Policial militar é preso após fazer funcionária da Gol refém em aeroporto


Policial militar é preso após fazer funcionária da Gol refém em aeroporto

Foto: Reprodução/ Twitter/ CNN Brasil

Um policial militar foi preso na noite desse domingo (11) pela Polícia Federal, após fazer refém uma funcionária da companhia aérea GOL no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.

 

Segundo a CNN Brasil, o homem usava uma caneta para ameaçar a vítima e afirmava carregar uma bomba na mochila. Ele também exigia a presença de policiais que atuam no terminal e o envio das imagens à imprensa.

 

 

O agressor se rendeu após rápida negociação e liberou a vítima, que não se feriu. Ele foi detido, e a polícia apura a motivação das ameaças. Segundo a PF, o homem teve um surto.

 

Em nota, a GOL afirmou que está dando todo o suporte necessário à colaboradora. A GRU Airport, concessionária que administra o aeroporto, confirmou o caso e disse que a “ocorrência foi controlada em poucos minutos pela Polícia Federal, em total segurança, e não houve feridos”.BN Noticias

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Governo do estado volta a permitir eventos com até 50 pessoas na Bahia


Governo do estado volta a permitir eventos com até 50 pessoas na Bahia

Decreto assinado por Rui foi publicado nesta 3ª | Foto: Fernando Vivas | GOVBA

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), voltou a permitir a realização de eventos com até 50 pessoas na Bahia. Desde 4 de dezembro do ano passado, ssas atividades estavam proibidas, independentemente do número de pessoas, para evitar aglomerações e, assim, conter a contaminação pelo novo coronavírus.

 

A nova regra está em decreto publicado na edição desta terça-feira do Diário Oficial do Estado. Ao fixar o limite máximo de 50 pessoas, a norma diz que ficam vedados “os eventos e atividades com a presença de público superior a 50 (cinquenta) pessoas, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos, religiosos, cerimônias de casamento, feiras, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas em academias de dança e ginástica.”

 

A medida vem na esteira de uma série de flexibilizações que o governo estadual e prefeituras vêm fazendo nas medidas restritivas de combate à Covid-19. Em Salvador e Região Metropolitana, por exemplo, atividades econômicas não essenciais como comércio de rua, shoppings e centros comerciais e bares e restaurantes estão com funcionamento liberado deste o último dia 5, com anuência do estado.

 

As liberações, no entanto, acontecem em um momento de quantidade de casos e óbitos ainda alta na Bahia. Nesta manhã, a ocupação de leitos de UTI adulto está em 84% no estado – o governo argumenta ter aberto uma quantidade maior de UTIs do que o existente na primeira onda, o que dá maior segurança para flexibilizações.

 

Entre domingo e segunda (12), a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) registrou 1.581 novas contaminações pelo novo coronavírus e 95 novos óbitos. O número de internados com casos graves da Covid-19 voltou a crescer na Bahia e atingiu um novo recorde: são 1.316 pacientes com a doença ocupando leitos de terapia intensiva no estado, o maior número de toda a pandemia. BN Noticias 

Criminosos atacam segunda agência do Banco do Brasil em quatro dias


Unidade foi 12ª detonada apenas neste ano na Bahia

[Criminosos atacam segunda agência do Banco do Brasil em quatro dias]
Foto : Reprodução / TV Bahia

Uma agência bancária foi explodida na madrugada de hoje (13) no bairro de Porto Seco Pirajá, em Salvador. O estabelecimento ficou completamente destruído, após a ação dos bandidos.

A ação na capital baiana aconteceu quatro dias depois de uma outro ataque a uma agência do Banco do Brasil. No último sábado (10), criminosos atacaram uma unidade em Sapeaçu, próximo a Cruz das Almas. Em 2021, fioram 12 agências destruídas na Bahia.

Imagens mostram que o teto da agência em Porto Seco Pirajá chegou a desabar com o impacto. As portas de vidro também despedaçaram. Ainda não há informações sobre a quantidade de dinheiro levada durante o assalto.

