(77) 99152-6666

Banhistas fazem corrente humana e salvam homem que se afogava: vídeo


Foto: RichardMarkham / BNPS
Foto: RichardMarkham / BNPS

Uma corrente humana salvou um homem da correnteza na praia de Durdle Door, em Dorset, no Reino Unido.

Quase 20 banhistas que estavam na areia juntaram forças, deram as mãos e de forma segura e firme conseguiram puxar o nadador de volta.

A testemunha, Jennie Bell, que estava de férias com sua família, disse que ficou preocupada com o tamanho e da força das ondas, na semana passada. Mesmo assim, um homem as desafiou.

“Um homem entrou e nadou… depois de um tempo, ficou claro para mim e para os outros banhistas que ele não conseguia voltar para a praia”, explicou.

“Então, muitas pessoas deram as mãos para formar uma corrente que levava diretamente até ele na água.”

Como

“Eles colocaram uma prancha de bodyboard, sem sucesso, porque as ondas estavam muito fortes”, conta Emily Foote que registrou a cena. (vídeo abaixo)

“Ficou claro que ele se afogava quando começou a agitar os braços pra cima. Ele não estava em pânico ainda, mas não conseguia voltar pra costa. Foi nesse momento que as pessoas começaram a se reunir e formar a corrente humana”, contou.

O nadador “conseguiu surfar uma onda e alguém conseguiu agarrá-lo”, disse Jennie.

Comemoração

“No final, todos bateram palmas. Isso mostra que foi um esforço de equipe”, descreveu Emily.

A guarda costeira de Lulworth disse que o nadador saiu ileso.

“Foram as pessoas unidas que salvaram a vida dele”, ,afirmou o guarda Matt Leat.

“O mar é implacável, então você precisa respeitá-lo. Você precisa cuidar de seus amigos e familiares”, alertou.

Com informações do Bright Vibes e The Guardian

 

 

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Ao relembrar ‘piada’ racista, Serginho admite que não há negros na equipe do Altas Horas


Ao relembrar 'piada' racista, Serginho admite que não há negros na equipe do Altas Horas

Foto: Reprodução / TV Cultura

O apresentador Serginho Groisman foi o convidado do programa Roda Viva, da TV Cultura, desta segunda-feira (31), e, em determinado momento, foi indagado pelo jornalista Alberto Pereira Jr, do Trace Trends, da RedeTV!, sobre um episódio polêmico que aconteceu no Altas Horas.

 

Em 2018, a dupla César Menotti & Fabiano contou uma história concluindo que “samba é coisa de bandido”. O entrevistador então quis saber a reflexão que aquele episódio trouxe para o global, levando em consideração o debate do racismo estrutural, já que o samba é originário da população negra, e questionou se na atual equipe há profissionais negros.

“Essa dupla [sertaneja] já esteve no programa várias vezes antes e já havia contado essa história. Essa história, basicamente, é como um irmão é um pouco mais inteligente, e o outro comete barbaridades. Eles pegaram uma piada, uma história, que foi contada por um sambista, que ia ao presídio e que um dos dois [cantores] sempre se atrapalhava. O César Menotti falava uma coisa, o Fabiano retrucava de um jeito totalmente estabanado”, iniciou.

“Uma história que era engraçada e, na verdade, não se prestou atenção no final, onde eles falam: ‘Mas samba é coisa de bandido’. Essa história começou a refletir de uma maneira por um lado muito coerente, muito certo, porque as pessoas se sentiram atingidas e falando: ‘Samba é coisa de negro, negro relacionado com bandido e não está correto'”, contextualizou.

 

Serginho então disse que no primeiro momento o assunto passou desapercebido, mas que depois optou por deixar ir ao ar. “Na verdade, eu não iria tentar censurar ou cortar alguma coisa que foi dita. A repercussão foi muito garante, realmente”, confessou.

 

“Então, sim, a gente teve que fazer uma reflexão. Mas, de nenhuma maneira, eu acredito que a gente tenha deixado de dar espaço a quem merece, de dar espaço às pessoas que por alguma maneira se sentem prejudicadas, seja por gênero, raça ou qualquer atitude não democrática”, reforçou.

