(77) 99152-6666

Paolla Oliveira celebra vitória de Lula em primeiro turno com postagem minimalista: 53%


www.brasil247.com - Atriz usou suas redes sociais para expor o seu apoio ao impeachment de Jair Bolsonaro
Atriz usou suas redes sociais para expor o seu apoio ao impeachment de Jair Bolsonaro
 A atriz Paolla Oliveira, uma das mais queridas e admiradas do Brasil, celebrou a pesquisa Datafolha, que aponta grande probabilidade de vitória do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em primeiro turno, com 53% dos votos válidos. Em seu twitter, Paolla foi minimalista.Como Paola, a maioria dos artistas, ou seja, os inteligentes e mais politizados, vem se manifestando a favor de resgatar o brasil que está a caminho do abismo, como muitos têm dito. A Paolla, só pra completar, é uma das mais belas e talentosas atrizes do Brasil. Sorte do Diogo Nogueira.

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Bolsonaro está sentindo o gosto amargo da troca de mitô mitô por outro coro. Leia e escute o vídeo da festa de Caruaru. “Quem planta colhe”


Em uma das festas mais populares do Nordeste, onde tem apenas 19% das intenções de votos, Bolsonaro foi calado diante de uma multidão que rechaçou a tentativa de transformar o evento em palanque.

Mesmo com o DataFolha apontando um nocaute de Lula (PT) no Nordeste – onde o atual presidente tem 19% das intenções de votos frente a 58% do petista -, Jair Bolsonaro (PL) subiu ao palco da festa de São João de Caruaru, em Pernambuco. No entanto, durante o discurso relâmpago de 23 segundos teve que ouvir o coro que ecoa pelo Brasil: “Ei, Bolsonaro, vai tomar no cu”.

May be an image of text that says 'Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! MassaFin Massa F Massa ina Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você.'

A presença de Bolsonaro foi anunciada por Gilson Machado (PL), ex-ministro do Turismo e pré-candidato a senador pelo PL. Após o breve discurso, que resultou na reação da plateia, o presidente ficou escondido em um canto do palco, ao lado do pré-candidato a governador Anderson Ferreira (PL).

May be an image of text that says 'MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard'
Diferentemente dos eventos convocados por ele, onde só comparecem a horda de apoiadores, a festa de São João do Caruaru, uma das mais tradicionais do nordeste, é aberta ao público.

Nas redes, diversos vídeos mostram o momento constrangedor, quando Bolsonaro sobe ao palco e inicia seu breve discurso abafado pelo coro da plateia.

“Caruaru, Pernambuco, boa noite. Capital do forró. Uma satisfação muito grande estar no Nordeste acompanhado de um ex-ministro de Pernambuco, o Gilson Machado. A todos vocês: que Deus ilumine cada um. E que Deus abençoe todo o Brasil. Muito obrigado a todos vocês”, foram as breves palavras do presidente, que foram encobertas pelo “datapovo”, como ele costuma falar da reação das pessoas nas ruas.

Esse coro vem acontecendo por todo país onde em shows de grandes artistas e consequentemente grandes plateias. Recentemente em um show de Elba Ramalho, também na abertura das festas juninas no Nordeste, ela, que é bolsonarista, caiu na besteira de durante intervalo perguntar pra uma multidão que lotava o espaço: “O que vamos cantar agora?” perguntou e já foi ouvindo esse mesmo coro.

Deve ser difícil pro presidente, no lugar de soar no seu ouvido o mitô mitô, soar esse barulho bem diferente que é quase unânime na plateia. É aquele velho ditado que vem se confirmando sempre: “Quem planta colhe”

Fonte Revista Fórum

PF teme retaliação de Bolsonaro após operação que prendeu Milton Ribeiro


Bolsonaro e a PF

Integrantes da Polícia Federal estão em alerta após a operação que prendeu, na quarta-feira (22), o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e pastores suspeitos de corrupção. Membros da corporação temem uma retaliação por parte do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Mais de 15 delegados da PF já foram punidos por atuar em assuntos ou investigações que desagradaram ao governo, seja por meio da remoção dos cargos que ocupavam ou pelo veto a promoções. Esse é o principal motivo para o receio dos policiais, segundo a jornalista Bela Megale.

No photo description available.

A colunista do jornal O Globo informa que o medo dos agentes do órgão foi exposto em grupos de WhatsApp entre diferentes investigadores. No entanto, a maneira como Bolsonaro tratou a prisão publicamente, jogando Ribeiro aos leões e dizendo que “se a PF prendeu, tem um motivo”, surpreendeu os policiais de maneira positiva.

Logo após a prisão do ex-ministro, o presidente afirmou o seguinte, em entrevista à Rádio Itatiaia: “Se tem algum problema, a PF está agindo. Está investigando. É um sinal que eu não interfiro na PF. Se alguém faz algo de errado, pô, vai botar a culpa em mim?”.

De acordo com delegados que conversaram com a jornalista, a operação que prendeu Milton Ribeiro colabora para retirar a “pecha de bolsonarista” colada na Polícia Federal após as diversas tentativas de interferência do chefe do Executivo.

Desde que chegou ao poder, Bolsonaro trocou quatro vezes o posto de diretor-geral da PF. A avaliação dentro do órgão é que investigações como a realizada sobre o MEC reforçam a mensagem de que a corporação atua como polícia de Estado e não de governo, apesar das investidas do presidente.

Do DCM

Mãe de Miguel, menino que caiu do 9º andar, vira símbolo de luta e resistência: da dor ao empoderamento


Imagem de capa para Mãe de Miguel vira símbolo de luta e resistência: da dor ao empoderamento
Mirtes tornou-se símbolo de luta por justiça contra o racismo – Foto: Victória Álvares/Change.org

“Ninguém solta a mão de ninguém”. Essa frase representa parte do que têm sido os últimos dois anos na vida de Mirtes Souza, mãe do menino Miguel, morto ao cair do 9º andar de um prédio, em Recife. Hoje ela transformou a dor em amor ao próximo e está cursando Direito para ajudar outras pessoas.

