Itiruçu: A Advogada Rafaela Teixeira é a nova diretora municipal de segurança pública


De acordo ao Itiruçu Oline, A advogada Rafaela Pires Teixeira, (foto) assumiu a função de Diretora Executiva do COMSEG – Conselho Municipal de Segurança Pública. O órgão tem como funções consultivas e fiscalizadoras da segurança pública. A nomeação foi oficializada no diário oficial do município, em decreto assinado pela prefeita Lorena Di Gregório, em substituição ao advogado Dr. Bruno Di Filippo, agora ex-diretor Executivo do COMSEG, função ocupada por ele na gestão do ex-prefeito Wagner Novaes, quando foi criado o Conselho.

O Conselho Municipal de Segurança Pública é um órgão deliberativo, consultivo e de assessoramento na propositura de ações de políticas públicas, e tem por finalidade discutir, analisar, planejar e acompanhar a solução dos problemas de segurança no município de Itiruçu, desenvolver campanhas educativas e buscar a integração e a cooperação entre as autoridades locais voltados à segurança pública.

 

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Rui Falcão quer lançar Lula em abril


Resultado de imagem para foto de lula

O presidente nacional do PT Rui Falcão lançou nesta segunda (16) uma espécie de campanha para a militância se manifestar em favor da candidatura de Lula ao Palácio do Planalto em 2018. Falcão defende que o partido defina essa questão e declare Lula como postulante já em abril, durante o Congresso da legenda.

O dirigente também voltou a dizer que não há plano B, ou seja, afastou a hipótese de o PT aceitar dar apoio a um candidato que não seja Lula, como esperam os defensores de uma frente ampla de esquerda.

“Até o momento, tenho reafirmado à mídia que o Lula ainda não foi lançado oficialmente pelo PT, mas que não cogitamos de plano B. Também sentimos que sua candidatura é uma aspiração nacional. Porém, acho que chegou a hora de a militância começar a opinar publicamente. Quem sabe, assim, possamos, durante o  6º Congresso, torná-lo nosso candidato. E, a partir daí,  construir uma forte aliança com movimentos sociais e partidos populares, em torno de um programa de reformas e transformações estruturais”, disse.

No último final de semana, meios de comunicação reforçaram a ideia de que a candidatura de Lula é uma resposta à Lava Jato. Com uma condenação em vista por conta das inclinações do juiz Sergio Moro – jornalistas de O Globo, por exemplo, tratam do caso triplex como se o magistrado não tivesse outra escolha senão a de condenar Lula – a defesa do ex-presidente estaria fadada a “politizar o tema”, dizem os jornais.

O PT, por outro lado, quer aproveitar que Lula tem crescido nas pesquisas, apesar da campanha da mídia, em associação com a Lava Jato, para arranhar sua imagem e inviabilizá-lo para 2018.

Na nota à militância, Falcão diz que “tanto quanto em outras ocasiões que tenho presenciado, Lula ainda não admite ser candidato, mas reitera, com muita convicção, que está preparado e sabe exatamente o que é preciso fazer para tirar o Brasil da crise, criar empregos, distribuir renda, reacender o ânimo e a confiança da população.”

Na verdade, o Brasil está muito dividido de forma bastante radical entre os dão a vida por Lula e os que dão a vida pra não ver Lula no poder. Esses dois extremos não deixa de ser um fato um pouco até perigoso para as relações das regiões do Brasil. Do norte de Minas Gerais pro Nordeste e Norte do País, o amor por Lula vem crescendo a cada dia. Com os boatos da prisão de Lula, o que muitos diziam é que “mesmo o Lulinha preso, se for candidato, meu voto é dele”. Vale lembrar que isso já aconteceu no interior da Bahia, onde o candidato Humberto Franco estava  preso, no entanto não estava inelegível, candidatou-se e foi eleito na cidade de Irajuba. Em seguida foi solto e abraçado pelo povo. Outros falam na injustiça de só se falar no nome de Lula, quando se fala em suposto envolvimento, mas nada comprovado, o que faz o tiro sair pela culatra e o petista só cresce com isso. “Basta pro Lula o horário político na campanha para ser o suficiente”, disse outro.

Fonte GGN. Último parágrafo Café com Leite notícias.