Equipes do Departamento de Polícia Técnica (DPT) foram ao local para fazer a perícia. Policiais e o delegado do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) iniciaram as investigações. Do Metro1

Tiroteio em escola deixa um morto e vários feridos nos EUA; suspeito foi detido


Tiroteio em escola deixa um morto e vários feridos nos EUA; suspeito foi detido

Uma pessoa morreu e outras ficaram feridas, incluindo um policial, após tiroteio em uma escola de ensino médio na cidade de Knoxville, no estado do Tennessee, nos Estados Unidos (EUA). A informação foi confirmada pela polícia local, nesta segunda-feira (12/4).

A vítima fatal, um homem, morreu no local. Outro, que tem relação com o tiroteio, foi detido.

A situação ocorreu por volta das 15h15 no horário local (17h15, horário de Brasília), segundo as autoridades. Os policiais foram chamados pela suspeita de que um homem estaria armado. Quando chegaram na escola, foram recebidos a tiros.

Um ponto de encontro foi criado no campo de beisebol, atrás da escola, para que os pais pudessem pegar seus filhos. Os agentes pediram que a área fosse evitada e os acessos ao local foram restringidos. Aratuon

 

Rosa Weber suspende trechos de decretos de armas de Bolsonaro


Com que cara Rosa Weber vai diplomar Bolsonaro?

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu nesta segunda-feira (12) trechos dos quatro decretos de Jair Bolsonaro sobre porte e posse de armas de fogo.

Os decretos foram editados em fevereiro e passam a valer nesta terça (13). Os textos fazem uma nova regulamentação do Estatuto do Desarmamento, aprovado em 2003.

ministra é relatora das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs) 6675, 6676, 6677 e 6680, em que partidos políticos PSB, Rede Sustentabilidade, PT e PSol questionam a constitucionalidade dos decretos.

Pela decisão monocrática da ministra Rosa Weber, a suspensão atinge o trecho do decreto que aumentava de dois para seis o limite de armas de fogo que o cidadão comum poderia adquirir, desde que preencha os requisitos necessários para obtenção do Certificado de Registro de Arma de Fogo.

Além disso, entre vários pontos, os Decretos 10.627/2021, 10.628/2021, 10.629/2021 e 10.630/2021 retiram do Exército a fiscalização da aquisição e do registro de alguns armamentos, máquinas para recarga de munições e acessórios, e autorizam as pessoas que têm porte a conduzir simultaneamente até duas armas.

Na decisão, Rosa Weber determina que o tema seja enviado ao plenário do STF, que pode confirmar ou rejeitar o que a ministra decidiu. A data de julgamento será definida pelo presidente do Tribunal, Luiz Fux.

Nas ações, os partidos políticos sustentam, entre outros argumentos, que as normas alteraram significativamente o Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826/2003) e atentam contra a vida e a segurança da população, pois podem potencializar a criação de milícias armadas e grupos paramilitares.

com informação do 247

Caso Henry: reconstituição aponta 23 lesões por ‘ação violenta’ no dia da morte; perita acredita que garoto apanhou cada vez que acordava


Mãe de Henry levou o menino ao hospital após babá relatar agressões
Mãe de Henry levou o menino ao hospital após babá relatar agressões

O laudo da reconstituição da morte do menino Henry Borel, que o Fantástico deste domingo (11) mostrou com exclusividade, descartou “a possibilidade de um acidente doméstico (queda)”, a exemplo do que já tinha apontado a necropsia do corpo do garoto.

Os peritos afirmaram que as 23 lesões encontradas em Henry “apresentavam características condizentes com aquelas produzidas mediante ação violenta (homicídio)”. Entre essas lesões, estão, por exemplo, a laceração no fígado, danos nos rins e a hemorragia na cabeça.

Na última quinta-feira (8), foram presos o vereador carioca Dr. Jairinho (Solidariedade), padrasto da criança, e Monique Medeiros, mãe do garoto. A prisão se deu pela suspeita de homicídio duplamente qualificado –com emprego de tortura e sem chance de defesa para a vítima –, por atrapalhar as investigações e por ameaçar testemunhas para combinar versões.

Henry — Foto: Reprodução

Henry — Foto: Reprodução

A reprodução simulada do dia da morte do menino foi feita no dia 1º de abril. Policiais civis e peritos testaram todas as possibilidades de queda no quarto — como sustentaram o vereador carioca Dr. Jairinho (sem partido) e a professora Monique Medeiros, padrasto e mãe de Henry, em depoimento à polícia.