 

Sobre a existência de diversidade no seu ambiente de trabalho, ele revelou. “Na minha equipe já teve negros. Nesse momento, não. Mas se a gente falar de gêneros, têm. Acho que uma atitude que a gente tem perante a sociedade tão clara durante tantos anos tem sentido nesses momentos em que a gente faz uma reflexão um pouco mais profunda”, atentou. Em outro momento, disse ainda que o episódio não chamou atenção para a população carcerária, que também estava sendo atacada. Assista:  Do BahiaNotícias

Paulo Guedes anuncia guerra contra servidores públicos com reforma administrativa


A nova maracutaia de Paulo Guedes - Outras Palavras

O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou uma guerra contra os servidores públicos nesta terça-feira (1º) ao antecipar que o governo enviará na quinta-feira (3) uma proposta de reforma administrativa do serviço público para análise do Congresso Nacional, que será válida para futuros servidores. “A opinião pública não está disposta a aceitar abusos, salários astronômicos, isso tem que ser revisado na reforma”, disparou.

Não é de hoje que esse ministro tenta desqualificar o funcionalismo. Em fevereiro deste ano, por exemplo, ele chamou os servidores públicos de “parasitas” ao defender a reforma administrativa.

A “República dos Bancos”, cujo representante no governo é Paulo Guedes, em conluio com a velha mídia, tentam passar o “conto do vigário” na sociedade há meses. Eles mentem descaradamente. Vale tudo para retirar direitos, senão recordemos as falsas promessa anteriores:

 

  • a reforma trabalhista vai gerar 4,3 milhões de novos empregos;
  • a reforma da previdência vai gerar 6 milhões de novos empregos;
  • a reforma administrativa vai melhorar os serviços públicos; e
  • se todas as reformas forem aprovadas, o dólar vai cair.

 

Para o ministro, a contenção de gastos com o funcionalismo poderá ajudar na criação do programa Renda Brasil, que deverá substituir o Bolsa Família para atender parte da população beneficiada com o auxílio emergencial na pandemia de coronavírus. Guedes anunciou ainda a prorrogação do auxílio até dezembro, com quatro parcelas de R$ 300. Outra mentira cabeluda.

Fonte Blog do Esmael

 

Centrais sindicais rejeitam redução do auxílio emergencial e querem R$ 600 até dezembro


Sindicalistas enfrentaram a chuva para protestar contra a política econômica e o apoio da Fiesp ao governo.

As centrais sindicais – CUT, Força Sindical, CTB, Nova Central, UGT e CSB – divulgaram nota nesta terça-feira (1) em que rejeitam a proposta do presidente Jair Bolsonaro de redução do auxílio emergencial de R$ 600 para R$ 300.

As entidades sindicais defendem a permanência do valor de R$ 600,00 e organizam uma pressão sobre o Congresso Nacional. “As Centrais Sindicais rejeitam a medida anunciada nesta terça-feira (1º) pelo governo que reduz à metade o valor do auxílio emergencial; propõem e defendem que o Congresso Nacional prorrogue até dezembro o benefício do Auxílio Emergencial de R$ 600,00, com os mesmos critérios de acesso e para o mesmo universo de pessoas credenciadas que ainda necessitam do benefício”, diz um trecho da nota.

Leia a íntegra da nota das centrais sindicais contra a redução do auxílio emergencial:

No início de março, apresentamos ao Congresso Nacional a proposta de um Abono Emergencial para proteger os/as trabalhadores/as mais vulneráveis, que trabalham por conta-própria ou como autônomos, os/as assalariados/as sem registro em carteira, trabalhadoras/es domésticas e todos/as que dependem dos programas de transferências de renda. Apresentamos também propostas para a proteção das empresas e dos empregos dos/as assalariados/as que sofreram os impactos do isolamento social.

Provamos que era necessário e possível, e o Congresso aprovou um Auxílio Emergencial de R$ 600,00, sendo ainda devido um Auxílio de R$ 1.200,00 para a mãe chefe de família. Essa medida beneficiou mais de 65 milhões de pessoas, impedindo que caíssem na pobreza, criando uma proteção econômica efetiva para as famílias mais vulneráveis, bem como ajudou a sustentar o consumo de bens e serviços essenciais, em especial nas regiões mais pobres do país.

Com informação do Blog do Esmael

Médica foi picada por cobra em cachoeira e foi parar na UTI


médica Dieynne Saugo

A médica Dieynne Saugo

Médica é picada por cobra venenosa durante banho em cachoeira, passa por cirurgia e está na UTI em MT. Vídeo flagrou momento do acidente

A médica Dieynne Saugo foi picada por uma cobra da espécie jararaca durante um banho na Cachoeira Serra Azul, em Nobres, a 151 km de Cuiabá (MT). O acidente aconteceu no último domingo (30).

