Boulos vai levar Lula para sua propaganda eleitoral na TV


O candidato do PSOL à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos, levará o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seu aliado, à sua propaganda eleitoral na TV. Ele terá 25 comerciais, contra apenas dois no primeiro turno.

De acordo a uma matéria que circula na Folha de São Paulo e outras mídias das redes sociais, a campanha de Guilherme Boulos (PSOL-SP) vai levar lideranças como Lula e artistas populares à televisão para endossar a candidatura dele a prefeito no segundo turno.

 

Muita gente chegou a criticar quando o PT, principalmente o Lula, que é a maior liderança política da América do Sul, não ofereceu o PT logo no primeiro turno para apoiar o Boulos, e o Tato desistir. Se isso acontecesse, ia ficar uma dúvida no ar, sobre qual a posição na pesquisa que ficaria o Tato; poderia dizer que o Boulos só foi pro segundo turno por causa do PT e outras coisas que ia ser falado. Portanto, é preciso que haja respeito sobre as lideranças, acima de tudo quando se trata de um Lula. Boulos aceitou numa boa e até achou melhor e agora sim, no segundo turno o PT chegou pra perto para ajudar o Boulos ser prefeito de São Paulo.

Sobre a ida de Lula à campanha eleitoral de Boulos na TV, naturalmente que reforça e faz crescer muito a campanha, pois a aliança das forças progressistas em torno do candidato do PSOL pode fazer a virada em São Paulo. O PDT já gritou que está dentro, o PC do B também. Já sobre o Russomano, já era de se esperar que ele caísse de corpo e alma na campanha do segundo turno do Covas PSDB. Só que o Russomano é bolsonarista, teve o apoio do Bolsonaro no primeiro turno, fato que acabou de fazer ele despencar nas pesquisas. Nesse caso, certamente ele levou na sua sacola o Bolsonaro que pode ser o antídoto que vai estragar o fermento do Covas, e quem ganhará é a equipe progressista.

Largada com força: O Boulos já largou com 40% dos votos válidos contra 60% do Tucano Covas. Porém, com o histórico da campanha do primeiro turno, o Boulos está em crescimento e o Covas poderá cair. Na verdade, o que se percebe é que a “ampulheta” está passando a areia do lado que tem mais para o lado do menos. A tendência é a do menos ficar mais. A briga agora é com o tempo, que são apenas 10 dias.

A Mônica Bérgamo, colunista da Folha de S.Paulo avalia que a campanha de Boulos vai divulgar sua vida, o que já foi feito nas redes sociais. Agora, a TV possibilitaria que ele fosse apresentado à totalidade da população.

Fonte 247