Paulo Coelho publica ficha do DOPS: ‘Fui preso e turturado’


O escritor e compositor Paulo Coelho publicou em sua conta no Twitter cópia de sua ficha no Departamento de Ordem Pública e Social da Secretaria de Segurança do extinto estado da Guanabara (Rio de Janeiro). Ele usou a hashtag #DitaduraNuncaMais.

LEIA MAIS: Juíza intima Bolsonaro a se manifestar sobre celebração do golpe de 1964

Ele afirma que foi preso três vezes e em uma delas foi torturado. O motivo da prisão foi: “compositor”.

Nos anos 70, durante a ditadura militar, Paulo Coelho era parceiro da Raul Seixar, sendo dele as letras de várias canções imortalizadas pelo roqueiro baiano.

Confira:

Paulo Coelho

@paulocoelho

Fui preso tres vezes, em uma delas torturado.
Família desesperada.
Motivo da prisão: “compositor”