Tags

Santa Inês: Saúde é um dos itens principais da pauta do prefeito Emerson Eloy


 

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sentadas e área interna

Ainda antes de ser empossado o prefeito de Santa Inês, Emerson Eloy já procurava marcar audiência com o Secretário Fábio Vilas Boas, na Sesab, através do Deputado Estadual Rosemberg Pinto. Na ocasião o Professor Emerson estava com os seus futuros secretários da saúde e de infraestrutura, respectivamente, Naiara Blumetti e Val Barros, onde a pauta principal do futuro prefeito é a reestruturação do Hospital Maria Leandra, para que santa Inês possa ser referência em Saúde. É isso aí prefeito!!!

 

Liminar obriga Odebrecht a reassumir manutenção do Maracanã


Agência Brasil
A liminar foi concedida nessa sexta-feira (13) pela juíza Fernanda Louzada, da 4ª Vara de Fazenda Pública do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. A magistrada acatou ação impetrada pela Procuradoria Geral do Estado (PGE).
A liminar determina que o consórcio reassuma imediatamente o contrato de gestão, operação e manutenção do Complexo Maracanã. Em caso de descumprimento da decisão judicial, a concessionária estará sujeita à multa de R$ 200 mil por dia.
Na decisão, a juíza afirmou que “a conduta (da concessionária de recusar a reassumir a administração do complexo esportivo) parece incompatível com a finalidade do contrato de concessão, como já mencionado o princípio da continuidade do serviço público e com as próprias cláusulas do Termo de Autorização de Uso”.
Na petição inicial, assinada pelo procurador-geral Leonardo Espíndola e pelo procurador do Estado, Joaquim Rohr, a PGE argumentou que “não há qualquer justificativa juridicamente plausível para que a concessionária deixe de cumprir o contrato”.
Leonardo Espíndola acrescentou que a empresa se recusa a reassumir a administração do complexo esportivo, alegando que o Comitê Rio 2016 não concluiu algumas obras necessárias para devolução do estádio depois dos Jogos Olímpicos.
Segundo a PGE, a não conclusão dessas obras não impede que a concessionária reassuma a administração do complexo. A PGE argumentou ainda, segundo nota divulgada pelo Palácio Guanabara, que o estado de abandono do Maracanã se agrava a cada dia, “podendo vir a gerar um sério problema de comprometimento da própria função pública dos estádios, que é servir de palco para grandes eventos esportivos e culturais”.
Conforme a petição da PGE, o descaso da concessionária com o patrimônio público vem ocasionando “um grave prejuízo ao Erário e à população, que se vê privada de seu principal estádio, às vésperas do início do Campeonato Carioca, no qual os grandes clubes pretendem realizar seus principais jogos no maior estádio de futebol do Rio de Janeiro”.
A petição da PGE também faz referência aos constantes furtos de mobiliários que o Maracanã vem sendo alvo, “em razão da falta de manutenção e de vigilância, em flagrante descumprimento das obrigações contratuais assumidas pela concessionária”. Agência Brasil

Marco Aurélio: “Estou com sede de trabalho para ver o nosso povo com qualidade de vida melhor”


Imagem relacionada

Num rápido bate papo com o prefeito da cidade de Itaquara, Marco Aurélio, na ocasião da escolha da nova mesa diretora do CONVALE, na cidade de Maracás, ele disse que a sua maior prioridade é trabalhar para que o povo de Itaquara possa ter uma qualidade de vida melhor. O novo prefeito de 22 anos de idade, disse que na sua gestão não vai haver desperdício de dinheiro , mas sim corte de gastos dentro do possível, para que os recursos possam ser aplicados da melhor forma possível. O chefe do executivo disse ainda, que todos os setores terão uma atenção especial, mas a saúde e Educação são setores que receberão atenção de especial dequalidade, pois ele enxerga estes dois setores como pilastras para sustentar uma construção que queira ser sólida e abrangente.
Desde a campanha do jovem Marco Aurélio, que ficou muito conhecido como Marco do Dr. Geo, por ser filho de um médico renomado, ele já falava que pretendia trabalhar muito por Itaquara, mas citou que os setores de Cultura, Social , Esportes, lazer e outros, que sempre enriquecem e engrandecem a juventude local, iam ter uma atenção diferenciada do que já aconteceu até então.
Apesar de muito jovem, o então candidato tinha firmeza nas suas palavras, de forma que ele fez  a população, que já vinha sonhando com uma mudança no município, acompanhar o novo candidato e elegê-lo.