Não há a menor hipótese de ele ter caído, quer seja da cama, quer seja da poltrona, quer de uma estante, que tem 1,20 metro de altura”, afirmou Denise Gonçalves Rivera, perita criminal da Polícia Civil do RJ.

“Fizeram todas as medições e viram que, em nenhuma dessas circunstâncias, ele teria essas lesões que a necropsia apresentou”, emendou.

Ainda segundo o laudo da reprodução, há lesões de baixa e de alta energia, provenientes de ações violentas entre 23h30 e 3h30. No depoimento, a mãe afirmou que o filho acordou três vezes com o barulho da televisão da sala, onde Monique e Jairinho assistiam a uma série.

“É possível que Henry tenha sido agredido cada vez que ele ia reclamar”, disse Denise. Do G1

 

 

 

Brasil registra 1.803 mortes por Covid-19 no domingo mais letal da pandemia


Sputnik – O Brasil registrou neste domingo (11) 1.803 mortes pela COVID-19 em 24 horas, o maior número para um domingo em toda a pandemia.

Além das 1.803 mortes, o país contabilizou também 37.017 novos casos confirmados da COVID-19, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass).

Foi o domingo mais fatal desde o início da pandemia, tendo superado os números de 28 de março, quando 1.656 óbitos entraram na contagem. Ao todo, o país soma 353.137 vítimas da doença causada pelo novo coronavírus.

A taxa de mortalidade por grupo de 100 mil habitantes está em 168, a 14ª mais alta do mundo. Em números absolutos, o Brasil é o segundo país do mundo com mais infecções, atrás apenas dos Estados Unidos, que somam mais de 31 milhões de casos.

O estado de São Paulo, que tem os maiores números de infecções e mortes confirmadas pela doença no país, registrou 510 vítimas nas últimas 24 horas.

Com relação à vacinação, foram aplicadas 30,1 milhões de doses, sendo 23,1 milhões referentes à primeira dose, e 6,9 milhões, à segunda. Os números correspondem a 10,9% e 3,2% da população, respectivamente.

Saiba mais informações de cada estado no relatório completo do Conselho.247

Raridade: filme caseiro mostra Raul Seixas nu em férias baianas


O vídeo mostra também o roqueiro comprando acarajé e fumo, visitando o Pelourinho, e na intimidade com a família e amigos

Foto : Reprodução YouTube

Publicado no canal oficial do artista, este filme raro em Super 8 mostra Raul Seixas e família em férias na Bahia no ano de 1973.  Além de imagens inéditas do cantor e compositor que tinha acabado de lançar o primeiro LP, “Krig-ha, Bandolo!”, o vídeo traz também vislumbres preciosos de Dias d’Ávila e Salvador naquele início de década.

Uma das cenas, por exemplo, mostra Raul subindo o Beco do Mota, no Pelourinho: Rua Leovigildo de Carvalho, onde moraram o sambista Batatinha e o obá de Xangô Miguel Sant’Anna. O roqueiro também pinta comprando acarajé, fumo, água de coco e assistindo a uma roda de capoeira, além de tomando banho de rio devidamente nu.

O elenco é de primeira: o irmão Plínio, a esposa Edith, o sogro, a mãe, o pai e uma das filhas de Raul, Simone Vannoy, então um bebê. Assista logo! #TaNoYouTube. Metro1

Sextou: sorria, hoje é o dia da Preparação: por Walter Salles


 Se você tiver paciência, leia esse texto até o seu final. Tenho certeza que irá aprender muito. Isso se for um observador da Palavra de Deus (bíblia), ou pelo menos acreditar na mesma.

 

Através de Moisés os Dez Mandamentos foram entregues no Monte Sinai ao povo hebreu, por Deus, separadamente do restante da Torá (ensinamentos). De acordo com a Bíblia, os Mandamentos escritos nas duas tábuas da Lei, foram escritas pelo dedo do próprio Deus sendo que os demais foram ditados e escritos em pergaminhos por Moisés e ambos falados diretamente ao povo.

