, que suspendeu sua conta por violar normas.

O Twitter passou a apagar outras postagens do pastor ultrarreacionário Silas Malafaia, apoiador de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro, por apresentarem conteúdo antivacina. Na tarde desta segunda-feira (17), usuários da plataforma notaram a remoção de novas mensagens do radical religioso após denúncias de teor mentiroso dos posts.

Na última semana, Malafaia já teve 11 postagens excluídas por conterem informações falsas sobre a imunização contra a Covid-19, além de ter seu perfil suspenso por 12 horas por violar as regras da rede social.

Pode ser uma imagem de ao ar livre e texto que diz "Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944"

Quem acessa o perfil oficial do líder neopentecostal no Twitter agora encontra a sequência de 11 postagens de advertência publicadas pela administração da rede com a mensagem “Este tweet não está mais disponível porque violou as regras do Twitter. Saiba mais”, além de outras remoções que passaram a ser feitas nesta tarde. Mais uma vez, as publicações retiradas do ar eram aquelas que atacavam a vacinação contra a Covid-19.

Ainda que conteúdo semelhante permaneça liberado na timeline do empresário da fé, grupos que atuam no Twitter e em outras redes vêm incentivando os usuários a denunciarem todas as publicações falsas de Malafaia, para que estes conteúdos também sejam deletados e o pastor bolsonarista seja punido conforme as normas previstas para quem espalha fake news na internet.

Pode ser uma imagem de calçados e texto que diz "EM MARACAS Loja de Esportes Não precisa ir longe comprar produtos ligados ao esporte. Aqui você encontra tudo e outras novidades mais. Faça-nos uma visita efaça a sua compra no nosso mini-shopping de esportes. NIKE Rua Júlio Virgílio, ao lado do Só Montão Confecções. Maracás- Ba. Fone: (73)98849-5015"

Como denunciar conteúdo antivacina

Para os usuários que queiram denunciar os conteúdos negacionistas e antivacina de personalidades e perfis ultrarreacionários, basta usar a tela em que aparece a própria publicação. No celular, no canto superior direito, alinhado ao nome do dono do perfil, aparece uma seta. Clicando nela, a última opção que surge, no pé da tela, é denunciar.

.+34,q1’Quem usa computador fará o mesmo caminho. No entanto, o primeiro local que deve ser acessado são os três pontinhos que aparecem no canto superior direito, que ficam no local onde aparece a pequena seta no celular. Na sequência, basta clicar em “Denunciar Tweet”.

Veja as orientações abaixo:

Pode ser uma imagem de texto que diz "Doy Motos Peças, serviços e acessórios em geral Com a sua moto em boas mãos não há com que se preocupar!!! Fale dom Doy. Em Maracás, AV. Brasília, ao lado da garagem da Camurugipe. Fone- (73) 99137 3522"

Véio da Havan e Malafaia na mira do Twitter

Após o empresário Luciano Hang ter sua conta suspensa do Twitter nesta quarta-feira (12), chegou a vez do pastor Silas Malafaia sofrer a mesma punição do YouTube.

O internauta Thiago Silva avisou para a plataforma que Malafaia gravou um vídeo no YouTube dizendo que vacinar crianças é infanticídio. “Vamos marcar o @YouTubeBrasil e perguntar se esse tipo de FAKENEWS sobre a vacina é permitido na plataforma?”, pergunta.PUBLICIDADE

O YouTube respondeu: “olá, obrigado pela informação. Estamos averiguando esta questão e levaremos isso adiante a partir daqui.”

Logo após, a conta do pastor foi suspensa.

Da Revista Fórum

Deputada Zambelli tenta suspender vacinação de crianças


A deputada federal Carla Zambelli, do PSL-SP (Foto Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

A deputada federal bolsonarista Carla Zambelli (PSL-SP) está tentando se aproveitar de um episódio de aplicação errada de vacinas em crianças na Paraíba para suspender a imunização infantil em todo o Brasil. Desde a aprovação das doses pediátricas da Pfizer pela Anvisa, o presidente Jair Bolsonaro tem promovido uma campanha negacionista contra a vacinação infantil.

Isso já aconteceu com a vacina para adultos, quando ele [Bolsonaro] tentava a qualquer custo não ver o povo brasileiro vacinado. Chegou a suspender compra de vacina realizada pelo ex-ministro Pazuelo, disse que quem tomasse o imunizante poderia virar um jacaré e assim seguiu “atrapalhando” e a quantidade de óbitos foi extrapolante.

Pode ser uma imagem de texto que diz "Expresso COOPERTAI De Maracás para São Paulo!! 7077-094 COPERTAI O Azulão que conquistou Ο viajante Se liga no roteiro: Saindo de Maracás as quartas e sábados para São Paulo, seguindo por Lajedo do Tabocal, Itiruçu Entroncamento de Jaguaquara, Jequié, Manoel Vitorino Poções. Planalto, Vitoria da Conquista, Candido Sales e segue por Salinas, Montes Claros, Belo Horizonte se segue pela Fernão dias. De São Paulo para Maracás o mesmo caminho. Reservem as suas passagens pelos telefones 11 98627-5310, 11 98368-6447 73 99161-0792 99107-7820. Tenham todos uma ótima viagem!!"