Dieynne foi encaminhada ao Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) para receber o soro e depois foi transferida para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular.

Por meio do perfil de uma rede social da médica, a família publicou um comunicado informando que Dieynne fazia um passeio pelos pontos turísticos da região quando ocorreu o incidente. Um vídeo gravado no momento do acidente mostra a médica pedindo socorro (ver abaixo).

A cobra teria despencado com a queda d’água da cachoeira e atingiu a médica que estava logo abaixo. Em nota, o Parque Sesc Serra Azul informou que a equipe de saúde da pousada foi acionada imediatamente, deu todas as orientações e está acompanhando o caso.

“Desde o funcionamento do Parque Sesc Serra Azul, em dezembro de 2011, quando a unidade foi aberta ao público, esta é a primeira vez que acontece um acidente desta natureza”, diz. Após publicidades segue a matéria.

Segundo familiares, Dieynne passou por uma cirurgia na tarde desta terça-feira (1). “Ela está internada na UTI, teve duas picadas, mas está em estado estável. Agradeço pelas mensagens e apoio, só peço oração para passar logo, que sei que vai ficar tudo bem, porque quem está no comando é maior do que tudo”, disse a irmã da médica.

Especialistas afirmam que a cobra que picou a médica é uma das espécies mais perigosas do Brasil.

“A Jararaca tem desenhos que lhe proporcionam uma ótima camuflagem, o que torna difícil a visualização do animal, mesmo para olhos experientes. Em regiões de mata, sempre que for pegar algo no chão fique atento, porque a cobra ataca para se defender. Durante caminhadas, é importante usar um calçado, de preferência uma bota, e prestar muita atenção por onde pisa. A espécie é encontrada em todas as regiões do Brasil e possui um dos venenos mais letais”, afirma o pesquisador Paulo Sampaio.

O veneno da jararaca despertou o interesse médico e é estudado há décadas, levando a diversas pesquisas para os meios de utilização de substâncias presentes como fármacos.

Em 1965 foi isolada a proteína de veneno da jararaca que, depois de estudos e testes, resultou em um remédio controlador da hipertensão, o captopril. Portanto, a conservação das serpentes venenosas brasileiras e mais estudos sobre a composição bioquímica das suas glândulas de veneno são importantes também pelo seu potencial farmacêutico, além do valor biológico em preservar a nossa biodiversidade animal.

Com informação do Pragmatismo Político

Sempre que foi julgado por juízo imparcial e independente, Lula foi absolvido. Por Cristiano Zanin Martins


É quinta ação contra Lula rejeitada fora da jurisdição parcial de Moro e da Lava Jato

Por DCM

NOTA DA DEFESA DO EX-PRESIDENTE LULA

O Tribunal Regional Federal da 1ª. Região (TRF1) proferiu hoje (1º/09/2020) mais uma justa e importante decisão ao acolher por unanimidade nosso habeas corpus e determinar o trancamento da ação penal n° 0016093-96.2016.4.01.3400 (Janus 1) em relação ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. É a 5ª. Ação Penal proposta contra Lula rejeitada pela Justiça até o momento.

O TRF1 decidiu, na linha do que expusemos no habeas corpus, que o Ministério Público Federal fez uma acusação precária, sem qualquer suporte probatório mínimo e sem sequer especificar as condutas atribuídas a Lula. Neste processo Lula foi acusado de receber vantagem indevida da Odebrecht por meio do Sr. Taiguara Rodrigues e por meio de palestras comprovadamente realizadas.