 

Walter Salles: Então, está achando mesmo que se trata de uma sexta feira que a galera se prepara para as baladas que já começa na sexta à noite e vai até o domingo, com muitas farras e cerveja gelada? Xiii, pensou errado, mano velho! Estou falando do dia da preparação para receber o Sábado que foi separado dos demais dias e o santificando, sabe por quem? Por Deus, meu amigo e minha amiga. E Deus não é de voltar atrás nas coisas que ele fala. O sábado é um dos 10 mandamentos de Deus, o quarto, e não adianta tapar sol com peneira. Em lugar algum você encontra na bíblia que o Sábado foi abolido.
Em Êxodo 20, do verso 8 até o 11 está bem claro, veja aí:

 8 Lembra-te do dia do sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra, 10 mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus; não farás nenhuma obra, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o teu estrangeiro que está dentro das tuas portas. 11 Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há e ao sétimo dia descansou; portanto, abençoou o Senhor o dia do sábado e o santificou.

Pois é meus amigos e amigas; é muito interessante a gente observar o que Deus deixou escrito na bíblia, através dos profetas, para que a nossa fé se aflore. Mas devemos lembrar sempre, que os mandamentos foram escritos pelo dedo do próprio Deus.

Vou mais adiante um pouco, para que você veja que a coisa é séria e que Deus mandou alimentos pro seu povo que atravessava o deserto. Mandava no primeiro dia da semana, (Domingo) no segundo, no terceiro, no quarto, no quinto e no sexto. Só que no sexto dia, que agente a chama de sexta feira, o alimento era dobrado para sobrar para o Sábado, pois no sábado não era preparado por Deus o alimento. O exemplo vinha e vem do alto. No entanto, se algum dos viajantes guardassem durante a semana algum daqueles alimentos para o dia seguinte, amanhecia cheirando mal e cheio de bichos. Veja da própria bíblia.

E, partidos de Elim, toda a congregação dos filhos de Israel veio ao deserto de Sim, que está entre Elim e Sinai, aos quinze dias do mês segundo, depois que saíram da terra do Egito. E toda a congregação dos filhos de Israel murmurou contra Moisés e contra Arão no deserto. E os filhos de Israel disseram-lhes: Quem dera que nós morrêssemos por mão do Senhor na terra do Egito, quando estávamos sentados junto às panelas de carne, quando comíamos pão até fartar! Porque nos tendes tirado para este deserto, para matardes de fome a toda esta multidão.

Então, disse o Senhor a Moisés: Eis que vos farei chover pão dos céus, e o povo sairá e colherá cada dia a porção para cada dia, para que eu veja se anda em minha lei ou não. E acontecerá, ao sexto dia, que prepararão o que colherem; e será o dobro do que colhem cada dia. Então, disse Moisés e Arão a todos os filhos de Israel: À tarde sabereis que o Senhor vos tirou da terra do Egito, e amanhã vereis a glória do Senhor, porquanto ouviu as vossas murmurações contra o Senhor; porque quem somos nós para que murmureis contra nós? Disse mais Moisés: Isso será quando o Senhor, à tarde, vos der carne para comer e, pela manhã, pão a fartar, porquanto o Senhor ouviu as vossas murmurações, com que murmurais contra ele (porque quem somos nós?). As vossas murmurações não são contra nós, mas sim contra o SenhorDepois, disse Moisés a Arão: Dize a toda a congregação dos filhos de Israel: Chegai-vos para diante do Senhor, porque ouviu as vossas murmurações. 10 E aconteceu que, quando falou Arão a toda a congregação dos filhos de Israel, e eles se viraram para o deserto, eis que a glória do Senhor apareceu na nuvem.