A mesma coisa vem tentando a Zambellie  apresentou nesta terça-feira (18) um pedido no Ministério da Saúde e na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pela interrupção da imunização no país. A parlamentar pede que o processo só seja retomado após a investigação de um episódio de aplicação errada na cidade de Lucena (PB).

“Considerando que adolescentes recebem doses adultas, pedimos a suspensão da aplicação até a reavaliação da segurança”, disse Zambelli no Twitter.

Com a ação, a deputada atende às bases radicais bolsonaristas que tem atacado a imunização infantil.

Pode ser uma imagem de ‎comida e ‎texto que diz "‎Mک qualidade fazendo a diferença com seu paõzinho de todos os dias! Boulangerie Pães e Doces A panificadora que conquistou o consumidor maracaense Quer qualidade e preço mais em conta? Então aqui é o lugar! E mais: o atendimento é Top. Rua José Pinheiro S/N, Maracás. Essa rua começa na AV Brasília, esquina com a posada Menina Bonita‎"‎‎

Anvisa fez recomendações de segurança

Desde que liberou a imunização infantil, a Anvisa fez uma série de recomendações para garantir a segurança na vacinação de crianças. Em comunicado difundido em 16 de dezembro, data da liberação da versão pediátrica do imunizante da Pfizer, a Anvisa listou 17 orientações.

A primeira delas é “que a vacinação das crianças nessa faixa etária seja iniciada após treinamento completo das equipes de saúde que farão a aplicação da vacina, uma vez que a grande maioria dos eventos adversos pós-vacinação é decorrente da administração do produto errado à faixa etária, da dose inadequada e da preparação errônea do produto”. Esse parece ter sido justamente o problema ocorrido na Paraíba.

O imunizante para crianças de 5 a 11 anos possui uma dosagem diferenciada, que representa praticamente um terço da vacina de adultos.

A informação foi da Revista Fórum.

 

Porca resgatada do abate pinta quadros que valem R$150 mil


Pigcasso, a porca pintora e um dos seus quadros – Foto: reprodução / Instagram

A porca Pigcasso (Pig =porco + Picasso = o pintor espanhol) é uma sensação nas artes. Resgatada do abate quando nasceu, ela virou artista e passou a pintar quadros valiosos.

Recentemente, ela quebrou um recorde, após ter sua obra “Wild and Free” (“Livre e selvagem”, em português) vendida por 20 mil euros, aproximadamente R$ 150 mil. Ela é considerada uma das obras de arte mais caras já produzida por um animal.

Até então, conforme o jornal Daily Mail, o chimpanzé Congo ocupava a primeira posição de criador da obra de arte mais cara, com a venda de um quadro por cerca de R$ 90 mil, em 2005.

Pigcasso tem 680kg vive em um santuário, na África do Sul. A arrecadação com vendas das obras no site ou em exposições financia um refúgio de animais. Também ajuda nas campanhas para conscientizar a população sobre o impacto ambiental da produção de carne.

Com 608 kg e nome de artista, Pigacasso faz tanto sucesso que até a National Geographic fez um documentário sobre ele em seu ‘ambiente de trabalho’, mostrando que os animais podem ser criativos e produzir arte.

Como virou “pintora”

Pigcasso foi resgatada de um matadouro na Cidade do Cabo, quando tinha apenas um mês de vida, por Joanne Lefson, ativista e fundadora do refúgio Farm Sanctuary, na Cidade do Cabo.

A dona diz que o animal começou a brincar e a se interessar por lápis e pincéis. “Era a única coisa que ela não comia”, conta.

Joanne então começou a treinar Pigcasso dando-lhe comida em troca de pinturas que fazia com o focinho ou segurando o pincel com os dentes.

Sua tutora, Joane Lefson, logo percebeu os dons artísticos do animalzinho, que segundo ela, começou a pintar por vontade própria.

Incentivada pela dona, a porquinha, hoje com cinco anos, já produziu mais de 400 obras de arte originais em 5 anos.

Pode ser uma imagem de texto que diz "MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard"

Quadros caros

A “porquinha”, como é carinhosamente chamada, tem sua própria galeria de arte e ficou famosa nas redes sociais.

Para se ter uma ideia do valor das obras, em 2020, um quadro do animalzinho foi comprado pelo alemão Peter Esser por cerca de R$150 mil reais, superando os R$90 mil pagos na tela pintada pelo macaco Congo, em 2005.

Joane conta que todo o dinheiro ganho com a venda das obras da porquinha são revertidos na manutenção e reforma da fazenda que abriga diversos animais resgatados de abatedouros sul-africanos.

Os interessados em ver as obras da porquinha podem acessar sua página, que possui mais de 42 mil seguidores no Instagram.

Pigcasso, a porca pintora com um dos seus quadros - Foto: reprodução / Instagram
Pigcasso, a porca pintora com um dos seus quadros – Foto: reprodução / Instagram
Outro quadro de Pigcasso, a porca pintora - Foto: reprodução / Instagram
Outro quadro de Pigcasso, a porca pintora – Foto: reprodução / Instagram
Fonte Só Notícia Boa.

