Desabafo de Neymar é parte de contrato de R$ 26 milhões com a Gillette


 

Comercial do qual Neymar participou

 

O vídeo em que Neymar pede desculpas e admite seus erros durante a Copa do Mundo pode não ter sido bem aceito pelos torcedores e até por alguns publicitários, mas ajudou o craque da seleção brasileira a se enriquecer um pouco mais. O contrato dele com a Gillette, responsável pela veiculação do comercial, dá ao astro algo em torno de US$ 7 milhões (R$ 26,2 milhões).

O acordo do jogador com a empresa foi selado em 2015 e renovado recentemente. O jogador não recebe por propagandas, mas sim por horas trabalhadas durante as gravações de comerciais ou seção de fotos.

E ainda todo o material publicitário feito pela empresa de barbeador passa pela aprovação da Neymar Sports Marketing, empresa que tem o pai do jogador, Neymar da Silva Santos, e a mãe do atleta, Nadine Gonçalves, como proprietários.

O vídeo foi exibido pela primeira vez no domingo à noite, no intervalo do Fantástico, da TV Globo. Nele, Neymar admite exageros no torneio da Rússia, desabafa sobre as críticas e promete superação. Entretanto, o que era para ser algo positivo, se tornou algo ainda mais negativo para o atleta. Fonte DCM.

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Chuva de granizo forma ‘mar de gelo’ em rua no interior de SP


Temporal com pedras de gelo assustou moradores de Itararé (SP) na madrugada desta terça-feira (31). Não há informações sobre desabrigados.

A chuva de granizo que atingiu várias cidades na região de Itapetininga (SP), na madrugada desta terça-feira (31), transformou a paisagem em Itararé, a cerca de 250 quilômetros da capital.

A quantidade de granizo que caiu foi tão grande que a rua Ambrósio Dias Tatit, na área central da cidade, ficou coberta por placas de gelo com mais de 10 centímetros de altura.

Chuva de granizo forma 'mar de gelo' em rua no interior de SP

Chuva de granizo forma ‘mar de gelo’ em rua no interior de SP

Vários moradores compartilharam nas redes sociais fotos e vídeos da chuva com granizo que atingiu a cidade.

O gelo danificou telhados e também se acumulou em quintais de casas. Não há informações sobre desabrigados.

Estragos

A Prefeitura de Itararé (SP) informou, em nota ao G1, que a creche Adeleide Barco Perusso foi atingida pela chuva. O telhado do refeitório e de algumas salas de aula desabou.

Os reparos serão feitos emergencialmente e a previsão é de que até esta quarta-feira (1º) a situação seja normalizada. O calendário escolar não foi prejudicado, pois os alunos se encontram em recesso escolar, sendo o retorno programado para esta quarta-feira (1º).

Área central de Itararé amanhece coberta de gelo (Foto: Arquivo Pessoal)

Área central de Itararé amanhece coberta de gelo (Foto: Arquivo Pessoal)

Na zona rural, duas residências foram destelhadas, segundo a prefeitura. Em atendimento à ocorrência, a Guarda Civil Municipal cobriu os imóveis com lonas de plástico e outra equipe contabilizou as telhas necessárias para o reparo, que será feito.

Na cidade, três casas, localizadas nos bairros dos Ginásio, Jardim Fronteira e Vila Nova Esperança, sofreram com infiltração. A rua Ambrósio Dias Tatit foi interditada por conta da grande quantidade de granizo no local.

Área central de Itararé amanhece coberta de gelo (Foto: Arquivo Pessoal )

Área central de Itararé amanhece coberta de gelo (Foto: Arquivo Pessoal

 

Ainda segundo a prefeitura, as máquinas da Secretaria Municipal de Serviços Municipais já estão trabalhando para que a situação seja normalizada.

De acordo com o secretário Gilberto Côrtes, mais de seis caminhões basculantes carregados de gelo serão retirados do local. A rua 24 de outubro também passará por reparos em virtude do acúmulo de gelo.

Área central de Itararé amanheceu coberta de gelo (Foto: Ricardo Takeda/Arquivo Pessoal )

Área central de Itararé amanheceu coberta de gelo (Foto: Ricardo Takeda/Arquivo Pessoal )

Nova Campina

Em Nova Campina, o granizo também fez estragos. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 700 pessoas foram afetadas e 20 famílias ficaram desabrigadas após a chuva, registrada por volta de 1h.

Moradores e autoridades se mobilizaram para ajudar as famílias afetadas. Várias pessoas que tiveram que sair das foram acolhidas na escola municipal Humberto de Morais Vasconcelos, e também na Igreja Presbiteriana.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, não se sabe o número exato de famílias desabrigadas, mas os bairros mais afetados foram Longa Vida e Tijuca.

ALCKMIN ASSUME-SE COMO CANDIDATO DO GOVERNO TEMER


O presidenciável do PSDB, Geraldo Alckmin, não teve condições de negar a participação do partido no governo Michel Temer, o mais impopular desde a redemocratização. A sigla ocupa o Ministério das Relações Exteriores, com o senador Aloysio Nunes (SP).

 

Alan Santos /PR

“[O PSDB] votou na crise grave que o país estava. Entendeu —e foi perfeitamente constitucional— o impeachment. Tendo votado o impeachment, teve responsabilidade com o novo governo. Não precisa participar, ter ministro A, B, C ou D”, afirmou o ex-governador de São Paulo e presidente nacional da legenda à Band News.