E o Senhor falou a Moisés, dizendo: 12 Tenho ouvido as murmurações dos filhos de Israel; fala-lhes, dizendo: Entre as duas tardes, comereis carne, e, pela manhã, vos fartareis de pão, e sabereis que eu sou o Senhor, vosso Deus. 13 E aconteceu que, à tarde, subiram codornizes e cobriram o arraial; e, pela manhã, jazia o orvalho ao redor do arraial. 14 E, alçando-se o orvalho caído, eis que sobre a face do deserto estava uma coisa miúda, redonda, miúda como a geada sobre a terra. 15 E, vendo-a os filhos de Israel, disseram uns aos outros: Que é isto? Porque não sabiam o que era. Disse-lhes, pois, Moisés: Este é o pão que o Senhor vos deu para comer. 16 Esta é a palavra que o Senhor tem mandado: Colhei dele cada um conforme o que pode comer, um gômer por cabeça, segundo o número das vossas almas; cada um tomará para os que se acharem na sua tenda. 17 E os filhos de Israel fizeram assim; e colheram, uns, mais, e outros, menos. 18 Porém, medindo-o com o gômer, não sobejava ao que colhera muito, nem faltava ao que colhera pouco; cada um colheu tanto quanto podia comer. 19 E disse-lhes Moisés: Ninguém deixe dele para amanhã. 20 Eles, porém, não deram ouvidos a Moisés; antes, alguns deles deixaram dele para o dia seguinte; e aquele criou bichos e cheirava mal; por isso, indignou-se Moisés contra eles. 21 Eles, pois, o colhiam cada manhã; cada um, conforme ao que podia comer; porque, aquecendo o sol, derretia-se.

E aconteceu que, ao sexto dia, colheram pão em dobro, dois gômeres para cada um; e todos os príncipes da congregação vieram e contaram-no a Moisés. 23 E ele disse-lhes: Isto é o que o Senhor tem dito: Amanhã é repouso, o santo sábado do Senhor; o que quiserdes cozer no forno, cozei-o; e o que quiserdes cozer em água, cozei-o em água; e tudo o que sobejar ponde em guarda para vós até amanhã. 24 E guardaram-no até pela manhã, como Moisés tinha ordenado; e não cheirou mal, nem nele houve algum bicho. 25 Então, disse Moisés: Comei-o hoje, porquanto hoje é o sábado do Senhor; hoje não o achareis no campo. 26 Seis dias o colhereis, mas o sétimo dia é o sábado; nele não haverá. 27 E aconteceu, ao sétimo dia, que alguns do povo saíram para colher, mas não o acharam. 28 Então, disse o Senhor a Moisés: Até quando recusareis guardar os meus mandamentos e as minhas leis? 29 Vede, visto que o Senhor vos deu o sábado, por isso ele, no sexto dia, vos dá pão para dois dias; cada um fique no seu lugar, que ninguém saia do seu lugar no sétimo dia. 30 Assim, repousou o povo no sétimo dia.

Muito linda assa passagem da bíblia. Bom, como hoje é sexta feira, o chamado Dia da Preparação, também é bíblico, vou encerrar as minhas atividades aqui, vou me preparar para amanhã que é o Sábadão do Senhor.

Já no primeiro dia da semana, o chamado domingo, é dia de trabalho pesado e assim o faço. Um abraço a todos e feliz Sábado!!

 



Barroso teve apoio da maioria do STF para mandar Senado instalar CPI da Pandem


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso ouviu informalmente todos os demais membros da Corte antes de assinar, nesta quinta-feira (8), a liminar determinando que o Senado instale a CPI da Pandemia, para investigar eventuais crimes do governo de Jair Bolsonaro no combate à pandemia de Covid-19, que já matou mais de 345 mil pessoas no Brasil.

Segundo reportagem da coluna Painel, da Folha de S. Paulo, a maioria dos ministros teria avalizado a decisão monocrática ao ressaltar que a jurisprudência do STF determina a instalação obrigatória de uma CPI quando os requisitos necessários são atendidos, sem que haja a possibilidade de uma análise política do caso pelo presidente da Corte.

No despacho sobre o caso, o ministro ressaltou que gostaria de levar o caso para ser analisado pelo plenário do tribunal nesta quinta-feira (8), o que não foi possível em função da realização do julgamento que proibiu a realização de cultos religiosos e missas presenciais durante a pandemia.

A abertura da CPI da Pandemia atende a um pedido da oposição para apurar eventuais crimes e omissões do governo Jair Bolsonaro no enfrentamento da crise sanitária. Decisão de Barroso aconteceu um dia após o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), ter defendido que a CPI não fosse instalada.