Bancas de Jornais e Revistas de Jequié resistem a evolução da Internet e à mudança de costumes dos leitores


Crédito:> Timercast (Reprodução ilustrativa)

 

Com todos os avanços tecnológicos e a grande capacidade de armazenamento na internet, por que ainda usamos o papel? Hoje em dia, consumimos muito mais informação do que antes, passamos horas compartilhando conteúdo nas redes sociais, vendo vídeos, ouvindo músicas, enviando e-mails, documentos entre outros. O BJR Circulando na Cidade foi conversar com dois comerciantes de Jequié, que ainda resistem aos avanços tecnológicos e continuam comercializando impressos nas outrora disputadas “bancas de jornais e revistas”.

Nenhuma descrição de foto disponível.

O Jornal Café com Leite que se tornou o Café com Leite Notícias, ficou na memória, pois foram 31 anos de vida publicando, entrevistando e mais de 100 cidades do interior da Bahia. Outros jornais até mais antigos que o Café com Leite, como o conhecido Jornal Jequié que vem da era do linotipo, como também o jornal A Folha do amigo Ari Moura.

Muitas vezes as coisas acontecem para crescer e evoluir. Porém, tem coisas que ao invés de evoluir a gente vê como um atropelo. Foi o que aconteceu com a internet em relação à comunicacão impressa. Acreditop que tantos os fundadores destes periódicos impressoas como o próprio leitor, sentem falta  do velho e saudoso jornal de papel como muitos assim o chamava.

Pode ser uma imagem de carro e texto que diz "CREDIBILIDADE DE MAIS DE 40 ANOS NA CIDADE DE MARACÁS AUTO ELETRICA JÓIA (73) 9.8853-7991 Veja OS nossos serviços Serviço em motor de arranque Serviço em alternador Serviço de instalações em geral Rastreamento em sistema de injeção eletrônico Limpeza de bicos injetores Serviço de chaveiro e imobilizadores Reparo em centrais de injeção eletrônica"

São muitos  que ainda me perguntam: ô walter, e o jornal de papel, não tem mais? Eu, segurando para as lágrimas não espirrarem, digo que não., que foi assassinado. Assista o vídeo com relatos dos donos de bancas Humberto e Antônio da cidade de Jequié, Bahia. quero lembrar que óparte do texto e o vídeo dessa matéria foi do Jequié Reporter sedido pelo coleha e amigo Wilson Novaes que também fazia jornal impresso.

 

 

JEQUIÉ: Foi registrado um total 89 casos positivos de Covid em 48h


UEMA | Coronavírus: UEMA desenvolve aplicativo para mapear aglomerações no Maranhão

Nas últimas 48h, tomando-se por base os Boletim Epidemiológico da Covid-19 em Jequié, de sábado (15) e deste domingo (16), foi registrado um total de 89 casos positivos da doença na cidade. O Boletim  atualizado neste domingo (16) registra 34 novos casos positivos nas últimas 24 horas, perfazendo um total de 18.216 pessoas confirmadas com a doença. Até agora 17.571 pacientes encontram-se recuperados e não apresentam mais os sintomas da Covid-19.

A taxa de ocupação geral dos leitos de UTI é de 40%  com 4 leitos ocupados por pacientes de residem em  outros municípios.

Até o presente momento 126.998 pessoas foram vacinadas com primeira dose em Jequié.

Pode ser uma imagem de fruta e texto que diz "SUPERMERCADO COMPRE BEM Aqui é mais barato SÃO MIGUEL SUPERMERCADO Aqui é mais barato Aqui prevalece a economia. A dona de casa já descobriu isto. Venha você também comprovar! SEF Praça da Feira, Fone (73) 3533 2427 e AV Dr. João Pessoa, n° 55, Maracás. Fone 3533 2095"

Fique sabendo de como anda a Bahia 

A Bahia registrou neste domingo (16), 9.055 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 23/07/21, quando foram registradas 9.301 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 1.472 casos de Covid-19, 1.145 recuperados e 4 óbitos. Dos 1.288.556 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.251.839 já são considerados recuperados e 27.662 tiveram óbito confirmado. Na Bahia, 53.529 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Até o momento temos 10.882.483 pessoas vacinadas com a primeira dose, 264.128 com a dose única, 8.971.149 com a segunda dose e 1.727.536 com a dose de reforço.

Fonte Jequié Reporter.

Pode ser uma imagem de comida e texto que diz "Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! Massa Fina ิตรรต ino Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você."

 

IPIAU: Prefeitura realiza teste de covid em praça pública


 

Pode ser uma imagem de 13 pessoas, pessoas em pé e ao ar livre

A Prefeitura de Ipiaú iniciou, na quarta-feira da semana passada (12jan22), a testagem em massa da população para possível diagnóstico de Covid. A primeira etapa da ação da Secretaria de Saúde foi Praça Rui Barbosa e atendeu mais de 300 pessoas. Destes, 22 foram positivados. Paralelamente, 220 pessoas foram vacinadas contra a Covid.
É preciso sim que haja um esforço maior para que o virus seja controlado da melhor forma possível. Uma vez que o infectado pelo vírus tenha conhecimento de que está infectado, naturalmente ele vai se isolar para evitar transmitir para outros e assim o vírus tende a diminuir até acabar. Palmas para a prefeitura de Ipiau.
A fonte foi Jequié e Região.
Pode ser uma imagem de texto que diz "1 Enpressa COOPERTAI 7077-004 COPERTAI NOHOFU5 O AZULÃO QUE CONQUISTOU O VIAJANTE De Maracás para São Paulo todas as quartas e sábados, via Jequié, Vitória da Conquista Montes Claros Belo Horizonte e São Paulo. De São Paulo para Maracás nos mesmos dias. Conforto, segurança e preços baixos nas passagens é aqui. Trabalhamos também com encomendas. Reservem as suas passagens pelos telefones 11 98627-5310/ 98368-6447 & 73 99161-0792/ 99107-7820 e façam uma excelente viagem"