Ao passo em que o caso se tornou símbolo do racismo estrutural na sociedade brasileira, Mirtes surgiu como ícone de luta. O apoio que recebeu e que começou a oferecer a outras vítimas de injustiça compõe o pano de fundo dessa história de resistência.

“Depois que perdi meu filho, mudei muito, mudei muito mesmo. E toda essa minha luta é por amor a ele, para que se faça justiça. Hoje venho sentindo na pele a questão do racismo institucional e do racismo estrutural. Já passava por isso, mas não tinha o conhecimento, e hoje eu tenho e não abaixo a cabeça para nada disso. Não só para o racismo, mas para a questão de classe social, que vem contando muito também no caso Miguel”, desabafou Mirtes.

Após a morte do filho, ela foi abraçada por movimentos sociais que prestaram apoio humano e jurídico à sua luta por justiça. Campanhas surgiram na internet, reforçadas pelo engajamento de celebridades que intensificaram o apelo, como a jornalista e apresentadora Astrid Fontenelle, a atriz Samantha Schmütz e o ator Lázaro Ramos. Uma petição, de coautoria de Mirtes, ainda aberta na Change.org, chegou perto dos 3 milhões de assinaturas.

A força do apoio 

Mirtes conta que todo o apoio que recebeu até agora foi e tem sido fundamental para que ela erguesse sua voz e seguisse resistindo.

“Essas quase 3 milhões de assinaturas para mim são um combustível para continuar lutando e também é a prova de que eu não estou sozinha nessa luta. Hoje, Miguel não é só mais filho de Mirtes, Miguel é filho do Brasil e do mundo. São pessoas que abraçaram a causa e que estão lutando junto comigo para que haja justiça”.

A mãe de Miguel fala como se transformou nesses dois anos, criando uma nova percepção sobre o racismo estrutural e institucional e a necessidade de combatê-lo.

Curso de Direito

Ao sentir na pele como a justiça brasileira pode ser lenta e desigual, deseja ser uma sementinha que muda o sistema por dentro: quer ser advogada não só para entender e ajudar no processo de seu filho, mas também para, em um futuro breve, atuar em casos semelhantes por justiça.

“Lá na frente, [espero] poder ajudar outras mães a não passar pelo que eu venho passando hoje com esse Judiciário racista, classista e sexista. Estou finalizando o terceiro período e graças a Deus está dando tudo certo”, comenta Mirtes sobre os estudos.

Empoderada

Empoderada e consciente de seus direitos, hoje, Mirtes estende a outras pessoas o mesmo apoio que vem recebendo. Ela faz parte de três organizações antirracistas e feministas em Recife – a Articulação Negra de Pernambuco (ANEPE), a AfroResistance e o Grupo Curumim, nas quais ajuda principalmente a população negra de mulheres e adolescentes.

“Com o Grupo Curumim, eu faço parte da equipe Cunhatã, que desenvolve um trabalho com as adolescentes, dando formação política, artivismo e empoderando essas meninas a lidarem com essas nossas problemáticas do dia a dia. E com a AfroResistance, a gente trabalha mais com a questão de Direitos Humanos, migração, justiça de linguagem”, explica.

May be an image of outdoors and text that says 'MARACÁS X SÃO PAULO SÃO PAULO X MARACÁS É com a Expresso Coopertai! HREA COOPERTA ERETE 華 SEDEX O Azulão que conquistou o viajante! Maracás, V. da Conquista, Montes Claros, BH e São Paulo. Saída todas as quartas e sábados das duas cidades. Reserve a sua passagem pelos fones.. (73)99107-7820 & (11) 98368-6447 Trabalhamos também com encomendas!'

Samuelzinho

Uma das histórias que Mirtes acolheu, recentemente, junto com a ANEPE, é a dos pais de Samuelzinho.

Em novembro de 2021, o bebê de 1 ano e 8 meses morreu por negligência médica em um hospital em Olinda (PE).

Solidária, a mãe de Miguel vem ajudando os familiares de Samuel a denunciarem o racismo institucional presente no caso e a buscar por justiça.

“Eu me envolvi na luta contra o racismo a partir do momento que eu perdi meu filho”, fala Mirtes. “Por isso que hoje eu luto contra o racismo, e principalmente por outras mães que infelizmente passam por isso também e não conseguem enfrentar tudo isso como eu venho enfrentando. Mas já que elas não conseguem enfrentar, eu enfrento por elas”, completa.

Assim como a sociedade recorreu a uma forte mobilização na internet pelo caso Miguel, Mirtes espera que o mesmo aconteça por Samuelzinho. Os pais do bebê também lançaram uma petição, que já reúne mais de 20 mil assinaturas, cobrando justiça.

No photo description available.

A luta continua

Na data em que o caso Miguel completou dois anos, a mobilização de Mirtes ganhou corpo em um ato na Ponte da Boa Vista, em Recife.

Organizações, Mirtes, amigos e familiares levantaram cartazes para protestar. Uma faixa de 40 metros, com a frase “Queremos Justiça Por Miguel”, foi estendida na ponte. A ação foi proporcionada pela Change.org e a ANEPE.

Mirtes precisou da Justiça, mas, dois anos depois, ainda não recebeu dela o que espera: ver a culpada pela morte de seu menino cumprindo pena máxima atrás das grades.

No dia 31 de maio, antevéspera do segundo ano do falecimento de Miguel, saiu a sentença judicial contra Sari Corte-Real, a ex-patroa de Mirtes, com quem Miguel estava sob cuidados. A mulher foi condenada a 8 anos e 6 meses de prisão por abandono de incapaz com resultado morte.

Mirtes reconhece a sentença como parte da vitória, mas diz que só estará satisfeita quando sua ex-patroa estiver presa e cumprindo pena de 12 anos.