 Bolsonaro faz ataque violento a Barroso e diz que ele fez “politicalha” ao mandar abrir CPI

“Pelo que me parece, falta coragem moral para o Barroso e sobra ativismo judicial. Não é disso que o Brasil precisa. Vivemos um momento crítico de pandemia, pessoas morrem, e o ministro do Supremo Tribunal Federal faz politicalha junto ao Senado Federal”, disse Bolsonaro durante encontro com apoiadores no Palácio do Planalto, de acordo com o jornal O Globo

A informação é do 247

Marido de Elizabeth II, príncipe Philip morre aos 99 anos


[Marido de Elizabeth II, príncipe Philip morre aos 99 anos]

O príncipe Philip, marido da Rainha Elizabeth II, morreu na manhã de hoje (9) aos 99 anos, conforme comunicado anunciado pelo palácio de Buckingham. A família real anunciou que a morte aconteceu no Castelo de Windsor, pela manhã, de causas naturais. Duque de Edimburgo, ele tinha o recorde de longevidade de todos os consortes ingleses.

Philip serviu à Marinha durante a Segunda Guerra, e sua aposentadoria como figura pública foi anunciada em maio de 2017. No mês passado, ele havia sido internado na Inglaterra com problemas cardíacos.

Metro1

Com caos na economia e desemprego recorde, Bolsonaro quer manipular estatísticas do IBGE


Jair Bolsonaro voltou a criticar nesta quinta-feira (8) a Pnad Continua (indicador de desemprego), em uma repetição do que já havia feito há dois anos. Segundo ele,  a culpa pelo aumento do desemprego no Brasil seria apenas fruto da da metodologia do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) que mede o índice.  Ele ameaça intervir no instituto, criado em 1936 e respeitado mundialmente. O Brasil em hoje taxa de desocupação de 14,2%, maior número de desempregados desde o início da série histórica da pesquisa Pnad

“Estamos criando empregos formais mês a mês. Mas tem aumentado o desemprego por causa dessa metodologia do IBGE que atendia ao governo da época”, disse em entrevista à CNN, mentindo sobre o índice e a realidade do desempregro.

Segundo revelou reportagem do jornal Folha de S.Paulo, a taxa de desemprego no trimestre encerrado em janeiro foi de 14,2%, a pior para o período desde o início da pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2012. Ao todo, 14,3 milhões de brasileiros estavam em busca de uma vaga no período.

Esse é, segundo o IBGE, o maior número de desempregados desde o início da série histórica da pesquisa. São cerca de 200 mil pessoas a mais do que no trimestre anterior, encerrado em outubro, e 2,4 milhões de pessoas a mais do que no mesmo trimestre de 2020, antes do início da pandemia.

O IBGE explicou, em nota, há dois anos, que a metodologia segue das recomendações da OIT (Organização Internacional do Trabalho).

“A utilização de conceitos, classificações e métodos internacionais pelos órgãos de estatística de cada país promove a coerência e a eficiência dos sistemas de estatística em todos os níveis oficiais, conforme preconizam os Princípios Fundamentais das Estatísticas Oficiais”, informou o IBGE há dois anos.

A informação foi do 247

 

“Tira a máscara, caralho”, disse Bolsonaro a Queiroga em jantar com empresários


 Em jantar com empresários, ao contrário de Jair Bolsonaro, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, circulou de máscara. Bolsonaro questionou: “Ô, Queiroga, tá de máscara? Tira a máscara, caralho”. Ao que o ministro respondeu, rindo: “tenho que dar o exemplo. Para com essa mania de querer desmascarar as pessoas”.

A parte pior da história, é que muita gente, [eleitores incondicionais], acham bonito esse modela de linguajá do presidente da República. Não se interessam saber o que está por trás deste jantar; não se interessam saber o quanto o governo escancaradamente está governando para os ricos; não se interessam saber o quanto as pessoas de baixa renda vão se prejudicar com a falta de vacina que já chega em conta gotas, e que sendo liberada para os empresários comprarem, certamente as gotas para a população vão ficar ainda mais lenta; enfim: não estão preocupados em saber o que está sendo feito com o Brasil, mas sim elogiar o presidente e até o aplaudir, cada vez que ele solta um palavrão desses que ele está acostumado. Infelizmente é assim. Pelo menos o Queiroga mostrou que não é tão pau mandado, a exemplo do outro que foi obrigado a suspender uma compra grande de vacinas no mês de Dezembro, que certamente, não sendo suspensa, muita mais pessoas já estariam vacinadas e,  consequentemente, muito menos mortes. Mas para quem não tem sentimentos, isso é o que menos importa.