Sempre que foi julgado por um órgão imparcial e independente — fora da Lava Jato de Curitiba — Lula foi absolvido ou a acusação foi sumariamente rejeitada, na linha da defesa que apresentamos em favor do ex-presidente, como se verifica nos casos abaixo:

1) Caso “Quadrilhão”: 12ª Vara Federal Criminal de Brasília – Processo n.º 1026137-89.20184.01.3400 – o ex-presidente Lula foi absolvido sumariamente e a decisão se tornou definitiva (trânsito em julgado);

2) Caso “Obstrução de justiça” (Delcídio do Amaral) – 10ª Vara Federal Criminal de Brasília – Processo n.º 0042543-76.2016.4.01.3400 (42543-76.2016.4.01.3400) – o ex-Presidente Lula foi absolvido por sentença que se tornou definitiva (trânsito em julgado);

3) Caso “Frei Chico”: 7ª Vara Criminal Federal de São Paulo – Inquérito n.º 0008455-20.2017.4.03.6181 – rejeição da denúncia em relação ao ex-presidente Lula confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 3ª. Região;

4) Caso “Invasão do Tríplex”: 6ª Vara Criminal Federal de Santos – Inquérito n.º 50002161-75.2020.4.03.6104 – denúncia sumariamente rejeitada em relação ao ex-presidente Lula.

Registramos, por fim, nossa expectativa de que o Supremo Tribunal Federal acolha os dois habeas corpus que tramitam perante aquela Corte e que pedem a anulação dos processos abertos contra Lula pela Lava Jato de Curitiba em virtude da suspeição do ex-juiz Sergio Moro e dos procuradores da República liderados por Deltan Dallagnol, para que o ex-presidente possa ter direito a um julgamento justo e imparcial também em relação a esses casos.

Cristiano Zanin Martins

Maia diz que portaria da Saúde sobre aborto é ‘ilegal’ e ‘absurda’ e busca apoio para sustar regras


Centrão pressiona Rodrigo Maia contra ações da PF na Câmara

Do  G1

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), classificou como “ilegal” e “absurda” a portaria do Ministério da Saúde, editada na última semana, que altera normas sobre a realização de aborto legal nos casos de estupro.

A portaria do governo, publicada no “Diário Oficial da União” no último dia 28, diz que a equipe médica é obrigada a notificar à polícia os casos de acolhimento de pacientes quando houver indícios ou confirmação de crime de estupro. A portaria também prevê que a equipe médica ofereça à vítima de estupro a visualização do feto ou do embrião por meio de ultrassonografia.

“Do meu ponto de vista, [a portaria] é completamente ilegal, absurda. Não é o Ministério da Saúde que pode tomar a decisão como tomou, interferência numa lei”, disse, durante coletiva de imprensa. A matéria continua após publicidades.

Maia defendeu que o próprio governo recue das regras, mas disse que, caso contrário, buscará apoio para derrubar a portaria – seja aprovando um projeto no Congresso ou recorrendo ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Na última sexta (28), dois projetos de decreto legislativo foram apresentados para anular as mudanças definidas pelo Ministério da Saúde. Para que isso aconteça, a matéria precisa ser aprovada na Câmara e no Senado.

“Do meu ponto de vista, o melhor caminho é que o governo pudesse recuar nessa decisão. Se isso não ocorrer, acho que nós temos que trabalhar para que ou a gente possa ter voto aqui ou algum partido ou a própria Câmara em algum momento decida ir ao STF para sustar esse decreto que é claramente ilegal e inconstitucional”, declarou.

“A gente não deve criar nenhum tipo de decreto, ou portaria que constranja a decisão da mulher. Uma portaria completamente ilegal, inconstitucional, que não respeita as normas legais do nosso país. É a minha posição pessoal, por isso que eu não digo nem posso dizer qual vai ser a decisão, mas eu acho que o melhor caminho é que o governo pudesse recuar e pudesse discutir com o Congresso, debater o assunto”, prosseguiu Maia.

Funcionária do Grupo Carrefour sofre racismo e é demitida ao denunciar


Funcionária do Grupo Carrefour sofre racismo e é demitida ao denunciar. Foto: Reprodução/GloboNews

FUNCIONÁRIA DO GRUPO CARREFOUR SOFRE RACISMO E É DEMITIDA AO DENUNCIAR. FOTO: REPRODUÇÃO/GLOBONEWS

Homem que proferiu as ofensas só foi desligado da empresa após início da investigação do Ministério Público do Trabalho

Uma auxiliar de cozinha do Hipermercado Atacadão, na Zona Oeste do Rio, foi demitida após denunciar racismo e intolerância religiosa cometida por outro funcionário.

Nataly Ventura da Silva, de 31 anos, foi desligada da empresa por ter “se envolvido em situações de conflito com outros funcionários”.

O caso foi divulgado pela Globonews, que teve acesso ao processo que o Ministério Público do Trabalho (MPT) move contra o estabelecimento que pertence ao Grupo Carrefour.