Por isso, seus advogados entraram com recurso. Sari está recorrendo em liberdade, benefício que, muitas vezes, não é concedido a pessoas em outros contextos, como negras e de classes sociais mais baixas.

Apesar de ter conseguido transformar parte do luto em luta e de ter se empoderado, a mãe de Miguel carregará para sempre a dor da perda do filho. Para amenizar um pouco dessa dor, ela segue incansável na batalha por justiça.

Coautora da petição aberta na plataforma Change.org, Mirtes pede apoio para alcançar a simbólica marca de 3 milhões de assinaturas.

A intenção da mãe de Miguel é usar o abaixo-assinado como um “apelo social” dentro do processo, juntando-o ao recurso para que a pena de Sari seja aumentada.

Neste momento, a petição contabiliza 2,8 milhões de assinaturas, faltando pouco mais de 164 mil para a meta. Para reforçar a mobilização de Mirtes, acesse o link: http://change.org/JusticaPorMiguel

Mãe de Miguel espera atingir a marca de 3 milhões de assinaturas em petição por justiça - Foto: Victória Álvares/Change.org

Mãe de Miguel espera atingir a marca de 3 milhões de assinaturas em petição por justiça – Foto: Victória Álvares/Change.org

Faixa foi estendida em ponte no Recife para lembrar os dois anos da morte de Miguel - Foto: Victória Álvares/Change.org

Faixa foi estendida em ponte no Recife para lembrar os dois anos da morte de Miguel – Foto: Victória Álvares/Change.org

Mirtes também conta com o apoio de sua mãe nas mobilizações - Foto: Victória Álvares/Change.org

Mirtes também conta com o apoio de sua mãe nas mobilizações – Foto: Victória Álvares/Change.org

Matéria produzida em parceria com a Change.org

A fonte foi Só Notícia Boa

Bolsonaro e Moraes: Encontro a portas fechadas na casa de Lira


Do DCM: Na quarta-feira (22), o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes conversaram a portas fechadas na casa do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

O encontro aconteceu no jantar feito por Lira em homenagem a outro integrante do Supremo, Gilmar Mendes, que celebra os 20 anos de sua indicação para a corte.

May be an image of outdoors and text that says 'Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944'

Principal alvo de ataques de Bolsonaro, Moraes será o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a partir de agosto. Hoje, o magistrado é relator do inquérito das fake news e responsável pela prisão de diversos bolsonaristas.

Recentemente, o chefe do Executivo foi desmentido após acusar Moraes de ter quebrado um acordo que previa que, em troca de uma carta em que pediu desculpas por chamar o ministro de “canalha” durante um ato golpista em 7 de setembro de 2021, o inquérito das fake news seria encerrado.

No photo description available.

A conversa entre os dois, porém, foi amistosa. segundo a jornalista Mônica Bergamo. O presidente até fez piadas com o fato de o magistrado ser corinthiano e ele, palmeirense.

 

Pavor no Planalto com a prisão de Milton Ribeiro


Bolsonaro diz que prisão de Milton Ribeiro é "sinal" de independência na PF  - F5 Online

Maioria dos brasileiros sabem que o presidente Bolsonaro e toda sua família gozam de uma certa blindagem no Planalto e congresso. Não foi a toa que houve tanta luta e gastos para eleger o Lira presidente da Câmara dos Deputados. Mas com tudo isso, pelo fato da corda esticar a ponto de se romper, Interlocutores do presidente Jair Bolsonaro (PL) não escondem o medo de que o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura, presos nesta quarta-feira (22), pela Polícia Federal (PF), comprometam o governo com uma delação premiada em novo depoimento.

May be an image of text that says 'MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard'

Aliados do governo identificaram um tom de ameaça de Milton Ribeiro quando, em depoimento na sede Polícia Federal, em Brasília, em março, ele confirmou que Bolsonaro lhe pediu para receber os dois pastores, acusados por prefeitos de cobrarem propina para intermediar a liberação de verbas do MEC.

O que se espera é que a Polícia Federal exerça o seu papel de cumprir com o que deve e punir quem merecer ser punido.

May be an image of food and text that says 'Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! Massa Fina ิตรรต ino Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você.'

Silêncio total: O depoimento à PF, de acordo com Gerson Camarotti, foi recebido por aliados de Bolsonaro como um aviso do ex-ministro de que não aceitaria ser abandonado.

O ministro deu esse aviso por já conhecer a conduta do presidente, de abandonar o amigo na hora que a casa cai, como aconteceu com o Roberto Jefferson e outros. também, com o depoimento do presidente que questionou se vão querer por a culpa nele, se referindo à pessoa que é o ex ministro Ribeiro, onde disse que quem andou errado que pague pelo que fez.

No photo description available.

Um dirigente do Centrão chamou a atenção para o silêncio dos principais aliados do governo no Congresso Nacional. Para ele, este foi o maior indicativo do impacto da prisão de Milton Ribeiro na base bolsonarista.

O que se sabe é que a situação do presidente Jair Messias Bolsonaro não anda boa. Com o súbito e estúpido aumento dos combustíveis, principalmente no diesel, algo inescapável e ainda querer se livrar da culpa como presidente, a colocando sobre a Petrobrás, depois vem a prisão e o escândalo do MEC, onde ficou caracterizado um balcão de negócios , enquanto a Educação do país se desmorona, certamente o impacto vai ser bem maior que se imagina.

Brasileiros estão tensos, uns com medo e sem armas, outros com ódio e armados, o que realmente traz muitas incertezas sobre o que pode acontecer até começo do mês de Outubro.

Dona Janete, que chorou na TV por não ter comida em casa ganha ajuda!


Imagem de capa para Dona Janete, que chorou na TV por não ter comida em casa ganha ajuda!