Como fundador do Café com Leite há 32 anos, como editor do mesmo e um dos redatores, sempre presei por defender quem deve ser defendido. Na atualidade, o que acho é que o povo brasileiro, principalmente a classe mais pobre, vive numa verdadeira “roleta russa”, onde a “bala” atinge todos os dias de três a quatro mil pessoas e ninguém sabe quais serão os próximos dos dias que virão. Para livrar os amigos empresários desta “roleta”, agora será liberado para a furada de fila de forma injusta e nojenta, a compra de vacinas para vacinar seus familiares e amigos.

E por falar nisso, se você quiser saber o que rolou no jantar dos ricos, clique aqui nessas letras vermelhas.

Operação Cartel Forte: MP denuncia cinco pessoas por esquema de corrupção no Detran


Operação Cartel Forte: MP denuncia cinco pessoas por esquema de corrupção no Detran

Foto: Reprodução / TV Globo

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou cinco pessoas por crimes de associação criminosa, corrupção ativa e passiva, a partir da investigação realizada na Operação Cartel Forte. A denúncia foi apresentada na última segunda-feira (5). O grupo praticava crimes na prestação de serviço de estampamento de placas veiculares junto ao Departamento

Oferecida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), a denúncia partiu de investigações que revelaram a existência de novo grupo, formado por servidores do órgão público, que negociava e cobrava propinas nos serviços de vistoria e emplacamento de veículos.

 

Foram denunciados o presidente da Associação Baiana de Estampadores de Placas Veiculares e Similares (ABEPV), Adriano Muniz Decia, considerado o coordenador da associação criminosa;  Catiucia Souza Dias, apontada como gerente operacional do esquema; e os servidores do Detran Alex de Carvalho Souza Júnior, contratado via Reda; Leandro Reis dos Santos e Patrícia Meireles Notari, que coordenava o posto do Detran localizado no Shopping Salvador – ela foi exonerada após a segunda fase da Cartel Forte. Os crimes foram descobertos a partir da deflagração da segunda fase da operação, com análises das conversas entre os denunciados em aplicativo de mensagens. Adriano Decia e Catiucia Dias já são alvos de uma primeira denúncia do Gaeco, acusados de cometerem crimes de formação de cartel, falsidade ideológica, fraude em licitação e lavagem de dinheiro.

 

Segundo o Gaeco, Patrícia Notari e Alex de Carvalho, em prévio ajuste de preços feito com Catiucia Dias, sob a orientação geral de Adriano Decia, recebiam propina para condenar placas de veículos, direcionando os clientes a comprarem um novo par de placas veiculares junto à empresa RF Placas, cujo quiosque, localizado no shopping próximo ao posto do Detran no SAC, era administrado por Catiucia. Conforme a denúncia, para cada venda de placa direcionada pelo valor de R$ 140, Patrícia e Alex recebiam R$ 40 e R$ 30, respectivamente. Como coordenadora do posto, ela gerenciava os agendamentos diários e as vistorias a serem direcionadas à empresa e ele, servidor responsável pela vistoria, “condenava” as placas, indicando aos clientes a necessidade da aquisição de novo par. Já Leandro Reis, aponta a denúncia, fazia o transporte e a entrega da propina em espécie. A denúncia estima que o quiosque faturava por mês cerca de R$ 14 mil. “Todo controle financeiro dos diversos atos de corrupção em série foi detalhadamente planilhado pela associação criminosa”, destacou o Gaeco.

Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-Ba).

Bolsonaro é um perigo para o Brasil e para o mundo, diz jornal britânico…


Jair Bolsonaro é tema de editorial do jornal britânico The Guardian - Raul Spinassé/Folhapress
Jair Bolsonaro é tema de editorial do jornal britânico The GuardianImagem: Raul Spinassé/Folhapress

Na noite de ontem, o jornal britânico The Guardian publicou um editorial criticando o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Na opinião expressa pelo jornal, o político coloca não só o Brasil em risco, mas o planeta inteiro.

A publicação cita os mais de 60 mil brasileiros mortos em março por causa da pandemia da covid-19 e lembra que Bolsonaro já criticou o uso de máscaras, além de se posicionar contra as medidas de isolamento social e à vacinação. UOL