‘Sempre fui PT e sou contra Bolsonaro até o fim da minha vida’, diz Casagrande após demissão da Globo


www.brasil247.com - Casagrande e BolsonaroCasagrande e Bolsonaro (Foto: Reprodução/TV Globo | Isac Nóbrega/PR)

Após ser demitido da rede Globo com 25 anos de casa, o ex-jogador e comentarista esportivo Walter Casagrande concedeu entrevista ao jornal Folha d e S.Paulo nesta quarta-feira (7) e apontou seus posicionamentos políticos.

“Eu sou contra o governo Bolsonaro até o fim da minha vida. Eles estão destruindo o país, na parte política, na parte social, destruindo a Amazônia, destruindo os indígenas, o pessoal tá morrendo de fome e o cara fica gastando dinheiro em motociata, e as pessoas estão morrendo de fome. Então eu sou contra a corrupção do MEC, machismo, homofobia, racismo, não posso ser a favor de uma coisa dessas”, disse.

“Esse é o primeiro ponto. O segundo ponto é que eu sempre fui PT, mas gosto do Ciro Gomes também, já votei no Ciro. Foi como eu falei no Roda Viva: Mas eu vou votar no PT porque é o partido em que eu sempre votei. Não sou filiado, não vou subir em palanque, não vou fazer campanha pra ninguém, não sou candidato a nada”, acrescentou.

Ele ressalta que age com profissionalismo. “Sou um comentarista, sou um colunista de esporte, eu quero mostrar isso, eu quero continuar sendo isso. Sempre respeitei a TV Globo até hoje. As emissoras de televisão, jornais, rádios, o que for, elas têm restrições em relação à política. A preferência delas é serem neutras mesmo porque quem é de futebol quer falar de futebol, não tem muito espaço mesmo”.

Do 437.