 

79% aprovam vacinação de crianças. Para uma maioria o Bolsonaro só atrapalha


Entre as mulheres, 61% acham que o presidente mais atrapalha. Elas também são as que mais concordam com a imunização.

Jair Bolsonaro faz propaganda da Cloroquina (Reprodução) e é contra a imunização das crianças. Só que uma provoca a morte e a outra evita a morte, respectivamente.

Pesquisa Datafolha divulgada na noite deste domingo (16) revela que 79% dos brasileiros apoiam a vacinação contra a Covid-19 de crianças entre 5 e 11 anos. Seguindo o exemplo de Jair Bolsonaro (PL), 17% rejeitam a imunização e outros 4% não souberam opinar.

Pode ser uma imagem de ‎comida e ‎texto que diz "‎Mک qualidade fazendo a diferença com seu paõzinho de todos os dias! Boulangerie Pães e Doces A panificadora que conquistou o consumidor maracaense Quer qualidade e preço mais em conta? Então aqui é o lugar! E mais: o atendimento é Top. Rua José Pinheiro S/N, Maracás. Essa rua começa na AV Brasília, esquina com a posada Menina Bonita‎"‎‎

Muita gente não consegue entender a estranheza do presidente ser contra tudo que evita morte e a favor do que provoca o fim. A começar pela não obrigatoriedade do uso de cadeirinhas para crianças em viagem; depois, quando chegou o corona vírus, ele fez questão de dizer que era algo pequeno e que a imprensa fazia alarde, no entanto resultou em mais de 620 mil mortes. Claro que muita gente seguiu os seus ensinamentos, e muitos desses estão debaixo da terra, como muitos seguem até hoje correndo sérios riscos. Depois veio a questão de aglomerar, suspender compra de vacina, ser contra os governadores que queriam evitar mortes e, ser contra o uso de máscaras, e, agora mais recente, é contra crianças serem vacinadas sem nenhum argumento que convença. É ele contra a medicina e a ciência e pior: muitos achando que realmente ele está acima de tudo e de todos e seguem tietando e seguindo. Muitos morrendo.

Pode ser uma imagem de calçados e texto que diz "EM MARACAS Loja de Esportes Não precisa ir longe comprar produtos ligados ao esporte. Aqui você encontra tudo e outras novidades mais. Faça-nos uma visita efaça a sua compra no nosso mini-shopping de esportes. NIKE Rua Júlio Virgílio, ao lado do Só Montão Confecções. Maracás- Ba. Fone: (73)98849-5015"

Atacando diariamente a vacinação, Bolsonaro é tido como empecilho para a maioria dos brasileiros. Segundo a pesquisa, 58% acreditam que o presidente mais atrapalha do que ajuda quando o assunto é a vacinação das crianças.

O estudo mostra que 25% acham que Bolsonaro mais ajuda, 14% disseram não saber a resposta e apenas 2% disseram que ele não ajuda, nem atrapalha.

Entre as mulheres, 61% acham que o presidente mais atrapalha. Por outro lado, 32% dos homens acreditam que Bolsonaro mais ajuda.

Pode ser uma imagem de texto que diz "IAR DOCUMENTOS Seus documentos em boas mãos Documentação de Casas e Terrenos Urbanos e Rurais, Ambiental CCIR e outros é aqui. Procure IRISVALDO ALVES DA ROSA, Praça Rui Barbosa, 107, 1° andar ao lado do Bradesco, em Maracás. (73) 99156 1640 & 98855 8072"
A informação foi da Revista Fórum.

Quem é a agente que evitou tragédia no casarões históricos em Ouro Preto


A agente Paloma Magalhães isolou a área e desviou todo o trânsito minutos antes do deslizamento que engoliu casarões históricos em Ouro Preto - Foto: arquivo pessoal
A agente Paloma Magalhães isolou a área e desviou todo o trânsito minutos antes do deslizamento que engoliu casarões históricos em Ouro Preto – Foto: arquivo pessoal

A destruição dos casarões históricos, que foram engolidos pelo deslizamento de terra em Ouro Preto na última quinta, 13, poderia ter sido uma tragédia maior, com perda de vidas humanas… mas ninguém morreu graças à atitude rápida da agente da Defesa Civil Paloma do Carmo Magalhães, de 34 anos.

Ela foi alertada por motorista de ônibus e correu sozinha para isolar área onde, minutos depois, aconteceu o desmoronamento no Morro da Forca, em Minas Gerais.

Com o isolamento inicial, ela desviou cerca de 50 veículos que passavam na via no momento. “A sensação é de gratidão e agradecimento a Deus por eu ter tido a proatividade de chegar lá e orientar a população”, disse Paloma.