No ano passado, Alckmin não atuou publicamente em favor de Temer nas duas vezes em que o emedebista foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República. Ao comentar sobre a votação da aceitação da denúncia pela Câmara, o tucano afirmou que defende uma mudança da legislação para que o Legislativo não tenha de votar pela continuidade de inquéritos contra o presidente da República, assim como acontece com governos estaduais e municipais. Por outro lado, o chefe do Executivo não precisaria mais ser afastado em caso de denúncia pelo Ministério Público.

“Defendo que não precisa ter autorização e afastamento. Afasta se for condenado. Se tiver maioria, durante dois anos não vai ter investigação nenhuma. Do outro lado, não tem sentido afastar seis meses, às vezes por denúncia que se comprova que não era verídica”, acrescentou. 247.

Não mudará se a gente não quiser: 90% dos deputados federais miram reeleição


De Basília Rodrigues na CBN.

Como uma disputa de futebol, ganha quem estiver mais bem posicionado. E às vezes parece que a bola está nos pés dos mesmos jogadores, o que desafia o discurso da renovação na política. Há sete eleições, a composição do Congresso Nacional sempre muda praticamente pela metade. O restante de vagas fica por conta de figurinhas carimbadas que conseguem se reeleger. 

Da última vez, 2014, os brasileiros elegeram o parlamento mais conservador desde a ditadura, com o maior número de representantes ligados a bancada militar, religiosa, e ruralista, por exemplo. E a expectativa, nestas eleições, é de que 90% dos atuais deputados federais tentem a reeleição, contra 75%, nas últimas eleições. A avaliação é do Diap, Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, um centro de estudos que existe há mais de três décadas dentro do próprio Congresso. O pesquisador Antônio Augusto de Queiroz explica que a tendência é vir “mais do mesmo”.

“Pelo menos 90% dos atuais deputados vão disputar às eleições. E os 10% que vão desistir ou concorrer a outros cargos serão substituídos majoritariamente por parentes, seja esposa ou marido, filho, pai, mãe, etc. De modo que há tendência também de crescimento da bancada de parente”, disse.

Com tanta investigação, muito político vai tentar se reeleger pra não perder o foro. Além disso, o tempo de campanha está bem menor, caiu de 90 para 45 dias – menos tempo de vitrine para os novatos na política. O cientista político Melilo Diniza valia que o clima de desânimo do eleitor também desqualifica o voto. 

 

Globo anuncia que vai checar fake news, justo ela que ajudou a transformar um boato em processo que levou Lula à prisão. Por Joaquim de Carvalho


Será que o Bonner tem consciência do mal que ele, como porta voz da Globo, faz ao país?

 

O G1, do grupo de comunicação que criou o fake news que levou Lula à prisão, acaba de anunciar o seu serviço de checagem de notícias.

O título do serviço É “Fato ou fake”.

Segundo o site, o objetivo é alertar os brasileiros sobre conteúdos duvidosos disseminados na internet ou pelo celular, esclarecendo o que é notícia (fato) e o que é falso (fake).

De acordo com o Grupo Globo, jornalistas farão um monitoramento diário para identificar mensagens suspeitas muito compartilhadas nas redes sociais e por aplicativos como o WhatsApp.

“Participam da apuração equipes de G1, O Globo, Extra, Época, Valor, CBN, GloboNews e TV Globo”, informa o G1. 

“Cada um desses veículos — prossegue o informe — poderá publicar as checagens feitas em conjunto. Ao juntar forças entre as diversas redações, será possível verificar mais – e mais rápido. A atual editoria É ou não É, do G1, deixa de existir, para dar lugar ao Fato ou Fake.”

O jornal O Globo foi quem noticiou, em 2014, que Lula poderia passar o reveillon no triplex do Guarujá, dando vazão a um boato que circulava naquele cidade, a de que o ex-presidente seria o dono de uma unidade no condomínio Solaris, antigo Mar Cantábrico. 

O jornal publicou como fato a seguinte notícia:

“De sua ampla sacada, poderá ver a queima de fogos, que acontece na orla bem defronte do seu prédio, feito pela OAS, empresa investigada pela Operação Lava-Jato. É que na semana passada terminaram as obras de reforma do apartamento triplex no Edifício Solaris, que ele e dona Marisa Letícia, sua mulher, compraram por meio da Bancoop — a Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo —, ainda na planta, em 2006. Acusada de irregularidades e em crise financeira, a Bancoop deixou três mil famílias sem receber os sonhados apartamentos.”

Já naquela ocasião Lula tratou de desmentir a notícia e informou, sem que o jornal desse o devido destaque: Nessas horas não é interessante os fatos.;

“Dona Marisa Letícia Lula da Silva adquiriu, em 2005, uma cota de participação da Bancoop, quitada em 2010, referente a um apartamento, que tinha como previsão de entrega 2007”, diz a nota. “Com o atraso, os cooperados decidiram em assembleia, no final de 2009, transferir a conclusão do empreendimento à OAS. A obra foi entregue pela construtora em 2013. Neste processo, todos os cooperados puderam optar por pedir ressarcimento do valor pago ou comprar um apartamento no empreendimento. À época, Dona Marisa não optou por nenhuma destas alternativas esperando a solução da totalidade dos casos dos cooperados do empreendimento. Como este processo está sendo finalizado, ela agora avalia se optará pelo ressarcimento do montante pago ou pela aquisição de algum apartamento, caso ainda haja unidades disponíveis. Qualquer das opções será exercida nas mesmas condições oferecidas a todos os cooperados.”