“Só para branco usar”

Nataly afirmou que logo que começou a trabalhar no local passou a conviver com a discriminação de um colega. Segundo o MPT, a funcionária foi surpreendida com a frase “só para branco usar” em seu avental. A mensagem foi assinada e escrita por Jeferson Emanuel Nascimento, que assumiu o crime.

MULHER É VÍTIMA DE RACISMO E INTOLERÂNCIA RELIGIOSA DENTRO DO PRÓPRIO AMBIENTE DE TRABALHO — FOTO: REPRODUÇÃO/GLOBONEWS

De acordo com documentos internos do próprio mercado, o funcionário já havia sido acusado de racismo e agressão contra outra colega de trabalho na mesma unidade.

“Eu fui desligada da empresa. Voltei no refeitório para pegar os meus pertences: celular, bolsa de remédio, carregador, e estava lá o avental. No mesmo momento eu tirei a foto, fotografei, mas fiquei muito chateada”, contou Nataly ao G1.

Posteriormente, Jeferson foi demitido, mas o MPT apontou que a demissão só ocorreu após o início da investigação do caso por promotores.

Na ação contra o hipermercado, o Ministério Público quer o pagamento de uma indenização de até 50 milhões de reais por dano moral coletivo, além da recontratação da vítima.

Resposta da empresa

À Globonews,  o Grupo Carrefour diz que repudia veementemente qualquer tipo de discriminação. Confira a íntegra abaixo.

“O Atacadão atua a partir de políticas sérias de diversidade e repudia veementemente qualquer tipo de discriminação. Assim que tomou conhecimento do caso por meio do Ministério Público do Trabalho, abriu rigorosa sindicância para apurar o ocorrido, que resultou no desligamento do colaborador em questão.

A empresa reforça que, quando a denúncia do episódio mencionado foi realizada, a colaboradora já tinha sido desligada após avaliação de desempenho do período de experiência de 90 dias. O Atacadão conta com um canal exclusivo para denúncias, para que os funcionários possam reportar casos internamente de forma anônima.”Com informações do CartaCapital

 

 

Nota de R$ 200 começa a circular nesta quarta, diz Banco Central


 

Banco Central informou que lançará, às 13h30 da próxima quarta-feira (2), a nova nota de R$ 200. A cédula, com a imagem do lobo-guará, começa a circular no mesmo dia.

A imagem da foto, no entanto, permanece sob sigilo. O desenho, a cor e as informações de segurança só serão revelados na quarta-feira, quando a cédula entrará em circulação.

Essa será a sétima cédula da família de notas do Real. O Banco Central encomendou à Casa da Moeda a produção, até dezembro, de 450 milhões de cédulas do novo valor.

Essa será a primeira cédula de um novo valor da família do real em 18 anos. A última cédula, a de R$ 20, tinha sido lançada em 2002.

Um ano antes, em 2001, surgiu a nota de R$ 2. No meio tempo, houve a aposentadoria da nota de R$ 1, em 2005.

Em comum, os lançamentos de cédulas têm um mesmo objetivo: diminuir as transações feitas com dinheiro vivo, economizando com impressão de papel moeda.

Outro motivo apontado é a necessidade de fazer frente ao pagamento do auxílio emergencial – estimado em mais de R$ 160 bilhões considerando as cinco parcelas aprovadas.

Boa parte dos beneficiários, sobretudo os de menor renda, preferiu sacar o benefício em espécie. Apenas segundo números da Caixa Econômica Federal, mais de 20 milhões de saques foram feitos até essa quarta-feira.

Lobo-guará

O animal escolhido para a nova nota, o lobo-guará, foi o terceiro colocado em uma pesquisa feita pelo Banco Central em 2000. A instituição perguntou à população quais espécimes da fauna gostariam de ver representados no dinheiro brasileiro.

O primeiro lugar foi a tartaruga marinha, usada na cédula de R$ 2. O segundo, o mico leão dourado, incorporado na cédula de R$ 20. Do J1Notícias

 

Dois novos tremores de terra são sentidos pela população da cidade de Amargosa


Dois novos tremores de terra são sentidos pela população da cidade de Amargosa
Crédito da Foto: UFRB

Dois novos tremores de terra, de magnitudes 2.4 e 2.0 foram sentidos na cidade de Amargosa, na Bahia. As estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR), operadas pelo Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LABSIS/UFRN), registraram os eventos que ocorreram nesta terça-feira (1/9).