A ação rápida da agente impediu que a terra e rochas desmoronassem em cima de carros, ônibus e moradores que passam diariamente na via atingida.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Como recebeu o aviso

Formada em engenharia de minas, a profissional está na Defesa Civil de Ouro Preto há três anos e foi a primeira pessoa a identificar os sinais técnicos de que poderia ocorrer um desmoronamento. A agente mora em Mariana (MG), a 12 km de Ouro Preto.

Ela diz que estava indo para o trabalho na viatura da Defesa Civil, na manhã de quinta-feira, quando foi surpreendida por um motorista de ônibus, que lhe disse que havia ocorrido um pequeno deslizamento no morro. Ao chegar no local, Paloma constatou o perigo.

Pode ser uma imagem de texto que diz "IAR DOCUMENTOS Seus documentos em boas mãos Documentação de Casas e Terrenos Urbanos e Rurais, Ambiental CCIR e outros é aqui. Procure IRISVALDO ALVES DA ROSA, Praça Rui Barbosa, 107, 1° andar ao lado do Bradesco, em Maracás. (73) 99156 1640 & 98855 8072"

“Fiz uma análise visual da encosta e tinha uma fissura em formato de cunha e indícios de ruptura iminente. Imediatamente, isolei o local e em seguida meus colegas ajudaram a evacuar toda a área. Isolamos outros pontos e retiramos as pessoas que estavam em um hotel e comércios”, conta.

O incidente ocorreu poucos minutos após o fechamento da área, destruindo um casarão século 19 – o Solar Baeta Neves – e um galpão, no centro histórico da cidade. Não houve feridos.

“Primeiro foi a mão de Deus, que colocou o motorista na minha frente, e foi esse anjo da guarda que me levou lá, e eu fui um instrumento que ajudou a salvar vidas, que é o nosso trabalho. Deitar no travesseiro e saber que pude ajudar é muito gratificante, não tem dinheiro algum que pague isso. Sou feliz em trabalhar aqui”, completou Paloma.

Nenhuma descrição de foto disponível.

Área ainda oferece riscos

De acordo com a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, a área do desabamento ocorrido na região central ainda oferece riscos e permanecerá isolada.

Segundo a Defesa Civil, nos últimos quatro dias foram registradas em Ouro Preto mais de 400 ocorrências. Devido às chuvas recorrentes e aos riscos nas encostas do município, entre os dias 8 a 14 de janeiro cerca de 252 pessoas foram removidas de seus imóveis e direcionadas para casa de parentes, amigos ou locais de abrigo direcionados pela Defesa Social.

Paloma isolou a área e desviou 50 veículos minutos antes do desabamento - Foto: arquivo pessoal
Paloma isolou a área e desviou 50 veículos minutos antes do desabamento – Foto: arquivo pessoal

 

O momento em que o deslizamento de terra engole casarões históricos em Ouro Preto/MG - Foto: Primus Drone
O momento em que o deslizamento de terra engole casarões históricos em Ouro Preto/MG – Foto: Primus Drone

 

Os casarões que foram destruídos - Foto: Google Street View / reprodução
Os casarões históricos que foram destruídos – Foto: Google Street View / reprodução
De Só Notícia Boa.

Além de reforma trabalhista, Lula quer mudar política de preços da Petrobras


ariana Carneiro entrevistou a deputada e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, na Coluna de Malu Gaspar no Globo. E ela falou dos planos da pré-candidatura Lula para a economia na corrida eleitoral de 2022.

Pode ser uma imagem de texto que diz "MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard"

O que Lula pensa?

PT quer mostrar, desde já, que vai revogar o teto de gastos, a política de preços da Petrobras e a reforma trabalhista e diz não estar preocupado com o que pensam os donos do dinheiro.

“Não tem necessidade de carta ao povo brasileiro, as pessoas já conhecem o Lula. Não precisamos mais de um Palocci”, disse Gleisi em referência ao primeiro ministro da Fazenda de Lula, que tinha como uma de suas virtudes o trânsito fácil na Faria Lima.

Pode ser uma imagem de fruta e texto que diz "SUPERMERCADO COMPRE BEM Aqui é mais barato SÃO MIGUEL SUPERMERCADO Aqui é mais barato Aqui prevalece a economia. A dona de casa já descobriu isto. Venha você também comprovar! SEF Praça da Feira, Fone (73) 3533 2427 e AV Dr. João Pessoa, n° 55, Maracás. Fone 3533 2095"

“A única coisa que não vamos fazer é quebrar contratos, como o Bolsonaro fez com os precatórios. O resto nós vamos fazer. E não tem mimimi do mercado. Um país que não tem dívida externa, que tem este mercado consumidor não pode ter o povo com fome e sem renda”.

Essas declarações, somadas ao artigo de Guido Mantega para a Folha de S.Paulo, indicam que o PT de 2022 não pretende repetir a história de 2002.

Para ela, a eleição deste ano será de posicionamento ideológico, enquanto a primeira vencida pelo PT era de composição política.

Número de brasileiros com covid é o dobro de dados oficiais


Um a cada quatro brasileiros (25%) afirma que já testou positivo para o novo coronavírus (Sars-CoV-2) desde o início da pandemia, diz a pesquisa Datafolha.