Na entrevista à Salles Publicações, (blog e jornal Café com Leite), o novo chefe do executivo demonstrou nem só vontade de trabalhar, como também firmeza nas palavras e muita responsabilidade com os recursos públicos, principalmente quando falou em corte de gastos, para poder driblar a crise generalizada e fazer uma administração diferenciada.

A galera Café com Leite deseja ao novo prefeito que a sua chegada ao comando da prefeitura municipal de Itaquara, se transforme numa nova história positivamente falando, no município.

Jaques wagner diz que não quer ser presidente do PT na Bahia


Resultado de imagem para foto de jaques wagner
Especulado para presidir o PT na Bahia, o ex-governador Jaques Wagner afirmou durante congresso de correntes do PT que não quer comandar a sigla no estado.
“Não quero ser presidente do PT. Tem que ser alguém da juventude. Claro que não sou de se jogar fora. Ainda dou no couro politicamente falando”, brincou.
Wagner fez ainda uma avaliação do partido, afirmou que a legenda fez o que nenhum outro partido fez e reconheceu erros.
“Nenhum outro partido fez o que a gente fez. Quebramos dogmas e fizemos besteiras. Em 2013 cometemos o erro de não fazer a reforma política”, apontou.
O ex-ministro de Lula e Dilma pediu ainda que a militância esteja pronta para o que pode acontecer até 2018. “Não sei o que vai acontecer em 2018, mas temos que estar prontos para ir para a porrada. Não é a porrada de braço, mas a porrada de luta”, ressaltou. Bocão.

Zé Cocá é o novo coordenador dos consócios da Bahia


 

Resultado de imagem para foto de ze coca

Reconhecendo um trabalho com certa competência e dedicação, o governador do Estado da Bahia, Rui Costa, não teve dúvida de que convidar Zé Cocá para coordenar os consócios da Bahia seria uma ideia acertada. O Zé, que já vem de experiências de presidente do CONVALE, prefeito por dois mandatos na cidade de Lafaiete Coutinho,  sendo candidato único para a reeleição, além de experiência de cargo de confiança na UPB (União dos Prefeitos da Bahia), não pensou duas vezes, aceitou o convite e assegurou que vai procurar fazer o melhor possível pelos consórcios. Disse ser muito grato a Deus pelas oportunidades, pela saúde, pela família e por tudo que tem lhe acontecido. Agradeceu ao governador pelo convite, que é uma prova de confiança no seu trabalho e disse que sabe que a luta tem que ser contínua e que juntamente com o governador e amigo Rui Costa, vai procurar fazer o melhor, pois a luta vai ser grande, mas que o verdadeiro guerreiro não foge.

Lula processa promotor por danos morais e pede um milhão


Após entrar com ações contra as estrelas da “República de Curitiba”, como o juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa na capital do Paraná, além do delegado Filipe Hace Pace, o ex-presidente Lula, por meio de seus advogados, decidiu mover um processo por danos morais contra o promotor do Ministério Público de São Paulo Cássio Conserino, do caso triplex.

Conserino, na visão da defesa de Lula, usou o cargo público apenas para tentar manchar a reputação do ex-presidente. Nas redes sociais, ele também fez manifestações de ódio, como quando chamou o petista de “encantador de burros”.

A ação foi protocolada na quinta (12) e deve ser distribuída a um das Varas Cíveis de São Bernardo do Campo, onde Lula reside. Ela pede que Conserino seja condenado a pagar R$ 1 milhão a título de indenização ao ex-presidente, “levando-se em consideração a extensão dos danos causados e, ainda, a capacidade econômico-financeira do citado agente público”, diz nota dos advogados.

“Na ação foi demonstrada: (i) a utilização das prerrogativas e do cargo de Promotor de Justiça pelo réu para causar danos à imagem, à honra e à reputação de Lula; (ii) atuação dolosa do réu no exercício de suas funções confirmada por dois fatos supervenientes: (a) o abandono da causa pelo réu, após a Justiça excluir Lula da sua esfera de atuação funcional (alegando “motivo de foro íntimo”) e, ainda, (b) pela reprodução e divulgação de publicação manifestamente ofensiva ao ex-Presidente (tratado como “Encantador de Burros”) em conta do réu em rede social (Facebook).”

Conserino, antes de abandonar o caso triplex, chegou a pedir a prisão do ex-presidente Lula.