O primeiro tremor ocorreu às 3h31 (horário local) desta madrugada e teve magnitude 2.0. O segundo ocorreu às 6h36 e teve magnitude 2.4. Na segunda-feira (31/8), havia ocorrido evento semelhante que foi sentido, também, por outras cidades da região. Na ocasião, o tremor foi de magnitude 3.5 e ocorreu às 3h42.

No domingo (30/8), ocorreram diversos tremores no Estado da Bahia. O sismo de maior magnitude ocorreu às 07h44, hora local, e teve magnitude 4.6, segundo o USGS e o EMSC. Este, e outros eventos, foram sentidos principalmente no Recôncavo, Vale do Jiquiriçá e inclusive em Salvador.

Segundo levantamento da Prefeitura de Amargosa, os efeitos maiores foram constatados no distrito de Corta Mão, onde houve avaria em várias casas. Fonte:Aratuon

 

Volume de água liberado pela represa Pedra do Cavalo em dia de tremor estava previsto


Volume de água liberado pela represa Pedra do Cavalo em dia de tremor estava previsto

Foto: Reprodução / TV Bahia

Devido aos tremores sentidos em várias regiões da Bahia neste domingo (30) – e que podem se repetir nos próximos meses (veja aqui) – a abertura da Barragem de Pedra do Cavalo, em Cachoeira e São Félix, no Recôncavo Baiano, preocupou a população local. A barragem liberou 40 metros cúbicos de água. Mas os responsáveis disseram que essa operação já estava programada.

De acordo com informações do Correio,  uma das turbinas por onde a água é normalmente evacuada passou por manutenção e, por isso, o volume de água foi liberado através dos vertedouros. Em nota, a assessoria da Votorantim, responsável pela administração, informou que o procedimento é normal e segue as normas de segurança determinadas pelas autoridades.

Ainda segundo o informe, a quantidade de água que pode ser liberada foi aumentada após nova legislação. “Para atender a essa nova regra, o fluxo de água passará prioritariamente pelas turbinas da Usina podendo ser transferido para o vertedouro durante alguns períodos do dia, sem alterar a média diária estabelecida na regra operativa. Desta forma, durante a operação normal da Usina, será comum a população ver um pequeno fluxo de água no vertedouro”, destaca o informe. Do BahiaNotícias

BTG Pactual vira um dos assuntos mais comentados nas redes após censura judicial a Nassif


 

BTG Pactual reduz risco para enfrentar crise do coronavírus - Época  Negócios | Empresa

Foto de uma das agências do BTG Pactual, o qual Paulo guedes foi um dos fundadores

 

Do 247

Se a intenção do banco BTG Pactual, do banqueiro André Esteves, era silenciar a imprensa, ao buscar ordem judicial para que 11 reportagens do site GGN, editado por Luis Nassif, fossem retiradas do ar, o resultado foi contraproducente. Isso porque a expressão “BTG Pactual” entrou para os trending topics do twitter e se tornou um dos temas mais comentados nas redes sociais nos últimos dias. Confira abaixo:

 

 

Fonte 247

Bolsonaro manda orçamento ao Congresso com mais de R$ 110 bilhões para as Forças Armadas


Enquanto o País amarga uma crise econômica e a pandemia do coronavírus, Jair Bolsonaro encaminha desta segunda-feira ao Congresso Nacional uma proposta de Orçamento para 2021 com um orçamento de mais de R$ 110 bilhões para o Ministério da Defesa.

Jair Bolsonaro e soldados do exército

 

Enquanto o País amarga uma crise econômica e a pandemia do coronavírus, Jair Bolsonaro encaminha nesta segunda-feira (31) ao Congresso Nacional uma proposta de Orçamento para 2021. A proposta incluirá uma previsão de R$ 110,7 bilhões para as despesas primárias do Ministério da Defesa, um aumento de 4,7% em relação ao aprovado para a pasta em 2020 (R$ 105,7 bilhões). Caso o valor se confirme, a alta de R$ 5 bilhões representará praticamente um sexto de todo o crescimento de gastos que a União poderá realizar. A informação foi publicada pela BBC News

Dos R$ 5 bilhões a mais previstos para a Defesa, R$ 1,6 bilhão representa despesas não obrigatórias. O dinheiro servirá para investimentos, como novos veículos blindados, submarinos e caças. Os outros R$ 3,4 bilhões são referentes aos gastos obrigatórias (principalmente salários, aposentadorias e pensões).