A Globo já tinha explorado esse assunto em 2010, em O Globo e no Jornal Nacional. Na reportagem da TV, a Globo informava: 

“A lista de mutuários da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo tem um nome ilustre: o do presidente da República”, narrava William Bonner.

O triplex nunca esteve no nome de Lula ou da família, ele nunca desfrutou do apartamento — não passou uma noite sequer lá —, e não tinha as chaves. O que havia é o interesse da OAS para que Lula adquirisse o imóvel. Mas, na única vez em que esteve lá, recusou.

Segundo disse, considerou que não era adequado para ele. E faz sentido o que o ex-presidente afirmou. O Guarujá é uma das praias mais movimentadas do Brasil, e Lula não teria nenhuma privacidade.

Quando o boato ocupou as páginas do Jornal Nacional, o Ministério Público do Estado de São Paulo viu ali a oportunidade de uma grande investigação. E começou a ouvir pessoas, em um procedimento de investigação criminal que resultou em uma ação que, anos depois, foi parar na mesa de Sergio Moro, juiz federal.

Nem o Ministério Público Federal nem o Estadual de São Paulo apresentaram provas de que o triplex pertencia a Lula ou alguém de sua família. Mas Lula foi condenado, e hoje se encontra preso em razão dessa condenação.

O que deu a ação do Ministério Público do Estado de São Paulo que nasceu de um boato? Nada.

A justiça entendeu que não havia evidência de crime. Apenas suspeita, fruto de comentários, e isso não é suficiente para condenar quem quer que seja.

Por isso, absolveu os demais acusados. Mas não pode fazer o mesmo em relação a Lula. É que a parte do processo que envolvia Lula foi encaminhada para Curitiba, por conta da Lava Jato, e lá, apesar da falta de prova e de demonstração de culpa, Lula foi sentenciado.

Na sentença, Sergio Moro cita a reportagem de O Globo como fundamento para condenar Lula. Também aceita como válido para condenação a palavra de um co-réu, Leo Pinheiro, ex-presidente da OAS, beneficiado com redução da pena por conta do que disse.

Juridicamente, são absurdos. Um co-réu pode mentir e, por isso, recomenda a jurisprudência — e o bom senso — que a palavra dele não seja aceita como prova.

Apesar disso, a condenação foi depois confirmada pelo Tribunal Regional Federal da 4a. Região, em um recurso que teve como relator um amigo de Sergio Moro, João Pedro Gebran Neto.

O jornal do grupo que iniciou todo esse processo agora vem a público para anunciar que vai checar fake news.

Seria até engraçado se a ação do grupo não tivesse provocado uma das maiores injustiças da história do Brasil: o fake news que levou um ex-presidente à prisão e tirou de Lula o direito de se eleger presidente, como quer a maioria dos brasileiros.

A Globo precisa é ser banida dos lares brasileiros, pois ela nem só criou os fake news, como ocultou muitos fatos que poderiam mudar o Brasil. Em contra partida, patrocinou a queda da Dilma, para entregar o Brasil a uma quadrilha que envergonha qualquer brasileiro, inclusive por saber que a maior rede de comunicação do país tem o comportamento que tem a Globo, sendo verdadeiramente e escancaradamente contra o povo brasileiro, sobretudo os pobres, a favor das armações e contra o próprio Brasil. A pergunta é? ou melhor… As perguntas são: que emissora é essa que apoia tanta falcatrua? que povo é esse que ainda…ainda, dá audiência a uma coisa dessa? Olha só quem vai participar da apuração.  “Participam da apuração equipes de G1, O Globo, Extra, Época, Valor, CBN, GloboNews e TV Globo”, informa o G1. Tem Jeito não amiga grande rede global. Se não fosse a mídia alternativa o povo ia morrer sem saber sobre a podridão que desde o tempo de outrora já tomava conta deste país. Se chega alguém e prova que tem jeito do pobre ter casa e o nosso país ser respeitado, imediatamente esse cara ou equipe têm que ser banido (a). Tem uma música do Zé Geraldo que diz mais ou menos o seguinte: “Se aparece um querendo mostrar que tudo tem jeito e que podemos ser uma nação de respeito, já aparece uma organização que diz: ‘pega esse idiota e enterra”. Foi o que aconteceu. Mas o barco está andando e não se sabe ao certo aonde ele vai se atracar. fonte DCM, último parágrafo Café com Leite Notícia.

‘Lula Livre/Lula Livro’: Leia o depoimento de Chico Buarque presente na obra


O cantor e compositor Chico Buarque, junto com outros 85 artistas, deu sua contribuição ao manifesto “Lula Livre/Lula Livro”.

A obra reúne textos (poemas, crônicas, cartas, manifestos), cartuns, fotos, discursos e haicais pela defesa da democracia e da liberdade do ex-presidente Lula, que é mantido como preso político na sede da Polícia Federal em Curitiba.

Confira o depoimento de Chico:

Lula, por Chico Buarque

— Eu nunca tive nada contra o Lula. Eu inclusive estive com ele naquela casa lá de pobre em São Bernardo. Depois eu e a Ruth convidamos o Lula para passar um fim de semana em Ubatuba com a Marisa. Aí ele reclamou que não tinha água quente no chuveiro da casa. Imagina! O Lula!

Era o Fernando Henrique, sempre simpático, em reunião com artistas às vésperas das eleições de 1994. Naquele tempo ainda se podia achar graça numa anedota assim. Era um deboche, era um comentário preconceituoso, mas não havia um pingo de ódio naquelas palavras.