Dona Janete era uma das muitas pessoas que estavam na fila do Prato Feito Carioca – programa da Prefeitura do Rio, que distribui refeições a quem não tem o que comer. Fotos: Reprodução/vídeo

A dona Janete Evaristo emocionou a todos após dar uma entrevista no Jornal RJ1, nesta última terça-feira (21). Ela chorou ao vivo ao contar que não tem comida em casa para alimentar a família.

“No domingo não tínhamos o que comer. Eu cato latinha, mas está muito difícil. Eu não tenho ajuda de ninguém”, disse chorando.

E a solidariedade do brasileiro gritou mais alto. A senhora, que cuida sozinha de 4 netos, após perder a filha e o marido, já está recebendo apoio dos internautas.

Na fila para receber comida

Tudo aconteceu quando ela estava na fila do Prato Feito Carioca – programa da Prefeitura do Rio, que distribui refeições a quem não tem o que comer.

Dona Janete deu uma entrevista à repórter Lívia Torres e contou que perdeu a filha há dois anos e o marido há apenas 6 meses. Aí ela ficou sozinha com 4 netos para sustentar na comunidade Morro dos Macacos, em Vila Izabel, no Rio de Janeiro.

Quando ela disse isso, a repórter também se emocionou e pediu desculpas por ter tocado num assunto tão delicado para a senhora.

“As pessoas estão passando fome (…) em pleno 2022”, disse a repórter ao vivo.

No photo description available.

Como ajudar?

Com a repercussão, tem pessoas de todo o Brasil querendo ajudar. E nós abraçamos a dona Janete. Abrimos uma vaquinha online para levar sustento de casa dela por pelo menos 1 ano.

Desempregada, ela mora numa casinha simples. Conversamos com dona Janete, e ela relatou que a ajuda da vaquinha será “uma benção em sua vida” para sustentar os netos.

“Estou muito emocionada com tanto carinho que tenho recebido, não esperava”, disse ao Só Vaquinha Boa.

O valor da campanha é para garantir por um ano comida e contas da casa, além de terminar a casinha dela, que nem móveis direito tem.

Você pode contribuir nessa linda ação pelo PIX-email:

[email protected]

ou clicando aqui no link da vaquinha.

Juntos vamos mudar essa situação triste, da Dona Janete!

Assista ao momento que ela emociona a todos:

 

A informação foi do Só Notícia Boa

Deputado Daniel Silveira propõe Forças Armadas matar sem punição durante operações


O Palácio do Planalto apoia a proposta e ainda justifica que isso ofereceria mais amparo aos agentes

Daniel Siqueira desafia o STF e diz que retirou a tornozeleira

Na última segunda-feira (20), o deputado Daniel Silveira (PTB-RJ), relator do projeto do presidente Jair Bolsonaro (PL) – que cria a “circunstância exculpante” que inibe a punição caso um policial militar ou civil atire e mate alguém durante o serviço – quer ampliar a abrangência do projeto, incluindo também as Forças Armadas.

Além dela, a proposta abrangeria também os policiais legislativos e os servidores efetivos que exerçam atividades de polícia das audiências na autorização do Poder Judiciário.

May be an image of text that says 'MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard'

Nisso, novas situações seriam consideradas, além das que já estão previstas o CP (Código Penal) e no CCP (Código de Processo Penal), para que esses agentes não sejam punidos. O Palácio do Planalto apoia a proposta e ainda justifica que “conceder maior amparo jurídico aos profissionais integrantes dos órgãos de segurança pública, no sentido de atenuar a insegurança para a incolumidade física e psicológica desses profissionais”.

Essa ”liberação” está ocorrendo em um ano de eleição, em um cenário onde o atual presidente faz ameaças recorrentes de um golpe e aposta no caos para conquistar sua reeleição.

O que não se entende é como um presidente pra se reeleger. a saída é levar o país ao caos. O que estaria acontecendo com o eleitor brasileiro se isso viesse a acontecer?

com informação do DCM.

Polícia Federal prende ex-Ministro da Educação, homem de confiança de Bolsonaro


Além do Milton Ribeiro, que foi ministro da Educação, outros integrantes também estão na cadeia, que são os pastores Arilton Moura e Gilmar Santos, ligados a Bolsonaro e apontados como lobistas que atuavam no MEC.

Também a PF faz  busca e apreensão nas casas dos três citados.

Na verdade até o fim dessa reportagem, a notícia que conseguimos apurar, é que o Ribeiro e o Gilmar já foram presos e o terceiro. o Arilton Santos, está sendo procurado.

Ação da PF com vários mandatos já foram cumpridos:

A PF mapeou indícios de crimes na liberação de verbas do fundo com base em documentos, depoimentos e um relatório da CGU (Controladoria-Geral da União). São cumpridos, ao todo,13 mandados de busca e apreensão e cinco de prisões em Goiás, São Paulo, Pará e Distrito Federal.

Os pastores negociavam com prefeitos a liberação de recursos federais mesmo sem ter cargo no governo. O FNDE, órgão ligado ao MEC, é controlado por políticos do centrão, bloco político que dá sustentação a Bolsonaro.

May be an image of food and text that says 'Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! Massa Fina ิตรรต ino Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você.'

Quem são os pastores beneficiados por Bolsonaro

Bolsonaro recebe os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura no Palácio do Planalto em evento no dia 18 de outubro de 2019 Créditos: Carolina Antunes/PR

O pastor Gilmar Silva dos Santos comanda a igreja Ministério Cristo para Todos, em Goiânia (GO), ligada à Assembleia de Deus. Ele nasceu em São Luís do Maranhão, Estado onde concentra forte articulação com os prefeitos, assim como no Amazonas.

May be an image of outdoors and text that says 'Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944'

O Maranhão teve 94 municípios atendidos com 267 empenhos para transferências do FNDE no ano passado. Esses empenhos referem-se a obras ou aquisição de equipamentos ou veículos que somam R$ 684 milhões (considerando o valor total do projeto, não somente o empenhado).

