Casal de idosos se abraça e se beija com plástico após 102 dias: covid


Agustina e Pascual matam a saudade - Foto: Press Association
Agustina e Pascual matam a saudade – Foto: Press Association

Um reencontro emocionante. Após 102 dias separados por causa da Covid, dois idosos de 83 e 84 anos puderam finalmente se abraçar.

Dona Agustina Canamero e o marido Pascual Perez usaram uma película de plástico para matar a saudade com segurança. E era tanta saudade que eles acabaram também se beijando  através da tela de proteção, usando máscaras.

A imagem, que está correndo o mundo, foi feita em uma casa de repouso de Barcelona, na Espanha e publicada por jornais locais nesta quarta, 24.

Durante os 59 anos de casamento, o casal nunca passou tantos dias separados.

O reencontro

Assim que a casa de repouso Ballesol Puig i Fabra permitiu que as visitas fossem retomadas, com as telas protetoras, Agustina Canamero foi uma das primeiras a chegar.

A cena do reencontro dela com o marido emocionou a direção e funcionários do lar de idosos.

A Ballesol Puig i Fabra não revelou quantos moradores pegaram o novo coronavírus na casa de repouso.

Os lares de idosos da Espanha foram particularmente afetados pelo vírus, que matou pelo menos 28.300 no país.

Com informações da ABC, EnfieldIndependentGuernseyPres e