Lula ainda não era o chefe de organização criminosa, o ladrão, o comunista, o cachaceiro, o nine, o boneco vestido de presidiário enforcado ao lado de Dilma num viaduto de São Paulo. Ainda não tinha sido condenado sem provas, por imprensa, televisão, procuradores esquisitões e juízes deslumbrados, como proprietário de um triplex, ou tríplex, no Guarujá.

O ódio ao Lula é o ódio aos pobres. Tivesse ele imóveis na praia e dinheiro no exterior, talvez fosse mais bem tratado pelas autoridades que o trancaram e o mantêm isolado numa cela da Polícia Federal. Lá de dentro ele mandou dizer que já não confia na Justiça. Nem eu. Só espero que ele tenha água quente em Curitiba. DCM.

Estudo sugere que a cada salsicha consumida, perdemos 15 minutos de vida SAÚDE de Merelyn Cerqueira


Estudo publicado ano passado no periódico British Medical Journal, pesquisadores sugeriram que a cada salsicha consumida, sua vida é reduzida em 15 minutos, uma vez que se trata de um alimento industrializado e embutido.

Em novembro de 2016, a Organização Mundial da Saúde alertou para os perigos que envolvem o consumo de alimentos processados. Segundo eles, o problema principal são os produtos químicos, como nitritos e nitratos de sódio, adicionados durante o processo de produção. Embora eles tenham a função de manter as bactérias longe, podem ter efeitos cancerígenos.salsicha_01

Ainda, o método de defumação, que visa a prolongar a validade do produto, utiliza o alcatrão, presente na fumaça do carvão. Embora ainda pouco se saiba sobre os mecanismos biológicos deste composto, há um consenso de que ele é capaz de danificar a estrutura do DNA de nossas células, dando origem a mutações genéticas.

Por outro lado, a mesma pesquisa sugeriu que o café poderia ter um efeito contrário ao da salsicha, aumentando em um ano a vida de quem consome cerca de duas ou três xícaras por dia. Com informações do Estadão .

Bebê é resgatado de inundação provocada por ruptura de represa no Laos


Criança ficou por três dias no colo da mãe em cima de uma árvore. 27 morreram na tragédia e 130 pessoas estão desaparecidas.

Lula envia carta aberta aos blogueiros progressistas


os blogues, muitos deles com mais audiência que os sites dos jornalões? […]”. Leia a íntegra da carta de Lula aos blogueiros progressistas

Lula carta blogueiros progressistas
Lula preso, Judiciário castigando, mídia tradicional batendo e, pra finalizar, liderando com 41% nas pesquisas. Será por que?
A história ensina que numa guerra, a primeira vítima é a verdade. Encontro-me há mais de 100 dias na condição de preso político, sem qualquer crime cometido, pois nem na sentença o juiz consegue apontar qual ato eu fiz de errado. Isso porque setores da Polícia Federal, do Ministério Público e do Judiciário, com apoio maciço da grande mídia, decidiram tratar-me como um inimigo a ser vencido a qualquer custo.

A guerra que travam não é contra a minha pessoa, mas contra a inclusão social que aconteceu nos meus mandatos, contra a soberania nacional exercida pelos meus governos. E a principal arma dos meus adversários sempre foi e continuará sendo a mentira, repetida mil vezes por suas poderosas antenas de transmissão.

Tenho sobrevivido a isso que encaro como uma provação, graças à boa memória, à solidariedade e ao carinho do povo brasileiro em geral.

Dentre as muitas manifestações de solidariedade, quero agradecer o espírito de luta dos homens e mulheres que fazem do jornalismo independente na internet uma trincheira de debate e verdade.

Desde que deixei a Presidência, com 87% de aprovação popular, a maior da história deste país, tenho sido vítima de uma campanha de difamação também sem paralelo na nossa história.

Trata-se, sabemos todos, da tentativa de apagar da memória do povo brasileiro a ideia de que é possível governar para todos, cuidando com especial carinho de quem mais precisa, e fazer o Brasil crescer, combatendo sem tréguas as desigualdades sociais e regionais históricas.

Foram dezenas de horas de Jornal Nacional e incontáveis manchetes dedicadas a espalhar mentiras – ou, para usar a linguagem da moda, fake news – contra mim, contra minha família e contra a ideia de que o Brasil poderia ser um país grande, soberano e justo.

Com base numa dessas mentiras, contada pelo jornal O Globo e transformada num processo sem pé nem cabeça, um juiz fez com que eu fosse condenado à prisão, por “ato indeterminado”, usando como pretexto a suposta posse de um imóvel “atribuído” a mim, do qual nunca fui dono.

Contra essa aliança espúria entre alguns procuradores e juízes e a mídia corporativa, a blogosfera progressista ousou insurgir-se. Sem poder contar com uma ínfima parcela dos recursos e dos meios à disposição dos grandes veículos alinhados ao golpe, esses homens e mulheres fazem Jornalismo. Questionam, debatem e apresentam diariamente ao povo brasileiro um poderoso contraponto à indústria da mentira.

Lutaram e continuam a lutar o bom combate, tendo muitas vezes apenas o apoio do próprio povo brasileiro, por meio de campanhas de financiamento coletivo (R$ 10 reais de uma pessoa, R$ 50 reais de outra).