A nota ainda lembra que no dia 9 de novembro de 2016, o Conselho Nacional do Ministério Público instaurou Reclamação Disciplinar contra o promotor, “em atenção a requerimento que fizemos levando em consideração parte dos mesmos fatos tratados na ação judicial hoje proposta.”

Dallagnol também é processado em R$ 1 milhão, por ter convocado a imprensa nacional e internacional quando do oferecimento da denúncia do caso triplex. Na oportunidade, o procurador da Lava Jato disse que Lula era o maestro de toda a corrupção que existia no governo federal durante seu período como presidente.

Pace, por sua vez, é processado em cerca de R$ 100 mil, por ter usado um ofício da Polícia Federal de um caso alheio a Lula para tentar incriminar o ex-presidente. GGN

 

 

 

Sobe o número de mortes com suspeita de Febre Amarela em MG, chegando a 30 casos


Mosquito haemagogus é um dos transmissores da forma rural da febre amarela (Foto: Reprodução/TV Globo)

Mosquito transmissor é muito parecido com o do pernilongo ou muriçoca 

A secretaria de Estado de Saúde (SES) informou, na tarde desta quinta-feira (12), que as notificações de mortes de pessoas com suspeita de febre amarela subiram para 30 em Minas Gerais. Em relação ao último balanço, são 16 novos óbitos suspeitos. O número de casos suspeitos chegou a 110.

Segundo a SES, das 30 mortes, dez são óbitos prováveis da doença, porque os pacientes tiveram exame laboratorial preliminar positivo. A confirmação ainda depende de mais investigação. Essas ocorrências foram em quatro municípios do Vale do Rio Doce – Piedade de Caratinga (3), Ubaporanga (1), Ipanema (1) e Itambacuri (1) – e em duas cidades do Vale do Mucuri – Ladainha (3) e Malacacheta (1).

Já as notificações de casos suspeitos subiram nas últimas 48 horas. Segundo a secretaria, 20 são casos prováveis e se referem a homens, com média de idade de 42 anos.

A cidade com maior número de notificações é Ladainha, onde 31 suspeitas foram registradas. Na sequência, aparecem três cidades do Vale do Rio Doce: Caratinga, com 20 registros, Imbé de Minas, com 14, e Piedade de Caratinga, com 12.

Também há ocorrência de casos suspeitos em Entre Folhas (2), Inhapim (2), Ipanema (4), Itambacuri (5), São Domingos das Dores (1), São Sebastião do Maranhão (1) e Ubaporanga (6), no Vale do Rio Doce; Frei Gaspar (1), Malacacheta (4), Poté (6) e Setubinha (1), no Vale do Mucuri.

A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, causada por um vírus, que pode levar à morte em cerca de uma semana se não for tratada rapidamente. De acordo com o Ministério da Saúde, a doença é transmitida por mosquitos e comum em macacos, que são os principais hospedeiros do vírus. G1

Rui Costa inaugura Hospital da Mulher; unidade começa a receber pacientes nesta sexta (13)


O Hospital da Mulher (HM), que começa a receber pacientes para internamento nesta sexta (13), e abre totalmente na segunda (16), é um hospital de regulação. As mulheres precisam passar por consultas em outras unidades de saúde antes de serem encaminhadas para o hospital.

 download-1

“Esse não é um hospital de porta aberta. Quem vier aqui para marcar uma consulta não vai ser atendida. É preciso que essa mulher se dirija a uma unidade básica de saúde do seu município, faça uma consulta e a partir de lá seja agendada (para o HM)”, explica o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas-Boas. O HM tem uma emergência, para casos especiais. “Em casos de emergência ginecológica, teremos um pronto atendimento de 24h aqui, principalmente de violência sexual”, completa o secretário.

Segundo o governador, o HM será um hospital de alta rotatividade, com poucos internamentos. “Aqui não será um hospital para ter pacientes de longa duração ou pacientes crônicos. Por isso tem dez salas cirúrgicas, queremos fazer muitas cirurgias. A partir delas, as mulheres poderão seguir seu tratamento (em outros lugares)”, informa.

Em seu discurso durante a inauguração, a secretária estadual de Políticas para as Mulheres, Olívia Santana, citou as chacinas de Campinas, em São Paulo, e Feira de Santana, como exemplos de misoginia e machismo. “Sei que é um momento de alegria, mas a gente não pode esquecer que a vocação de um governante é enfrentar desafios. O governador Rui Costa rema contra a maré nacional, em que houve retrocesso nas políticas para as mulheres. Ele reafirmou seu compromisso pela vida e pela saúde das mulheres”, parabenzou.