Nas redes sociais, Gilmar Santos diz que está há “40 anos pregando o Evangelho” e faz diversas publicações com suas pregações. Ele também é diretor do Instituto Teológico Cristo para Todos, que oferece cursos de teologia para “formar líderes para servirem ao reino de Deus”. Santos já ministrou em Congressos, Simpósios, Cruzadas e Convenções nos 26 Estados e no Distrito Federal.

Já Arilton Moura, aparentemente, não possui um perfil oficial nas redes sociais. Ele também é do Maranhão e assessor de Assuntos Políticos da Convenção Nacional de Igrejas e Ministros das Assembleias de Deus no Brasil.

No photo description available.

Bolsonaro é informado ao vivo da prisão de Milton Ribeiro: “vai botar a culpa em mim?”

O presidente, que chegou a declarar que botaria a cara no fogo pelo ex-ministro, abandona o ex-auxiliar; veja o vídeo.

Bolsonaro pego de surpresa em entrevista.Créditos: Reprodução de Vídeo

Ao ser questionado de surpresa em entrevista na manhã desta quarta-feira (22), à rádio Itatiaia, sobre a prisão do ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, o presidente Jair Bolsonaro (PL) reagiu: “Vai botar a culpa em mim? (…) Se fez algo que responda pelos seus atos”.

No photo description available.

Na época da denúncia do esquema de corrupção no qual o Ribeiro é acusado de participação, o presidente, durante a sua live semanal, afirmou, ao lado da também pastora e ex-ministra Damares Alves, que o pastor era alvo de “uma covardia”.

“Milton, coisa rara de falar aqui: eu boto a minha cara no fogo pelo Milton, minha cara toda no fogo pelo Milton, estão fazendo uma covardia com ele!”, declarou Bolsonaro.

A informação foi da Revista Fórum

Relembre alguns artistas que perderam tudo por falta de administração


A falta de planejamento financeiro é um dos motivos para que algumas pessoas percam toda sua fortuna e se enrolem em dívidas.

Relembre alguns famosos que faliram

E casos assim também acontecem com famosos, que muitas vezes se deslumbram com a fama e com todo o dinheiro que conquistam devido aos seus trabalhos sob a atenção pública, e acabam falindo.

A lista com artistas que perderam tudo é grande, por isso listamos alguns nomes que perderam todo seu patrimônio após o auge do sucesso e atualmente precisavam viver com um padrão de vida mais baixo ou até mesmo contar com a ajuda de outras pessoas para viver. Confira!

Cida Santos

Campeã do 'BBB 4', Cida reaparece com visual novo em desafio para emagrecer - Famosos - Extra Online

Cida foi a primeira mulher a vencer o Big Brother Brasil e na época levou para casa o prêmio de R$ 500 mil. A quantia, bastante relevante em 2004, ajudou a ex-BBB a comprar sua casa própria, além de ajudar alguns parentes.

Mas Cida perdeu toda sua fortuna após ser fiadora de uma ex-assessora e acabou sendo acionada na Justiça por falta de pagamento. Devido a essa situação, ela perdeu a casa luxuosa em Mangaratiba. Atualmente, a ex-BBB ela mora com o marido e os filhos em um imóvel mais simples.

Marcos Oliveira 

Após internação, Marcos Oliveira, o eterno Beiçola fala sobre sua saúde

Famoso por interpretar o personagem Beiçola na série ‘A Grande Família’, Marcos Oliveira revelou recentemente que está passando por dificuldades financeiras devido à pandemia da covid-19, e estava contando com ajuda de amigo. O ator chegou a pedir ajuda para pagar o aluguel, comer e também para conseguir passar por uma cirurgia. Tatá Werneck foi a responsável por resolver as questões do plano de saúde do artista.

Dado Dolabella 

Dado Dolabella responde por posse de droga em Alto Paraíso de Goiás | Goiás | G1

O ator Dado Dolabella ficou conhecido devido aos seus personagens na TV, mas também devido as diversas polêmicas que se envolveu, dentre elas, acusações de agressão física contra algumas namoradas.

Vencedor da primeira edição do reality ‘A Fazenda’, da Record, Dado chegou a ser preso em 2017 por falta de pagamento de pensão alimentícia. O ator pagou mais de R$ 190 mil e foi liberado. Após acumular uma dívida de mais de R$ 420 mil, foi declarado falido.

Dedé Santana 

De graça! Dedé Santana se apresenta no 1º Festival de Circo Capixaba – ES Brasil

Após fazer sucesso com ‘Os Trapalhões’, Dedé Santana enfrentou uma grande crise financeira e em 2017 chegou a ficar completamente sem dinheiro. Devido à situação, o humorista precisou contar com a ajuda dos familiares e amigos para pagar suas contas.

Sérgio Hondjakoff

Em surto há dias, pais de Sérgio Hondjakoff vivem com medo | Coluna Fábia Oliveira | EM OFF

O eterno Cabeção de ‘Malhação’ já passou por sérios problemas financeiros. O ator chegou a se mudar para os Estados Unidos e trabalhou como garçom na tentativa de ganhar dinheiro, mas não chegou a ficar um ano por lá e retornou ao Brasil. Vale lembrar que recentemente Sérgio Hondjakoff teve uma crise de abstinência e chegou a ameaçar seu pai de morte.

Dhomini, vencedor do BBB 3

Dhomini, vencedor do BBB3, surge em comercial de TV: “Perdi tudo”

Dhomini também faturou o prêmio de R$ 500 mil após vencer o Big Brother Brasil 3. Após o reality, ele decidiu fazer alguns investimentos, mas acabou falindo após eles não derem certo.

Rayanne Morais

Rayanne Morais, que já foi vítima de Douglas, se pronuncia - TV Foco

Ex-mulher do cantor Latino, Rayanne Morais ficou conhecida do público após participar do reality ‘A Fazenda’, da Record. A artista não conseguiu se estabilizar financeiramente e em 2016 enfrentou graves problemas financeiros, chegando a receber apoio financeiro de amigos para pagar suas dívidas.