Foram eles, por exemplo, que enfrentaram o silêncio da mídia e desvendaram as ligações da Globo com os paraísos fiscais, empresas de lavagem de dinheiro e a máfia da Fifa. Que demonstraram a cumplicidade de Sérgio Moro com a indústria das delações. Que denunciaram a entrega das riquezas do país aos interesses estrangeiros. Tudo com números e argumentos que sempre são censurados pela imprensa dos poderosos.

Por isso mesmo a imprensa independente é perseguida por setores do judiciário, por meio de sentenças arbitrárias, como vem ocorrendo com tantos blogueiros, que não têm meios materiais de defesa. Enfrentam toda sorte de perseguições: tentativa de censura prévia, conduções coercitivas e condenações milionárias, entre outras formas de violência institucional.

E agora, numa investida mais sofisticada – mas não menos violenta – agências de “checagem” controladas pelos grandes grupos de imprensa “carimbam” as notícias independentes como “Fake News”, e dessa forma bloqueiam sua presença nas redes sociais. O nome disso é censura.

Alguns desses homens e mulheres que pagam um alto preço por sua luta são jornalistas veteranos, com passagens brilhantes pela grande imprensa de outrora, outros sem qualquer vínculo anterior com o jornalismo, mas todos movidos por aquela que deveria ser a razão de existir da profissão: a busca pela verdade, a informação baseada em fatos e não em invencionices. Lutaram e lutam contra o pensamento único que a elite econômica tenta impor ao povo brasileiro.

Quantas derrotas nossos valentes Davis já não impuseram aos poderosos Golias? Quantas notícias ignoradas ou bloqueadas nos jornalões saíram pelos blogues, muitos deles com mais audiência que os sites dos jornalões?

Mesmo confinado na cela de uma prisão política, longe de meus filhos e amigos, impedido de abraçar e conversar com o povo brasileiro, tenho hoje aprovação maior e rejeição menor que meus adversários, que fracassaram no maior dos testes: melhorar a vida dos brasileiros.

Eles, que tantos crimes cometeram – grampos clandestinos no escritório de meus advogados, divulgação ilegal de conversas entre mim e a presidenta Dilma, todo o sofrimento imposto à minha família, entre muitos outros –, até hoje não conseguiram contra mim uma única prova de qualquer crime que seja.  A cada dia mais e mais pessoas percebem que o golpe não foi contra Lula, contra Dilma ou contra o PT. Foi contra o povo brasileiro.

Mais do que acreditar na minha inocência – porque leram o processo, porque checaram as provas, porque fizeram Jornalismo – os blogueiros e blogueiras progressistas estão contribuindo para trazer de volta o debate público e resgatar o jornalismo da vala comum à qual foi atirado por aqueles que o pretendem não como ferramenta capaz de lançar luz onde haja escuridão, mas apenas e tão somente como arma política dos poderosos.

A democracia brasileira agradece, eu agradeço a vocês, homens e mulheres que fazem da luta pela verdade o seu ideal de vida.

Hoje a (in)justiça brasileira não só me prende como impede sem nenhuma razão que vocês possam vir aqui me entrevistar, fazer as perguntas que quiserem. Não basta me prender, querem me calar, querem nos censurar.

Mas assim como são muitos os que lutam pela democracia nas comunicações e pelo jornalismo independente, e não caberiam aqui onde estou, essa cela também não pode aprisionar nem a verdade nem a liberdade. Elas são muito mais fortes do que as mentiras mil vezes repetidas pelo plim-plim, que quer mandar no Brasil e no povo brasileiro sem jamais ter tido um único voto. A verdade prevalecerá. A liberdade triunfará. Fonte Pragmatismo político.

Ciro Gomes diz que, se eleito, terá o apoio do centrão


[Ciro Gomes diz que, se eleito, terá o apoio do centrão]

Pode até dizerem que certas frases que a gente ouve e lê, parece mentira, caso não saísse da boca de Ciro, mas….  O presidenciável Ciro Gomes (PDT) afirmou que, se eleito, terá o apoio do centrão (grupo formado pelo DEM, PP, PR, PRB e Soliedade) para governar.

“Quantos minutos vocês acham que vai demorar para eles me apoiarem? Eu, com o governo na mão?”, questionou, em entrevista à imprensa, durante um evento em Porto Alegre.

O pedetista ressaltou ainda que “nunca esteve em seus cálculos” uma aliança com o centrão. “A vida inteira estivemos em campos opostos”, salientou. Fonte Metrô.

Maracás: Até quando as autoridades políticas vão ficar assistindo pais de família morrerem na serra e não fazerem nada? Com a resposta o Governador da Bahia. Por Walter Salles


A imagem pode conter: atividades ao ar livre

Café com Leite Notícias: Um trecho de estrada de aproximadamente 7 km, que fica entre Maracás e Contendas do Sincorá, conhecida como A Serra de Pé de Serra, mas que já estão adotando outro nome, que é a -serra da morte-, desde a construção asfáltica, há quase duas décadas, que não para de acontecer acidentes e sempre muito trágicos, causando muitas mortes, na maioria das vezes envolvendo caminhoneiros.
O que acontece nesta estrada é que ela é repleta de curvas muito perigosas, onde o motorista teria que descer engatado em marcha de força, mas na cabeceira da ladeira existe uma única placa que indica (use freio motor). Para quem já conhece a estrada tudo bem, pode não existir placa nenhuma que o motorista desce sem problema. Porém, para quem passa pela primeira vez e vê apenas aquela plaquinha, pensa logo que se trata de uma ladeira pequena, em que ele pode descer numa quinta ou até em outra marcha maior, sem saber dos perigos que existem no decorrer do percurso.