A médica e presidente da Comissão de Mulheres da Assembleia Legislativa da Bahia, Fabíola Mansur, comemorou a inauguração do hospital. Segundo ela, a unidade dará prioridade a certos atendimentos, diminuindo as filas e salvando vidas de mulheres. “Pra mim é um presente, para as mulheres baianas e para a saúde como um todo. Certamente será um marco na assistência à mulher. Vamos zerar fila, dar um tratamento diferenciado e fazer medicina de primeiro mundo com verba do SUS.”, afirmou a deputada.

Estrutura
Com investimento superior a R$ 40 milhões, o HM é considerado um centro de referência estadual. A unidade possui dez salas cirúrgicas e 136 leitos, sendo 97 destinados à internação, 10 para terapia intensiva (UTI) e 29 leitos para hospital-dia. O centro de diagnóstico está equipado com tomógrafo computadorizado, mamógrafo, ultrassom, doppler scan, raio-X e laboratório 24 horas. O hospital tem capacidade para realizar 9 mil consultas e mil cirurgias por mês.   Fonte:Correio  

O diabete vai quebrar o Brasil diz Carlos Eduardo, Endocrinologista


Aviso aos tripulantes: o diabete vai afundar o Brasil se nada for feito! Falamos de uma doença silenciosa, mas silencioso também é o rombo que ele é capaz de provocar em nossa saúde financeira.images

E como o diabete é um problema caro!

Está em questão a principal causa de cegueira, insuficiência renal e amputações de pernas no país. Além disso, estamos diante de um fator que contribui, direta e indiretamente, para a ocorrência de infarto, derrame cerebral, impotência sexual e diversos tipos de câncer. Em outras palavras, mesmo quando o problema não está no centro dos holofotes, permanece nas sombras predispondo a outras complicações. É por isso que, em muitas enquetes por aí, as pessoas em geral não enxergam o diabete como uma doença potencialmente letal. E talvez não deem a devida importância que merece — nessas pesquisas, males como câncer, aids, acidentes automobilísticos e violência urbana são sempre mais lembrados.

Esse cenário, no entanto, tem mudado nos últimos anos, quando o diabete passou a figurar também no terrível ranking das doenças com maior taxa de mortalidade no Brasil. Segundo o SUS (Sistema Único de Saúde), a mortalidade pela enfermidade aumentou mais de 80% de 1990 a 2004, ao passo que houve queda no número de mortes por problemas cardiovasculares no mesmo período.

Em todo o planeta, em 2015, morreu uma pessoa por causa do diabete a cada 6 segundos. O número desses óbitos em 2015 foi mais de duas vezes maior que o número de mortes por aids e tuberculose em conjunto.

E você acha que as coisas tendem a melhorar? O Brasil atualmente é o quarto colocado mundial no ranking de casos de diabete, com 15% (14,3 milhões) da sua população adulta com a doença — estamos subindo de posição nas últimas décadas. Quando falamos de diabete tipo 1, que acomete mais crianças e jovens, somos o terceiro colocado mundial com 30 900 casos em 2015. A perspectiva da Federação Internacional de Diabete (IDF) é que tenhamos em 2040 cerca de 23,3 milhões de cidadãos diabéticos, a grande maioria com o tipo 2 do distúrbio.

Mas você deve estar se perguntando: por que, apesar dessa ameaça, o IBGE nos presenteia, ano após ano, com a notícia de que cresce a expectativa de vida da nossa população? O que muitas vezes não enfatizamos é que temos aumentado o número de anos vividos sim, mas à custa de anos vividos com doenças. Sim, vive-se mais, mas também vive-se mais doente. É aí que deparamos com o custo no tratamento do diabete e das doenças crônicas e complicações a ele associadas.