Maurício Mattar

Maurício Mattar gravou vídeo de "despedida" antes de infarto

Galã nos anos 91, Maurício Mattar se envolveu em várias polêmicas que acabaram com  seu dinheiro. O ator foi processado pela filha devido à falta de pagamento da pensão, além disso, ele foi condenado após atropelar e bater em um motoboy, fazendo com que seus bens fossem penhorados.

Renner da dupla Riki e Renner

Cantor sertanejo Renner, da dupla com Rick, é agredido no interior do Paraná

O cantor Renner perdeu todo seu dinheiro após se separar de Rick, com quem tinha uma dupla. O artista explicou que tudo que ganhava era usado para pagar pensões, por isso não conseguia ter uma poupança.

Do CNN Brasil.

China apresenta seu terceiro e mais avançado porta-aviões


Porta-aviões Fujian

Informação: Em uma cerimônia no Estaleiro Jiangnan, em Xangai, a China apresentou nesta sexta-feira (17) seu terceiro e mais avançado porta-aviões, com um novo sistema de lançamento que, segundo especialistas, está alcançando rapidamente a tecnologia dos Estados Unidos.

Batizado de “Fujian”, o navio é o primeiro porta-aviões com sistema de catapulta projetado e construído na China, informou a agência de notícias estatal Xinhua.

Seu sistema de lançamento assistido é uma grande atualização do sistema menos avançado usado no Liaoning e no Shandong, seus dois antecessores, de acordo com o Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais (CSIS), um think tank com sede em Washington.

O novo método, semelhante aos usados ​​pelos porta-aviões dos EUA, permitirá à China lançar uma maior variedade de aeronaves do Fujian mais rapidamente e com mais munição.

Além do sistema de lançamento, o Fujian está equipado com dispositivos de bloqueio e de deslocamento de carga total de mais de 80.000 toneladas, informou a Xinhua, acrescentando que o navio realizará testes de navegação após seu lançamento.

Matthew Funaiole, membro sênior do Projeto China do CSIS, disse à CNN anteriormente que o novo navio seria a “primeira incursão dos militares chineses em um porta-aviões moderno”.

“Este é um passo bastante significativo”, disse Funaiole. “Eles realmente se comprometeram a construir um programa de porta-aviões e continuam a superar os limites do que são capazes de fazer”, afirmou.

May be an image of food and text that says 'EM MARACÁS, CENTER PÂES Center & DOCES MANAAIM. Só aqui você encontra: bolos, tortas, salgados e frios com a Pães & Doces melhor qualidade da cidade. Não fique de fora dessa!!!. Um ambiente agradável e aconchegante para você e sua família Delicia é comer aqui! Conheça Ο nosso restaurante. Manaaim කදහය 國周り国館 Av. Brasília, N°1011, Maracás-Ba. Fone: (73)3533-3639'

Triste é lembrar que quando o Brasil alcançou a 6ª economia do mundo, se equiparava  à China. Depois de um erro de percurso, o Brasil regrediu e a China avançou.

A China nomeia seus porta-aviões em homenagem às suas províncias costeiras, com Liaoning no nordeste e Shandong no leste. Fujian, no sudeste, é a província mais próxima de Taiwan, separada por um estreito com menos de 128 quilômetros de largura.

O Partido Comunista da China reivindica soberania sobre a ilha democrática, apesar de nunca a ter governado. O líder chinês Xi Jinping disse repetidamente que a “reunificação” entre China e Taiwan é inevitável e se recusa a descartar o uso da força.

May be an image of outdoors and text that says 'MARACÁS X SÃO PAULO SÃO PAULO X MARACÁS É com a Expresso Coopertai! HREA COOPERTA ERETE 華 SEDEX O Azulão que conquistou o viajante! Maracás, V. da Conquista, Montes Claros, BH e São Paulo. Saída todas as quartas e sábados das duas cidades. Reserve a sua passagem pelos fones.. (73)99107-7820 & (11) 98368-6447 Trabalhamos também com encomendas!'

Os chineses agora possuem a maior força naval do mundo, e os porta-aviões são os principais navios da frota de qualquer grande potência. Essas embarcações são essencialmente uma base aérea móvel, permitindo a implantação rápida e de longo prazo de aeronaves e armamentos para combate.

Navios chineses realizam exercícios militares próximos a Taiwan / Reuters

O crescimento naval da China ocorre em meio a crescentes tensões geopolíticas com os EUA, que sob o presidente Joe Biden estão buscando fortalecer os laços com aliados e parceiros na região da Ásia para combater a crescente influência econômica e o poder militar de Pequim.

No ano passado, a China se irritou com um pacto de segurança entre os EUA, o Reino Unido e a Austrália nomeado Aukus, um acordo pelo qual as três nações trocariam informações militares e tecnologia para formar uma parceria de defesa mais próxima na Ásia.

Rivalidade naval

O primeiro porta-aviões da China, o Liaoning, era um navio inacabado da era soviética que Pequim comprou da Ucrânia em 1998, atualizou e finalmente comissionou em 2012.

Os militares chineses usaram o conhecimento tecnológico que obtiveram com essa embarcação para construir internamente seu primeiro porta-aviões, o Shandong, que entrou em serviço em dezembro de 2019.

Mas, embora os dois porta-aviões iniciais da China tenham aumentado seu poder naval, sua capacidade ainda estava muito atrás dos EUA, que têm um total de 11 navios deste tipo em serviço. Além disso, tanto o Liaoning quanto o Shandong foram baseados em tecnologia soviética ultrapassada.

Aeronaves lançadas com o novo sistema do Fujian podem decolar mais rapidamente e com maiores quantidades de combustível e munição.