Em conversa com caminhoneiros que conhecem a estrada, eles acham que é preciso, para acabar com a mortandade de colegas, que façam uma espécie de salva vidas numa curva considerada Curva da Morte, que, por ironia, é a última curva da ladeira até chegar no povoado de Pé de Serra, mas que pelo fato das rodas já estarem aquecidas, a máquina com mais de 40 toneladas, já não é possível o motorista fazer a curva com tranquilidade e a máquina desce arrebentando o guarde reio (proteção lateral) e a vida do seu condutor. Para este problema, já foi discutido a idéia, inclusive o prefeito de Maracás, Soya, esteve visitando o local, vendo a possibilidade de fazer uma espécie de salva-vidas, que seria uma saída suave para a direita, com areia e brita, para amortecer a velocidade do veículo pesado, porém sem causar danos.
Bom se essa for a saída para acabar com a mortandade, como disse o caminhoneiro, então seria bom se apressar, pois se tivesse tomado tal providência há alguns anos, certamente muitos caminhoneiros que acabaram as suas vidas ali, não teria acontecido tais fatalidades.

Os moradores de Pé de Serra têm comentado que ficam tristes, pois o povoado sempre foi visto como um lugar muito agradável, mas que depois do asfalto, que quando inaugurado foi tanta alegria, terminou trazendo muita tristeza, com tantas mortes na serra. O vereador do povoado, conhecido por Dil de Pé de Serra, tem comentado muito que é preciso que alguma coisa seja feita para acabar com as mortes , pois trata-se de pais de família que estão na estrada para defender o pão pra família, e de repente uma fatalidade. O Vereador Marcão esteve na redação do Café com Leite e disse que é preciso muito empenho do meio político regional, para que leve o caso até o governador, para que algo seja feito com urgência. Marcão disse que vai pessoalmente, juntamente com seu deputados Bôbô, conversar com o governador Rui Costa, para que providências sejam tomadas.
Realmente é preciso que os órgãos competentes, ligados ao governo do estado, tomem providência, inclusive com a sinalização, pois todo trajeto da serra não tem quase placas indicando perigo em frente, nem mesmo o local crucial, que é a “curva da morte”. Este blog já sugeriu, em outras matérias, que colocassem outdoor no percorrer da serra com fotos e frases chocantes. Façam isto e será o fim das mortes na serra.  Essa matéria vai estar no Café com Leite impresso.

 

CUT/Vox: com 41% das intenções de votos, Lula continua imbatível


Se as eleições fossem hoje, o ex-presidente Lula venceria no primeiro turno com mais votos do que a soma de todos os adversários pesquisados. Nas simulações de segundo turno, Lula derrotaria qualquer umnotice

Mesmo mantido como preso político há mais de 100 dias na sede da Polícia Federal, em Curitiba, e atacado ferozmente por setores do Judiciário e da mídia, o ex-presidente Lula continua imbatível e seria eleito no primeiro turno se as eleições fossem hoje, de acordo com pesquisa CUT/Vox Populi, realizada entre os dias 18 e 20 de julho.

Ao contrário do que os opositores sonharam, Lula segue na liderança e nem mesmo as manobras políticas e jurídicas para mantê-lo preso abalaram as intenções de votos no ex-presidente.

É o que comprovou a pesquisa, inclusive nas simulações de segundo turno, onde Lula também derrotaria qualquer adversário por ampla margem de votos.

Pesquisa estimulada

No cenário estimulado, quando os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados, as intenções de voto em Lula aumentaram para 41% contra 39% registrado em maio.

Já a soma de todos os outros adversários alcançou 29%, segundo a pesquisa CUT/Vox Populi, divulgada nesta quinta-feira (26).

No segundo lugar, com praticamente um terço das intenções de votos de Lula, está o deputado Jair Bolsonaro (PSL), que se manteve com 12%; seguido por Ciro Gomes (PDT), que alcançou 5%. Marina Silva (Rede) caiu de 6% para 4%, empatando com Geraldo Alckmin (PSDB), que também registrou apenas 4%.

Manuela D’Ávila (PC do B) e Álvaro Dias (Podemos) têm cada um 1% das intenções de votos. Os entrevistados que disseram que irão votar em outros candidatos atingiu 2%. O percentual dos que não vão votar em ninguém, brancos e nulos totalizou 18% e não sabem ou não responderam, 12%.

Para o presidente da CUT, Vagner Freitas, Lula segue na liderança de todas as pesquisas eleitorais porque os brasileiros sentem saudade de seu governo e não esquecem como a vida era melhor quando ele era presidente do Brasil.

O ex-presidente Lula, lembra Vagner, fez a economia crescer e ainda distribuiu renda, gerou mais de 20 milhões de empregos sem alterar uma vírgula a CLT, tirou milhões de brasileiros da fome e da miséria e proporcionou a maior inclusão social e educacional da história, com a ampliação do acesso de milhões de brasileiros e brasileiras às universidades.

“Com o golpe, praticamente 80 mil alunos deixaram de ingressar no ensino superior privado neste ano por causa da crise. Já são quase 14 milhões de desempregados, fora os mais de 27 milhões de subempregados, que poderiam estar trabalhando, mas não há vaga no mercado de trabalho”, critica Vagner, ao destacar que as pessoas voltaram a passar fome no País e milhares de famílias estão endividadas e sem esperança.