O limite de despesas primárias (gastos não financeiros) do governo federal só pode crescer no próximo ano 2,13% por causa do Teto de Gastos, medida que congelou os investimentos públicos por 20 anos. O percentual representa a inflação acumulada nos 12 meses encerrados em junho, o que significa um aumento de apenas R$ 31 bilhões, para R$ 1,485 trilhão.

Fonte 247.

EX-MULHER DE WASSEF MOVIMENTOU R$ 33,9 MILHÕES EM 6 MESES


De o DCM

Um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) apontou uma movimentação na conta de Maria Cristina Boner Leo “incompatível” com a renda mensal. Com ganho mensal de R$ 75 mil, ela movimentou R$ 33,9 milhões em apenas seis meses. A empresária é ex-mulher de Frederick Wassef, que atuou como advogado da família Bolsonaro.

Maria Cristina foi alvo de três comunicações feitas pelo Coaf a órgãos de investigação. A última delas reportou uma “movimentação suspeita de R$ 33.900.260,00” em uma de suas contas, realizada entre agosto de 2017 e janeiro de 2018. Desse valor, R$ 16.636.008,00 foram referentes à operação de crédito efetuada em sua conta. Matéria continua após publicidade

Outros R$ 17.264.252,00 foram registrados como débito, ou seja, montante que saiu da mesma conta. “A movimentação foi considerada incompatível com a renda mensal de R$ 75 mil cadastrada à época”, afirma o relatório. A movimentação, porém, não é considerada ilegal.

O documento foi enviado pelo Coaf ao Ministério Público Federal do Rio de Janeiro e do Distrito Federal no dia 15 de julho deste ano. O relatório também foi compartilhado com o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro e a Polícia Federal.

Na semana passada, o GLOBO revelou que Wassef recebeu repasses milionários da filha de sua ex-mulher Maria Cristina, Bruna Boner Leo. As contas de seu escritório de advocacia também foram abastecidas com cifra milionária da empresa Globalweb, que tem Bruna como sócia e Maria Cristina como fundadora e presidente de seu conselho de administração. A empresa tem contratos com o governo federal. A Globalweb informou que Wassef trabalhou para a companhia há cinco. Sobre os repasses de Bruna, o advogado diz que se refere ao pagamento de um empréstimo.

(…)

PS: Em áudio vazado no Intercept, Wassef apareceu há dois dias revelando que escolheu advogado para defender Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal, ainda antes da eleição. Ele dizia ser “advogado de Bolsonaro em off”.

Wassef também abrigou Fabrício Queiroz em seu escritório, em Atibaia, e mentiu para a imprensa ao dizer que não sabia de seu paradeiro.

Admitiu que escondeu Queiroz para proteger não só o operador da família Bolsonaro quanto o próprio Bolsonaro.

O que Wassef ganhou em troca?

Contratos com o governo em nome da mulher?

Tem que investigar.

.x.x.x

Para saber mais sobre o áudio vazado, clique aqui.

 

Juntos há 58 anos, casal de idosos morre vítima da Covid-19 no mesmo dia


Juntos há 58 anos, casal de idosos morre vítima da Covid-19 no mesmo dia

Montagem: Bahia Notícias

Após dias internados em um hospital de Pouso Alegre, Minas Gerais, um casal de idosos morreu vítima de coronavírus no mesmo dia, entre a madrugada e a manhã deste sábado (29). De acordo com o G1, Benedito Pinto de Castro, de 79 anos, e Ermelinda Claret Ribeiro de Castro, de 78, viveram juntos por 58 anos e morreram com uma diferença de quase quatro horas.

Segundo um dos filhos, o casal seguia corretamente o isolamento. Porém, após uma biópsia e a descoberta de um câncer, veio o diagnóstico da Covid-19 em seu Benedito, no dia 11 de agosto. Em seguida, a esposa também se contaminou.

Doze dias após a internação do aposentado, Ermelinda também foi para o mesmo hospital com sintomas graves. Desde então, o casal ficou internado em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A aposentada faleceu por volta das 2h45 deste sábado. Às 6h30, foi confirmada a morte do marido. Eles deixaram cinco filhos, nove netos e dois bisnetos. Do BahiaNotícias