No entanto, Funaiole do CSIS disse que ainda há sinais de que a embarcação chinesa está atrás de suas contrapartes americanas, que têm mais catapultas, uma via aérea maior e mais elevadores para permitir uma implantação mais rápida de aeronaves.

No photo description available.

Todos os porta-aviões dos EUA também são movidos a energia nuclear, enquanto acredita-se que o Fujian funcione com propulsão a vapor convencional, o que Funaiole disse que limitaria seu alcance. “(Embora) isso possa ser um fator menor para a China agora, já que muitos de seus interesses estão nos mares próximos”, disse ele.

Após seu lançamento, o Fujian precisará ser testado e totalmente equipado antes de ser comissionado e entrar oficialmente em serviço.

Inicialmente, o Departamento de Defesa dos EUA estimou que o porta-aviões estaria pronto para o serviço ativo até 2023, mas agora adiou essa data para 2024.

O porta-aviões Shandong também levou dois anos desde o lançamento em 2017 até quando finalmente entrou em serviço em 2019. Além disso, o Fujian pode ter dificuldades para operar a nova tecnologia.

Até mesmo os EUA tiveram dificuldade em utilizar o mesmo sistema em seu último porta-aviões, o USS Gerald R. Ford, levando a longos atrasos na implanta

Motociata: Enquanto o mundo chora pelos assassinatos de Dom Philips e Bruno Pereira, Bolsonaro promove motociata exatamente no Amazonas


Se as declarações pavorosas já não haviam sido suficientes, o presidente Jair Bolsonaro (PL) dará no sábado (18) mais uma demonstração de que pouco se importou com os assassinatos do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira na Amazônia. O governo tem sido cobrado internacionalmente pela postura que teve diante do caso, mas segue mantendo a mesma indiferença.

Três dias depois da confirmação da morte da dupla após a descoberta de restos humanos pela Polícia Federal (PF), o mandatário participará de uma motociata em Manaus. Bolsonaro, que sequer cogitou ir ao Amazonas acompanhas as buscas na região de Atalaia do Norte, vai pela primeira vez desde que o desaparecimento dos dois para um evento eleitoreiro.

No photo description available.

O presidente chegou a dizer que Dom Phillips era “mal visto” na região enquanto as buscas ainda eram realizadas, demonstrando seu desprezo com o jornalista e com o indigenista

O caso ganhou forte repercussão internacional e aumentou a pressão sobre o governo diante da política ambiental permissiva com o desmatamento e com a ação de criminosos na Amazônia e os constantes ataques do presidente a ativistas de direitos humanos e do meio ambiente.

A eurodeputada Anna Cavazzini, vice-presidenta da delegação do Parlamento Europeu para o Brasil, responsabilizou o presidente pelas mortes. “Estes assassinatos são também uma consequência da difamação dos ativistas humanos e ambientais pelo presidente Bolsonaro e do desmantelamento da legislação ambiental e de direitos humanos”, apontou em entrevista ao jornalista Jamil Chade, do portal Uol.

May be an image of food and text that says 'EM MARACÁS, CENTER PÂES Center & DOCES MANAAIM. Só aqui você encontra: bolos, tortas, salgados e frios com a Pães & Doces melhor qualidade da cidade. Não fique de fora dessa!!!. Um ambiente agradável e aconchegante para você e sua família Delicia é comer aqui! Conheça Ο nosso restaurante. Manaaim කදහය 國周り国館 Av. Brasília, N°1011, Maracás-Ba. Fone: (73)3533-3639'

Membros do Congresso dos Estados Unidos e do Parlamento do Reino Unido também questionaram o governo Bolsonaro diante do caso.

Bolsonaro tem responsabilidade política nas mortes de Dom Phillips e Bruno Pereira, diz historiador

Para o historiador Lucas Pedretti, pesquisador do Núcleo de Memória e Direitos Humanos do Colégio Brasileiro de Altos Estudos (CBAE/UFRJ), não se pode negar que há responsabilidade política de Bolsonaro. “Independente do que vem a ser comprovado sobre os mandantes do duplo assassinato – e a gente precisa cobrar até o final para que sejam revelados os mandantes -, o fato é que a gente não pode ignorar a responsabilidade política do governo Bolsonaro”, apontou em entrevista à Fórum.

Segundo o historiador, o projeto bolsonarista se baseia em uma lógica de violência que está diretamente relacionada “ao incentivo que o governo faz a um conjunto de práticas criminosas” e ao desmonte de órgãos de controle que possam frear esses grupos criminosos.

“Você só entende o avanço do garimpo legal, da grilagem ilegal, do ataque as terras indígenas, na Amazônia, se você entende o desmonte da Funai, do Ibama e de setores da Polícia Federal”, apontou.

Leia sobre o que diz o historiador Lucas Pedretti aqui na Revista Fórum

Após assassinato de Bruno e Dom, parlamentares dos EUA questionam política ambiental de Bolsonaro


Deputados do partido Democrata afirmam que é preciso fazer uma investigação independente e transparente sobre o assassinato do servidor da Funai e do jornalista britânico

Mais um crime bábaro que choca o mu7ndo. O primeiro foi de Mariele Franco, que até hoje ainda não foi revelado o mandante

De acordo a matéria da Revista Fórum, um deputado dos Estados Unidos, Raúl Grijalva (Democrata), se pronunciou nesta quinta-feira (16) sobre o assassinato de Bruno Pereira e Dom Phillips e pediu que a morte de ambos seja investigada de modo independente. O parlamentar também afirmou que isso será importante para saber quais foram as ações tomadas pelo governo de Jair Bolsonaro (PL) após o desaparecimento.

“Há numerosas questões que permanecem, não apenas sobre seu desaparecimento, mas sobre as ações subsequentes tomadas pelo governo Bolsonaro”, disse à Folha de S. Paulo o parlamentar, que representa o estado do Arizona e integra a Comissão de Recursos Naturais da Câmara dos EUA.