“O povo sabe que a vida era melhor com Lula e tem a consciência de que ele é o mais preparado para tirar o Brasil da crise provocada por Temer e seus aliados golpistas, por isso ele é continua sendo o preferido pelo povo.”

 

Nordeste inteiro está com Lula

No Nordeste, a saudade de Lula é ainda maior e ele continua sendo imbatível e o mais querido pelo povo da Região.

O ex-presidente tem 58% das intenções de votos entre os nordestinos contra os 8% alcançado por Ciro, seguido por Bolsonaro, com 7%. Alckmin aparece com 3% e Marina caiu de 6% para 2%. Os demais não pontuaram.

Aumentam as intenções de votos no Sul

No Sul, aumentou de 31% para 34% as intenções de voto em Lula. Em segundo lugar aparece Bolsonaro, com 19%, seguido por Álvaro Dias, que caiu de 10% para 5%, empatando com Ciro Gomes (5%). Marina e Alckmin também aparecem empatados com 4% cada. Manuela tem 1% e outros 4%.

No Sudeste, Lula tem 33% das intenções de voto contra 12% de Bolsonaro. O candidato tucano, Geraldo Alckmin, apesar de governar São Paulo por quase 14 anos, aparece com apenas 6% das intenções de votos na Região. Marina tem 4%; Ciro 2%; Manuela e Álvaro Dias 1% cada; e outros 3%. O percentual dos que não vão votar em ninguém, brancos e nulos atingiu o maior índice no Sudeste, sendo a opção de 25% dos entrevistados.

Centro-Oeste também está com Lula

No Centro-Oeste e Norte, Lula também é o preferido pelo eleitorado e tem 39% das intenções de votos. Em segundo lugar aparece Bolsonaro com 17%, seguido por Marina (8%); Ciro (6%); Alckmin (2%); Álvaro Dias (1%); e outros (1%).

 

Cenário espontâneo

Na pesquisa espontânea, Lula também está bem na frente dos demais candidatos.

O ex-presidente passou de 34% para 37% das intenções de votos. Bolsonaro se manteve em segundo lugar, com 10%; Ciro tem 3%; Alckmin caiu de 3% para 2% e segue empatado com Marina Silva (2%) e com o ex-presidente FHC, citado por 2% dos entrevistados.

Joaquim Barbosa, Sergio Moro, Aécio Neves, Eduardo Jorge e Álvaro Dias aparecem com 1% das intenções de voto cada.

Os que disseram que vão votar em outros candidatos alcançaram 3%. Ninguém, brancos e nulos 18% e não sabem ou não responderam 18%.

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, Lula derrotaria todos os adversários com tranquilidade.

O ex-presidente tem 50% das intenções de votos contra 16% de Bolsonaro (em maio Lula tinha 47% e Bolsonaro 16%).

Lula também ganharia com folga da candidata da Rede com 50% dos votos contra 12% de Marina (em maio o placar era de 45% contra 14%).

Contra Ciro, o resultado é semelhante. Lula tem 50% das intenções de voto e o candidato do PDT tem 11%.

Já quando o adversário é Alckmin, o ex-presidente Lula passa dos 50% para 52% das intenções de votos contra apenas 10% do candidato tucano (em maio, Lula tinha 47% contra 11% de Alckmin).

A pesquisa CUT/Vox Populi foi realizada com brasileiros de mais de 16 anos, residentes em áreas urbanas e rurais, de todos os estados e do Distrito Federal, em capitais, regiões metropolitanas e no interior, de todos os estratos socioeconômicos.

Foram ouvidas 2000 pessoas, em entrevistas feitas em 121 municípios. Estratificação por cotas de sexo, idade, escolaridade e renda. A margem de erro é de 2,2 %, estimada em um intervalo de confiança de 95%.

 

Mark Zuckerberg perde US$ 16 bilhões de patrimônio em um dia com queda das ações do Facebook


Ele caiu de 4º para 6º lugar no ranking de pessoas mais ricas do mundo da revista ‘Forbes’ nesta quinta-feira (26).O fundador e CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, em imagem de maio de 2018 (Foto: Charles Platiau/File Photo/Reuters)

O fundador e CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, em imagem de maio de 2018 (Foto: Charles Platiau/File Photo/Reuters)

 

Com a queda histórica das ações do Facebook desta quinta-feira (26), o presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, sofreu uma perda de cerca de US$ 16 bilhões em seu patrimônio.

Ele caiu de 4º para 6º lugar no ranking de pessoas mais ricas do mundo da revista “Forbes”. Seu patrimônio foi de US$ 82,5 bilhões para US$ 67,1 bilhões, calcula a revista.

A queda em um só dia foi de quase 20% do patrimônio de Zuckerberg.

Ele foi superado pelo norteamericano Warren Buffet, com cerca de US$ 82 bilhões, e o mexicano Amancio Ortega, com cerca de US$ 72 bilhões.

Veja o ranking atualizado de mais ricos do mundo da “Forbes” nesta quinta-feira (26), com patrimônio em dólares:

  1. Jeff Bezos – 148 bilhões
  2. Bill Gates – 95 bilhões
  3. Bernard Arnault – 83 bilhões
  4. Warren Buffett – 82 bilhões
  5. Amancio Ortega – 72 bilhões
  6. Mark Zuckerberg – 67 bilhões
  7. Carlos Slim Helu – 65 bilhões
  8. Larry Ellison – 59 bilhões
  9. Larry Page – 58 bilhões
  10. Sergey Brin – 56 bilhões

A “Bloomberg”, que mantém a lista “Bloomberg Billionaires Index”, diz que, com a perda, ele cai de 3º para 6º lugar no ranking. Seu patrimônio era caulculado em cerca de US$ 86 bilhões, e agora vai para cerca de US$ 70 bilhões.

