Parece que o ídolo do Bolsonaro vai dançar: A nova pesquisa dá vantagem recorde de 17 pontos de Biden sobre Trump nos EUA


Faltando apenas 3 semanas para a votação, candidato opositor cresceu pouco mas contou com queda na intenção de votos do atual presidente, o que levou à maior diferença observada na disputa até agora.

Uma pesquisa sobre as eleições dos Estados Unidos realizada pela consultora Opinium Research e publicada nesta terça-feira (13) pelo jornal britânico The Guardian, apresentou um cenário muito favorável ao candidato Joe Biden.

O representante do Partido Democrata tem 57% das intenções de voto e uma vantagem confortável com relação ao atual presidente Donald Trump, que tenta sua reeleição como candidato do Partido Republicano, mas que possui apenas 40%.

A diferença de 17 pontos percentuais é a maior já registrada desde o início da corrida eleitoral estadunidense, cenário que ganha ainda mais significado pelo fato de que faltam menos de 3 semanas para o dia da votação, de ocorrerá na terça-feira 3 de novembro.

Em comparação com a última medição da mesma consultora, em agosto, Biden subiu 1,5%, mas contou com uma queda de quase 4% de Trump, o que permitiu essa maior diferença até o momento.

Com o cancelamento do debate que estava programado para esta quinta-feira (15), os candidatos terão apenas mais um cara-a-cara antes do pleito, que acontecerá dentro de 8 dias: no dia 22 de outubro. A campanha de Trump propôs a realização de outro debate, no dia 29 de outubro, mas até o momento a equipe de Biden tem se mostrado contrária à esta opção.

É como dizem os mais inteligentes: “em time que está ganhando não se mexe”.

Com informação da Revista Fórum.