May be an image of text that says 'Panificadora Massa Fina Aqui também é lanchonete e o produto é de qualidade!! MassaFin Massa F Massa ina Venha comprar seu pão na certeza que estará levando um ótimo produto para sua casa. Aqui também você faz o seu lanche, onde pode escolher dentre a nossa variedade de salgados e sanduiches. Entre e fique a vontade!!! Estamos em Planaltino, ao lado da Feira Livre, aguardando você.'

Após assassinato de Bruno e Dom, parlamentares dos EUA questionam política ambiental de Bolsonaro.Créditos: Reprodução/Fantástico

“Peço ao sistema judicial brasileiro que responsabilize os autores destes assassinatos horríveis. O governo brasileiro deveria permitir uma entidade independente conduzir uma investigação intensiva e transparente. As famílias e amigos de Dom e Bruno merecem justiça, e podem ter certeza de que o mundo estará olhando de perto. A perda deles é uma notícia devastadora para a comunidade internacional, para o jornalismo e os direitos indígenas no Brasil e ao redor do mundo”, afirmou que Grijalva. 

Mark Pocan, deputado democrata pelo estado de Wisconsin, que integra um dos comitês de Orçamento vinculado às verbas ligadas à agricultura e desenvolvimento rural, também cobrou o governo brasileiro. “Jornalistas deveriam ter segurança para fazer seu trabalho, não importa o que estão investigando, se é pesca irregular, desmatamento ilegal ou governos corruptos. Espero que o governo brasileiro e os governos ao redor do globo garantam que assassinatos brutais como esse nunca se repitam”.

No photo description available.

Representante do Parlamento Europeu relaciona crime com Bolsonaro

A política ambiental do governo Jair Bolsonaro (PL) permissiva com o desmatamento e com a ação de criminosos na Amazônia e os constantes ataques do presidente a ativistas de direitos humanos e do meio ambiente abriram caminho para as mortes do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira, segundo representante do Parlamento Europeu no Brasil. A avaliação mostra que o episódio trágico devastou ainda mais a imagem do Brasil no exterior.

Em entrevista ao jornalista Jamil Chade, do portal Uol, a eurodeputada Anna Cavazzini, vice-presidenta da delegação do Parlamento Europeu para o Brasil, lamentou o episódio e criticou o governo Bolsonaro. 

May be an image of outdoors and text that says 'Tudo para a sua MADEIREIRA EIRAJK construção Aqui você encontra tudo. Do alicerce ao interruptor! E mais: temos preços bons, qualidade e atendimento. Estamos lhe aguardando na AV. Brasília 404, em frente a Pousada Menina Bonita, em Maracás. Telefone whatsapp (73) 3533-2944'

“As mortes do jornalista Dom Phillips e do ativista dos direitos indígenas Bruno Pereira são notícias terríveis. As autoridades brasileiras devem investigar imediatamente os antecedentes destes assassinatos e levar os responsáveis à Justiça”, disse nesta quinta-feira (15).

“Estes assassinatos são também uma consequência da difamação dos ativistas humanos e ambientais pelo presidente Bolsonaro e do desmantelamento da legislação ambiental e de direitos humanos”, apontou.

“Sentimentos aos familiares”, diz Bolsonaro sobre mortes de Dom e Bruno


Jair Bolsonaro - Canal Rural

O presidente Jair Bolsonaro (PL) usou as redes sociais, nesta quinta-feira 16, para se manifestar sobre as mortes do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips.

“Nossos sentimentos aos familiares e que Deus conforte o coração de todos!”, escreveu o presidente no Twitter em resposta a uma postagem da Funai lamentando a morte da dupla.

Enquanto a mensagem de Bolsonaro tem apenas uma linha e não informa nenhuma medida a ser adotada pelo governo após os assassinatos, a da instituição tem cinco parágrafos e traz menção aos cargos que Bruno havia exercido como servidor público e ao seu “imenso legado” para a proteção de indígenas isolados.

havia exercido como servidor público e ao seu “imenso legado” para a proteção de indígenas isolados.

Na noite anterior, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), principal adversário político de Bolsonaro nas eleições deste ano, pediu um momento de silêncio aos apoiadores em Minas Gerais, após o anúncio da morte do indigenista e do jornalista.

Lula ainda prometeu colocar fim ao garimpo ilegal caso seja eleito. Ele disse estar comprometido com a demarcação de terras indígenas.

“Se nós ganharmos essas eleições, eu quero assumir um compromisso de que não haverá, em hipótese alguma nesse país, garimpagem na terra indígena desse país“, afirmou. “Posso dizer para vocês que é um compromisso. Terei todo o prazer de demarcar todas as terras que precisarem ser demarcadas”, afirmou Lula.

Com informação do DCM

joguei “veneno” em evento de Lula em Uberlândia: “dois litros” diz operador de drone


deo revela diálogo entre os operadores do drone que jogou substância com forte odor no público do evento em MG; três homens foram presos
www.brasil247.com - Drone que jogou veneno em evento de Uberlândia
Drone que jogou veneno em evento de Uberlândia (Foto: Reprodução)

Um vídeo revela o momento da operação do drone que jogou uma substância com forte odor no evento em Uberlândia (MG) com participação do ex-presidente Lula nesta quarta-feira (15) e do ex-prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil.

No diálogo, que é gravado nas imagens, eles dizem que a substância é “veneno” e que já teriam jogado “dois litros só”. Três homens foram presos pela operação do drone. Reportagem da Globo divulgou o vídeo e a transcrição do diálogo.

A princípio, a informação era de que se tratavam de fezes e urina jogadas pelo drone. Segundo a Polícia Militar, o drone teria saído de um condomínio próximo ao centro universitário onde o encontro foi sediado.

May be an image of text that says 'MERCADO RPM Sua satisfação em 10 Lugar! 73 3533 -2850 VISA AUGUSTO ELOY, 11, MARACAIZINHO MARACÁS BA MasterCard'