Precisamos viver muito e, de preferência, melhor! Isso é positivo para nossa saúde física, mental e também para o nosso bolso e para os cofres do país. Até porque quando ficamos mais velhos nossos rendimentos tendem a cair substancialmente. Nos países mais pobres (como o nosso), os custos do tratamento do diabete e suas complicações são bancados na sua maior parte pelo próprio paciente. Na América Latina, cerca de 60% dos gastos com diabete são pagos pela família e o restante pelo Estado. E, infelizmente, a maior parte do gasto é destinada a remediar os reveses impostos pela doença (danos aos rins, aos olhos, ao coração…) e não com prevenção. O desembolso com sequelas é sempre mais caro. E é por isso que insistimos que os países devem ter uma política mais clara, objetiva e eficaz na prevenção e no controle do diabete. Do contrário, o diabete, e os males que andam de mãos dadas com ele, vai quebrar as nações.

Pasmem, mas o Brasil gastou em 2015 cerca de 72 bilhões de reais com o diabete. Isso representa 1,3% do PIB de 2015. Em 2040, estima-se que desembolsaremos cerca de 117 bilhões com a doença. Só para ter uma base de comparação, os Estados Unidos atualmente já gastam cerca de 1 trilhão de reais anuais com diabete.

Leia também: 11 segredos dos magros saudáveis

O desafio ganha contornos ainda maiores e dramáticos com algumas perspectivas futuras nada favoráveis:

• A epidemia de diabete vem em paralelo à epidemia de obesidade, que também só aumenta.

• O número de brasileiros com pré-diabete, situação que precede o descompasso propriamente dito, se encontra hoje em 11 milhões.

• No Brasil, cerca de 50% das pessoas com diabete nem sabe ser portadora da doença que, ressalto, é silenciosa. Certamente nosso sistema de saúde não conseguiria absorver todos esses “novos” pacientes.

O aviso está dado. As ações dependem de todos nós: médicos, cidadãos, Estado, sociedade civil. O diabete vai quebrar o Brasil se nada mudar desde já.

“O que encontrei em Santa Inês foi o resultado de uma administração fracassada”, disse o prefeito Emerson Elói


Resultado de imagem para foto de emerson eloi

Foto Arquivo, com Emerson à direita

Quando questionado sobre a situação encontrada no município de Santa Inês, o novo prefeito, Emerson Elói, disse que já esperava que fosse encontrar uma Santa Inês nada agradável, no sentido administrativo, mas nunca imaginou que fosse encontrar uma situação tão caótica e disse o seguinte: “Encontrei um município fracassado administrativamente, sem nada de base que se possa aproveitar, com uma situação da população carente bem complicada”. Apesar da situação encontrada, o prefeito disse que não vai procurar questionar muito, mas sim, “arregaçar as mandas da camisa” para que possa juntamente com o secretariado e seu vice, uma administração voltada para o povo, para melhorar a qualidade de vida do mais carente que já sofreu muito com administrações que não colocaram o povo, sobretudo o mais carente, como principal prioridade. Quando o prefeito fala em dar prioridade à população, ele está querendo dizer que tudo que se faz no município que venha impactar positivamente sobre a vida do ser humano, e ainda mais sobre os mais necessitados, principalmente os setores de Saúde, Educação e Social. Elói veio de um trabalho que lhe fez ganhar prêmios em nível de Bahia e Brasil, que foi elevar em todos os níveis o funcionamento e a parte física do Colégio ACM na cidade de Santa Inês. Isso lhe rendeu uma convocação pelo povo para que ele fosse candidato a prefeito da cidade. Perguntado se isso não lhe faz ter uma responsabilidade grande sobre santa Inês, uma vez que a expectativa do povo é grande, a resposta foi que realmente é uma grande responsabilidade e desafio, uma vez que há 40 anos o município sofre. “As pessoas se referenciaram na minha gestão pública no colégio e me convidaram para ser candidato, o que, no começo eu resisti, mas depois pensei: por que não eu dar a minha contribuição como prefeito se eleito eu for? Fui eleito e pretendo trabalhar da mesma forma que trabalhei no colégio, claro que mais abrangente, mas, proporcionalmente, com a mesma seriedade e dedicação que foi no colégio, para que a gente possa fazer uma gestão diferente, uma gestão voltada para o crescimento do povo, para, conseqüentemente, o município também cresça e não ao contrário.

A verdade é que a expectativa do povo é grande, porém, não assusta o prefeito Emerson Elói, pois a sua vontade, como tem falado sempre à nossa reportagem, desde quando ainda candidato, é de realizar um trabalho que realmente fique marcado na história de Santa Inês, assim como os trabalhos realizados por ele desde Maracás. O blog e jornal Café com Leite desejam boas vindas e que as boas notícias certamente irão surgir ao decorrer da administração.

