Polícia Federal prende ex-Ministro da Educação, homem de confiança de Bolsonaro


Além do Milton Ribeiro, que foi ministro da Educação, outros integrantes também estão na cadeia, que são os pastores Arilton Moura e Gilmar Santos, ligados a Bolsonaro e apontados como lobistas que atuavam no MEC.

Também a PF faz  busca e apreensão nas casas dos três citados.

Na verdade até o fim dessa reportagem, a notícia que conseguimos apurar, é que o Ribeiro e o Gilmar já foram presos e o terceiro. o Arilton Santos, está sendo procurado.

Ação da PF com vários mandatos já foram cumpridos:

A PF mapeou indícios de crimes na liberação de verbas do fundo com base em documentos, depoimentos e um relatório da CGU (Controladoria-Geral da União). São cumpridos, ao todo,13 mandados de busca e apreensão e cinco de prisões em Goiás, São Paulo, Pará e Distrito Federal.

Os pastores negociavam com prefeitos a liberação de recursos federais mesmo sem ter cargo no governo. O FNDE, órgão ligado ao MEC, é controlado por políticos do centrão, bloco político que dá sustentação a Bolsonaro.

May be an image of food and text that says 'Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! Massa Fina ิตรรต ino Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você.'

Quem são os pastores beneficiados por Bolsonaro

Bolsonaro recebe os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura no Palácio do Planalto em evento no dia 18 de outubro de 2019 Créditos: Carolina Antunes/PR

O pastor Gilmar Silva dos Santos comanda a igreja Ministério Cristo para Todos, em Goiânia (GO), ligada à Assembleia de Deus. Ele nasceu em São Luís do Maranhão, Estado onde concentra forte articulação com os prefeitos, assim como no Amazonas.

May be an image of outdoors and text that says 'Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944'

O Maranhão teve 94 municípios atendidos com 267 empenhos para transferências do FNDE no ano passado. Esses empenhos referem-se a obras ou aquisição de equipamentos ou veículos que somam R$ 684 milhões (considerando o valor total do projeto, não somente o empenhado).

Nas redes sociais, Gilmar Santos diz que está há “40 anos pregando o Evangelho” e faz diversas publicações com suas pregações. Ele também é diretor do Instituto Teológico Cristo para Todos, que oferece cursos de teologia para “formar líderes para servirem ao reino de Deus”. Santos já ministrou em Congressos, Simpósios, Cruzadas e Convenções nos 26 Estados e no Distrito Federal.

Já Arilton Moura, aparentemente, não possui um perfil oficial nas redes sociais. Ele também é do Maranhão e assessor de Assuntos Políticos da Convenção Nacional de Igrejas e Ministros das Assembleias de Deus no Brasil.

No photo description available.

Bolsonaro é informado ao vivo da prisão de Milton Ribeiro: “vai botar a culpa em mim?”

O presidente, que chegou a declarar que botaria a cara no fogo pelo ex-ministro, abandona o ex-auxiliar; veja o vídeo.

Bolsonaro pego de surpresa em entrevista.Créditos: Reprodução de Vídeo

Ao ser questionado de surpresa em entrevista na manhã desta quarta-feira (22), à rádio Itatiaia, sobre a prisão do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, o presidente Jair Bolsonaro (PL) reagiu: “Vai botar a culpa em mim? (…) Se fez algo que responda pelos seus atos”.

No photo description available.

Na época da denúncia do esquema de corrupção no qual o Ribeiro é acusado de participação, o presidente, durante a sua live semanal, afirmou, ao lado da também pastora e ex-ministra Damares Alves, que o pastor era alvo de “uma covardia”.

“Milton, coisa rara de falar aqui: eu boto a minha cara no fogo pelo Milton, minha cara toda no fogo pelo Milton, estão fazendo uma covardia com ele!”, declarou Bolsonaro.

A informação foi da Revista Fórum