Veja o coronavírus

Número assustador de brasileiros

Isso significa que cerca de 42 milhões de pessoas contraíram a Covid-19 desde março de 2020 no país.

Segundo o Ministério da Saúde, 22,2 milhões de casos da doença foram confirmados no Brasil.

Essa pesquisa foi publicada neste sábado (15) pelo jornal Folha de S. Paulo.

Levantamento ouviu 2.023 pessoas entre 12 e 13 de janeiro deste ano. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Uma vez que a pesquisa foi feita com pessoas de 16 anos ou mais, os dados oficiais podem ser ainda mais imprecisos.

3% dos entrevistados disseram ter contraído a doença nos últimos 30 dias. Isso dá mais ou menos 4 milhões de pessoas.

Entre 14 de dezembro de 2021 e essa sexta-feira (14), 731,4 mil pessoas testaram positivo, segundo os dados oficiais do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). A diferença é superior a cinco vezes.

Pode ser uma imagem de carro e texto que diz "CREDIBILIDADE DE MAIS DE 40 ANOS NA CIDADE DE MARACÁS AUTO ELETRICA JÓIA (73) 9.8853-7991 Veja OS nossos serviços Serviço em motor de arranque Serviço em alternador Serviço de instalações em geral Rastreamento em sistema de injeção eletrônico Limpeza de bicos injetores Serviço de chaveiro e imobilizadores Reparo em centrais de injeção eletrônica"

Lula, Bolsonaro ou isentão: saiba a posição política dos participantes do BBB22


Da Revista Fórum:

Nas redes, alguns participantes apagaram posts políticos. Mas, a partir das publicações sinalizam qual time podem integrar nos debates eleitorais no BBB21. Confira e saiba quem apoiar.

A casa mais vigiada do Brasil não vai escapar do debate político em ano eleitoral. Durante o anúncio dos participantes do Big Brother Brasil 22 na noite desta sexta-feira (15), as redes sociais progressistas já anunciavam o cancelamento dos BBBs que apoiam Jair Bolsonaro (PL) e torciam pelos nomes que apoiam Lula.

Fórum consultou um pouco da história de cada um dos Big Brothers e pesquisou o Instagram. Embora muitas postagens antigas tenham sido apagadas, já dá para ter uma noção para quem torcer e quem cancelar nesta edição do reality show.

Pode ser uma imagem de calçados e texto que diz "EM MARACAS Loja de Esportes Não precisa ir longe comprar produtos ligados ao esporte. Aqui você encontra tudo e outras novidades mais. Faça-nos uma visita efaça a sua compra no nosso mini-shopping de esportes. NIKE Rua Júlio Virgílio, ao lado do Só Montão Confecções. Maracás- Ba. Fone: (73)98849-5015"

Laís Caldas, médica, 30 anos Crixás (GO)
Isentona (pendendo a Bolsonaro)
Médica, a participante do interior de Goiás não revela sua preferência política no Instagram. De perfil isentona, ela convive em um meio povoado pela direita: a elite interiorana.
Perfil: @dra.laiscaldass

Laís Caldas (Foto: Reprodução/Instagram)

Luciano Estevam, ator e bailarino, 28 anos, Florianópolis (SC)
Isentão (pendendo a Lula)
Apesar de catarinense, um dos principais berços do bolsonarismo, Luciano tem forte tendência à esquerda por ser LGBT – um dos principais alvos do bolsonarismo – e ter valores mais liberais em relação aos costumes, que não esconde nas redes.
Perfil: @lucianoestevan

Luciano Estevan (Foto: Reprodução/Instagram)

Jessilane Alves, professora de Biologia., 26 anos, Bom Jesus da Lapa (Bahia)
Isentona (Pendendo a Lula)
Nascida no interior baiano, onde se concentra um dos maiores eleitorados de Lula, Jessilane é de família humilde, enfentou “perrengues” e cursou mestrando em Biologia. Instagram com clara tendência a Lula.
Perfil: notassobrejessi

Jessilane Alves (Foto: Reprodução/Instagram)

Eliezer (Eli), empresário, 31 anos, Volta Redonda (RJ)
Isentão (Pendendo a Bolsonaro)
O empresário vive em um reduto bolsonarista e tem um forte tendência a se tornar um digital influencer.
Perfil: @eusouoeli

Eliezer (Foto: Reprodução/Instagram)

Eslovênia Marques, modelo e influenciadora, 25 anos, Carurau (PE)
Isentona raiz
Com nome inspirado no conflito que dividiu a antiga Iugoslávia – o pai queria que ela se chamasse Bósnia-Herzegovina, mas sua mãe não deixou -, a pernambucana demonstra nas redes não ter tanta preocupação política quanto os pais. Ex-miss, a participante é uma incógnita por ser de um reduto lulista, mas com clara inclinação à elite bolsonarista.
Perfil: @eslomarques

Pode ser uma imagem de texto que diz "Doy Motos Peças, serviços e acessórios em geral Com a sua moto em boas mãos não há com que se preocupar!!! Fale dom Doy. Em Maracás, AV. Brasília, ao lado da garagem da Camurugipe. Fone- (73) 99137 3522"