Líder da Igreja Mundial do Reino de Deus sofre atentado de morte em pleno culto


Resultado de imagem para foto do pastor Valdemiro Santiago

Segundo o Blog Alagoas 24 horas, na manhã deste domingo, vídeos publicados pela família do pastor Valdemiro Santiago indicam que ele sofreu um atentado contra sua vida. Ainda não sabe ao certo o que aconteceu. No entanto, as informações extraoficiais dão conta de que um homem, em pleno culto realizado na manhã deste domingo, 8, apareceu atrás do religioso e tentou matá-lo. O homem estaria disfarçado de fiel e aproveitou que o pastor orava para desferir uma facada em seu pescoço. De acordo com informações do site ‘Notícias Gospel Prime’, o atentado foi mesmo realizado em pleno culto. O homem tentou matar Valdemiro com um facão afiado e já teria sido preso. O site divulgou fotos do suspeito de tentar acabar com a vida do líder da Igreja Mundial do Reino de Deus.

Em vídeos publicados na internet, que podem ser vistos ao final dessa reportagem, o próprio pastor confirma que sofreu um atentado. Ele publicou até mesmo uma foto do corte profundo que sofreu no pescoço. Mesmo após levar muitos pontos na região, ele ainda sangrava. O religioso está com sua esposa em um hospital, que até agora não teve o seu nome revelado. Ele deve passar no local os próximos dias em observação, mas aparentemente, seu estado de saúde é muito bom, pois ele fala nos vídeos que ganharam a web.

O pastor diz que o homem que tentou matá-lo precisa de orações. Valdemiro diz que já o perdoou e chorando pede que os fiéis da igreja orem pelo rapaz, que vai ficar na cadeia. “Deus me livrou de mais uma. Vai ser mais uma no livro que eu vou escrever”, diz Santiago no vídeo. O pastor ficou conhecido por conta dos programas de televisão de sua igreja. Ele também provoca muitas polêmicas, pois em diversas das transmissões teria operado em nome de Deus possíveis milagres.

Veja o que diz o pastor em vídeo. Matéria na íntegra, inclusive fotos e video do blog Alagoas 24 horas.

Lafaiete Coutinho continuou no comando da CONVALE


 

dscn7656

 

Durante a reunião para escolher o novo presidente do Consórcio Vale do Jiquiriçá,  (CONVALE) ocorrida na cidade de Maracás, no dia 05 de janeiro, o eleito foi o prefeito João Freitas, popular João Véi, da cidade de Lafaiete Coutinho, ficando assim a mesma cidade que comandou durante os últimos dois anos.  A reunião ocorreu dentro da tranquilidade, até porque, para acontecer esse tipo de sucessão, há sempre a chamada articulação perante os demais prefeitos que compõem o Vale, para então ser marcado o dia. O prefeito Zeca Braga da cidade de Planaltino ainda tentou lançar uma segunda chapa, o que fez a reunião atrasar um pouco, mas depois ficou apenas uma chapa com o nome de João Véi, como já se esperava.

 

dscn7639

Críticas de presentes ao ato. Depois da reunião, que começou no térreo da câmara de vereadores de Maracás e terminou no segundo piso, algumas pessoas questionavam, o por que de o prefeito da cidade de Maracás, Soya, não ter se manifestado para formar uma segunda chapa, para que a própria Maracás ser sede do Consórcio, uma vez que é a cidade da nascente do  rio que deu origem ao vale, bem como já existe o escritório do Convale.

dscn7642

Zeca Braga em conversa com Zé Cocá um pouco antes de ser definida a chapa

O que se espera é que haja uma boa representatividade perante os demais municípios, para que aconteça o tão sonhado desenvolvimento do Vale, que, diga-se de passagem, é uma das mais lindas regiões da Bahia, onde cada município possui os seus encantos. Essa geografia é formada por vários tipos de climas, que vai da caatinga, como é o caso de parte de Maracás, Planaltino, Nova Itarana, Brejões, (em parte); regiões cacaueira, região do café e um geral de pecuária de corte e leiteira. Sem contar a questão da beleza natural de cada município, que merece uma alerta geral, para ser uma das mais lindas regiões brasileiras no setor turístico, que atualmente é um dos setores de maior geração de emprego e renda.