“Esse cavalo corre mais que notícia ruim”: Por Walter Salles


 

Coluna de Walter Salles para Café com Leite digital e impresso: Esse ditado popular sobre a velocidade das notícias ruins é mais antigo que andar pra frente. Portanto Põe séculos e milênios nisso. Mas por que será que a notícia ruim anda mais? Seria pelo fato do ser humano se deliciar mais com a desgraça dos outros do que com a sua própria vitória? Geralmente quando alguém está dando uma notícia boa ou falando bem de alguém, a impressão que se tem é que aquela notícia está meio cinzenta, sem graça e o cara termina ficando falando sozinho. Por outro lado, se alguém está falando que uma pessoa que era rica e ficou pobre, sem possuir ao menos uma bicicleta pra andar montado, muitas vezes a pessoa do lado faz aquele gesto de tristeza ou preocupação e diz: “coitado do seu Joaquim…tinha tanta coisa”!. Mas ao sair dali, antes de Chegar em casa já comentou com mais de dez: “Rapaz, tu já soube do seu Joaquim? Chegou aqui na cidade numa situação de fazer pena. Acho que vai morar na casa de parentes, pois não tem uma esteira pra cair em cima”. Agora já são mais de dez pra divulgar, e antes de chegar a noite já tem mais de cem dando a “bela” notícia.

Pois é, minha cara leitora e caro leitor. Tudo isso é fato, é uma realidade, só que muito triste porque tudo termina gerando mais tudo. Corrupção gera corrupção, mentiras geram mentiras em maior escala, preguiça gera preguiça e violência gera violência e assim tudo vai se multiplicando. Eu trabalho com comunicação há 30 anos e venho relutando para manter a minha empresa de pé, sem precisar dar notícias ruins.

O ser humano é como uma fruta, que quando a pessoa  descasca, come a parte boa e a ruim  nunca mais lembra. Joga as cascas no lixo e já era.  Pois é, aí é que está o problema. Porque em se tratando de gente, a maioria das pessoas só gosta de registrar na sua mente e no seu coração, a parte ruim de outras pessoas que supostamente tenham falado algo que não lhe agradou. Na verdade, assim como os alimentos possuem uma parte que  vai pro lixo, é bom que respeitemos o lixo que existe em cada pessoa. É um direito dele possuir um pouco de lixo no seu ser. Mas com certeza ele possui também a parte boa da fruta, ou seja, ele tem seu lado bom. Quase todo mundo possui esse lado bom e precisa ser mais lembrado e explorado para crescer cada vez mais e afogar o lado ruim que também todos temos. Faça o seu cérebro e o seu coração registrar só as coisas boas das pessoas. Pois assim como as frutas, a parte ruim vai para o lixo e a parte boa serve de alimento para que outras pessoas aprendam a ser igual ou melhor. Como foi dito; coisa boa gera coisa boa, o que não presta gera mazela, violência gera violência, amor gera amor e morreu bola sete. Um abraço!!!

 

Lua de sangue é nesta 6ª: eclipse mais longo do século 21


Foto: Nasa
Foto: Nasa

A Lua de Sangue é um dos maiores fenômenos celestes e poderá ser vista nesta sexta-feira, 27 de julho, como adiantou o SóNotíciaBoa.

O evento celestial inteiro vai durar cerca de quatro horas, por isso está sendo considerado o mais longo do século 21. Mas na prática, o eclipse propriamente dito, vai durar uma hora e 43 minutos no total.

E o melhor: será visível no Brasil, parcialmente, entre 17h15 e 19h19 (horário de Brasília). Em Recife, a Lua de Sangue poderá ser vista completa entre 17h15 e 18h13.

Por que tanto tempo?

É que a Lua estará em um dos seus pontos mais distantes da Terra. Isso significa que a sombra que o mundo lançará sobre ela é maior do que em um eclipse lunar normal.

De acordo com Noah Petro, cientista lunar do Centro Goddard de Voos Espaciais da NASA, “o que controla a duração do eclipse lunar é a posição da lua quando ela passa pela sombra da Terra”.

 

Ao Space, ele explicou que a parte mais escura da sombra do planeta é chamada de umbra.

Para exemplificar, o especialista sugere imaginar a umbra como um cone que se estende da Terra na direção oposta ao Sol.

“A Lua pode passar pelo cone ou passar pelo meio, que recebe um eclipse de duração mais longa”, ele falou. Como desta vez a Lua está se aproximando do centro do cone, o fenômeno será mais extenso.

Segundo a EarthSky, instituto de astronomia nos Estados Unidos, o satélite estará em um ponto mais distante da Terra.

Isso significa que ela vai aparecer um pouco menor no céu e vai levar mais de tempo para passar pela sombra do planeta.

Como será

A Lua vai ganhar esse novos tons porque no eclipse, o satélite, a Terra e o Sol ficarão alinhados, fazendo com que o planeta bloqueie os raios solares que iriam até a Lua.

As cores desviadas passam pela atmosfera e, junto com a posição dos astros, criam o efeito avermelhado.

 

Com informações da Galileu