Eslovênia Marques (Foto: Reprodução/Instagram)

Lucas Bissoli, Engenheiro e Estudante de Medicina, 31 anos, Vila Velha (ES)
Bolsonarista
O capixaba Lucas Bissoli foi o primeiro a ter sua simpatia pelo presidente extremista de direita descoberta pelo público. Estudante aos 31 anos e autodeclarado mimado, ele compartilha mensagens de apoio a Bolsonaro entre fotos de sapatênis.
Perfil: @bissolilucas

Lucas Bissoli (Foto: Reprodução/Instagram)

Bárbara Heck, Modelo e Relações Públicas, 29 anos, Novo Hamburgo (RS)
Isentona
Nascida em berço nobre no Rio Grande do Sul, onde Bolsonaro concentra boa parte do eleitorado, a modelo tem uma visão “místíca” da vida e não deve entrar em conversas políticas na casa. Ligada em signos, sua preferência política segue sendo uma incógnita.
Perfil: @ba.heck

Bárbara Heck (Foto: Reprodução/Instagram)

Arthur Aguiar, ator e cantor, 32 anos, Rio de Janeiro (RJ)
Isentão
Mais conhecido no meio pela traição a ex-BBB Mayra Cardi, Aguiar vive entre a elite carioca, que tem uma forte tendência ao bolsonarismo. Bon vivant, no entanto, ele não demonstra para que lado pende entre Lula e Bolsonaro.
Perfil: @arthuraguiar

Arthur Garcia (Foto: Reprodução/Instagram)

Rodrigo Mussi, gerente comercial, 36 anos, São José dos Campos (SP)
Isentão
Paulista do Vale do Paraíba, região onde Bolsonaro nasceu, o gerente comercial já trabalhou como pedreiro e perdeu o avô para a Covid. Nas redes, no entanto, não demonstra para que lado pende na política.
Perfil: @rodrigo.mussi

Rodrigo Mussi (Foto: Reprodução/Instagram)

Natália Deodato, modelo e designer de unhas, 22 anos, Belo Horizonte (MG)
Bolsonaro
Em seus perfis nas redes, a mineira segue figuras e páginas ultrarreacionárias como a do próprio presidente Jair Bolsonaro e a da Direita Vespasiano, que diz ser uma “instituição conservadora que luta pela manutenção dos valores da família”.
Perfil: @deonaty_

Pode ser uma imagem de ao ar livre e texto que diz "Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944"

Natália Deodato (Foto: Reprodução/Instagram)

Vinicius, Bacharel de Direito e Influencer, 23 anos, Crato (CE)
Isentão (tendência a Bolsonaro)
Autodeclarado “influencer” de baixa renda nas redes, Vinicius faz piadas ao gosto de Bolsonaro, dizendo que “não tem vergonha de ser pobre: tenho ódio”. Contando com a torcida de bolsonaristas ilustres, como Tirulipa, tende a incorporar o lado da direita do BBB.
Perfil: @vyniof

 

Vinicius ((Foto: Reprodução/Instagram)

Pedro Scooby, surfista, 22 anos, Rio de Janeiro (RJ)
Isentão
Mais conhecido como ex de Luana Piovani – uma clássica figura da direita bolsonarista arrependida – o bon vivant passa longe de debates políticos em seu instagram
Perfil: @pedroscooby

Pedro Scooby (Foto: Reprodução/Instagram)

Brunna Gonçalves, bailarina e influenciadora, 30 anos, Nilópolis (RJ)
Isentona (tendência a Lula)
Mais conhecida por ser esposa da cantora Ludmilla, a bailarina fluminense tem uma forte tendência a jogar no time Lula do BBB em razão das pautas chamadas identitárias.
Perfil: @brunnagoncalves

Brunna Gonçalves (Foto: Reprodução/Instagram)

Paulo André Camilo, atleta olímpico, 23 anos, Santo André (SP)
Bolsonaro
Semifinalista olímpico nos 100m rasos de 2020, Paulo André teve uma série de tuites apagados de suas redes antes de entrar no BBB, entre eles um em que dizia “porra, namoral, PT de novo não dava não kkkk” após a vitória de Bolsonaro.
Perfil: @iampauloandre

Paulo Camilo ((Foto: Reprodução/Instagram)

Maria, atriz, cantora e cantora, 21 anos, Rio de Janeiro (RJ)
Lula
Intérprete de Verena em ‘Amor de Mãe’, Maria se chama Vitória Nascimento Câmara e não esconde sua rejeição a Bolsonaro. Com certeza vai de Lula no BBB e em outubro.
Perfil: @eumaria

Maria (Foto: Reprodução/Instagram)

Jade Picon, empresária e influenciadora, 20 anos, São Paulo (SP)
Isentona
Milionária, a influenciadora é o padrão clássico de alienação política e deve fugir de qualquer debate eleitoral na casa. Nas redes, o irmão mostrou um pouco do pensamento da familía: “entre Lula, Bolsonaro e pegar meu passaporte europeu e meter o pé daqui eu já sei o que eu escolho”.
Perfil: @jadepicon

Jade Picon (Foto: Reprodução/Instagram)