Portanto, é preciso que haja uma união maior dos prefeitos para que o novo presidente possa desenvolver um trabalho voltado também para essa área. Em conversa com João Véi, ele disse que a sua intenção é de dar o melhor para o crescimento de todo o Vale, disse que suceder um prefeito e presidente do Convale da marca de Zé Cocá, não será uma tarefa fácil, mas que o próprio Zé vai dando as primeiras orientações. Em relação ao cuidado com o Rio Jiquiriçá, da sua nascente até o fim do percurso, ele disse que é uma das metas que está em pauta. Véi disse que muitas reuniões irão acontecer e que ele acredita que os novos prefeitos estão todos focados no desenvolvimento de todo território do CONVALE.

dscn7643

 

Para essa reunião fizeram presença os prefeitos e prefeitas: Mariane de Lajedo do Tabocal, Danilo de Nova Itarana, Giuliano de Jaguaquara, Marivete (Dona Ivete) de Cravolândia, Marco Aurélio Itaquara, Zeca Braga Planaltino, João Véi Lafaiete Coutinho, Gerinho Irajuba, Digão Mutuípe, Lorena Itiruçu, Frede Ubaíra, Junior Amargosa, Zé Renato São Miguel das Matas, Emerson santa Inês, Sandro Brejões,  e Soya, anfitrião do evento, Maracás.

A mesa diretora ficou da seguinte forma:  Segunda secretária Lorena, primeira secretária Mariane, Tesoureiro Gerônimo (Gerinho) 2º vice presidente Zé Renato, vice presidente Digão e presidente João Véi.

 

Primeira semana difícil em Itiruçu, “mas já era de se esperar”. Prefeita Lorena


 

 

dscn7649

É natural que surja algumas críticas, mas responderei a cada uma com muito trabalho”, 

 

Durante reunião dos prefeitos na cidade de Maracás, na sexta feira seis de janeiro, para a escolha do presidente e toda mesa diretora do CONVALE, a prefeita de Itiruçu, Lorena Di Gregório, falou de como ela encontrou o município, disse que muitas coisas ainda estão fora de lugar e que vai fazer uma arrumação geral, inclusive no quadro alarmante de funcionários (620) todos concursados.

A informação que obteve o blog Café com Leite foi que a situação encontrada não foi boa, “inclusive foi instalada uma comissão para que fosse decretado estado de emergência no município, para que possamos trabalhar com mais facilidade e segurança”,.. A prefeita disse também que a primeira semana foi para arrumação da casa, pois muitas coisas estavam e ainda estão “fora de lugar”, a começar por funcionários com cargos trocados, como gari em escritório e outros. “cada funcionário vai trabalhar na sua função de concurso”,  Lorena disse que os serviços essenciais tiveram o início desde o primeiro dia, como limpeza da cidade e os primeiros passos para melhorar a qualidade do setor de Saúde do município. “só para se ter uma ideia, foram trocadas 40 lâmpadas no hospital, que estavam queimadas”, informou a prefeita e completou dizendo que ela está encarando a situação encontrada  com naturalidade, por já esperar que não iria encontrar nada arrumado. Falou inclusive que a prefeitura foi encontrada com as suas contas bancárias zeradas, com exceção de uma que tinha 16 mil reais.

A simpaticíssima Lorenna durante reunião em Maracás

Sobre o secretariado, a nova prefeita disse que o nome do cargo de um secretário, diretor e assessor, é cargo de confiança, e que ela jamais escolheria essa equipe, se não fosse de total confiança, pois uma gestão para dar certo tem que ter uma equipe de extrema confiança.

Sobre a questão da demanda de funcionários  concursados, que são ao todo 620, Lorena disse que será feito um levantamento para saber como estão esses funcionários, se existem alguns deles licenciados ou encostados, se há necessidade de tal quantidade de funcionários em determinados setores, onde citou por exemplo, seis funcionários que trabalham no mercadão, enquanto apenas dois é suficiente.

Ainda falando em cargos de confiança, a prefeita disse que para a secretaria de finanças ela encontrou cem por cento de confiança na sua tia. Disse que é uma secretaria de muita responsabilidade, mas que diante da pessoa que foi contratada, inclusive consultando o jurídico, ela está tranquila, porém sabe que as críticas vão surgir, naturalmente, mas que ela quer responder a cada crítica é com  muito trabalho, pois trabalhar muito e fazer o diferencial em cada setor é o seu principal objetivo.