Douglas Silva, ator, 33 anos, Rio de Janeiro (RJ)
Lula
O eterno Acerola, de Cidade de Deus, já se reuniu com Lula e transita muito no meio artístico que apoia o pré-candidato petista.
Perfil: @dsilvaoficial

 

Douglas Silva (Foto: Reprodução/Instagram)

Linn da Quebrada, atriz e cantora, 31 anos, São Paulo (SP)
Lula
A atriz e cantora será a principal estrela do time Lula no BBB. Em setembro, ela debateu pautas LGBTQIAP+ com o ex-presidente no programa da ex-BBB Thelma Assis.
Perfil: @linndaquebrada

Linn da Quebrada (Foto: Reprodução/Instagram)

Tiago Abravanel, ator e apresentador, 34 anos, São Paulo (SP)
Isentão (tendência a Lula)
Neto de Silvio Santos, Tiago deixou a emissora do avô, um bolsonarista assumido, em direção à Globo. Erguendo a bandeira LGBT, ele já confrontou até mesmo a tia, Patrícia, sobre o tema e tende mais a Lula do que ao político apoiado pelo clã.
Perfil: @tiagoabravanel

Tiago Abravanel (Foto: Reprodução/Instagram)

Naiara Azevedo, cantora sertaneja, 32 anos, Farol (PR)
Bolsonaro
Antes mesmo de entrar na casa, Naiara Azevedo já entrou na mira dos antibolsonaristas por ser uma apoiadora raiz do presidente. Em Janeiro de 2021, ela chegou a ir com Amado Batista em um encontro com Bolsonaro em uma churrascaria.
Perfil: @naiaraazevedo

Naiara Azevedo (Foto: Reprodução/Instagram)

Lula, a um jornal Briânico, disse que Bolsonaro não tem força política para aplicar um golpe


Em entrevista ao site do jornal britânico The Telegraph, divulgada neste sábado (15), Lula (PT) afirmou que Jair Bolsonaro (PL) não tem forças para dar um golpe, caso ele vença as eleições em outubro, confirmando as projeções das pesquisas.

Pode ser uma imagem de texto que diz "Expresso COOPERTAI De Maracás para São Paulo!! 7077-094 COPERTAI O Azulão que conquistou Ο viajante Se liga no roteiro: Saindo de Maracás as quartas e sábados para São Paulo, seguindo por Lajedo do Tabocal, Itiruçu Entroncamento de Jaguaquara, Jequié, Manoel Vitorino Poções. Planalto, Vitoria da Conquista, Candido Sales e segue por Salinas, Montes Claros, Belo Horizonte se segue pela Fernão dias. De São Paulo para Maracás o mesmo caminho. Reservem as suas passagens pelos telefones 11 98627-5310, 11 98368-6447 73 99161-0792 99107-7820. Tenham todos uma ótima viagem!!"

Acredito que Bolsonaro não tem força política para articular um golpe de estado, ou mesmo para atrapalhar as eleições do ano que vem. Ele continuará falando para uma parcela minoritária da população brasileira enquanto a grande maioria do povo rejeita seu autoritarismo e seu governo desastroso”, disse o petista.

Pode ser uma imagem de ‎comida e ‎texto que diz "‎Mک qualidade fazendo a diferença com seu paõzinho de todos os dias! Boulangerie Pães e Doces A panificadora que conquistou o consumidor maracaense Quer qualidade e preço mais em conta? Então aqui é o lugar! E mais: o atendimento é Top. Rua José Pinheiro S/N, Maracás. Essa rua começa na AV Brasília, esquina com a posada Menina Bonita‎"‎‎

A maioria, hoje, quer Bolsonaro longe da presidência. Ele terá que respeitar os resultados das eleições”, emendou Lula.

Na entrevista, o jornal britânico classificou Lula como “ex-engraxate” e disse que o petista “é o claro favorito para vencer as eleições e voltar ao poder”.

A informação foi da Fórum.

Jaguaquara em luto: Ex-vereadora, sua mãe e sobrinha morrem em grave acidente


Marleide com a sua mãe Marli
Enfermeira Natana era sobrinha de Marleide

Um grave acidente na manhã desta terça feira em Poções, acabou com a vida da ex-vereadora Marleide Pinto de Novaes Nunes, a sua mãe Marli Pinto de Novaese e a enfermeira Natana Pinto Silva, sendo todas da mesma família.

Marleide seguia para Vitória da Conquista dirigindo um Ford Ká, quando colidiu frontalmente com uma carreta, tendo morte das três ocupantes do veículo no local.

Marleide foi vereadora por mais de um mandato, onde deixou muita saudade por ser bastante conhecida no distrito de Entroncamento de Jaguaquara, localidade em que  morava.

A equipe do Café Com Leite ficou bastante chocada e comovida com a notícia e deixa aqui um a braço fraterno e os sentimentos para os familiares, em especial ao esposo da ex-vereadora, o conhecido Júnior de Everaldo, policial militar. Quando vereadora, Marleide concedeu algumas entrevistas ao Café com Leite impresso, onde sempre demonstrava uma parlamentar competente e preocupada com a população mais carente.

Marleide atualmente atuava como chefe da CIRETRAN de Jaguaquara, e a prefeita Edione decretou por três dias luto na cidade em homenagem às vítimas.

Que Deus conforte os que ficam