Fake de Olavo de Carvalho envolvendo Bill Gates faz Microsoft pensar numa atitude


Olavo de Carvalho e Bill Gates. Foto: Wikimedia Commons

Nesta quarta (20), Olavo de Carvalho, guru do bolsonarismo com 577 mil seguidores no Facebook, disseminou um vídeo de fake news afirmando que o coronavírus da China “chega ao Brasil patenteado por Bill Gates”.

De acordo com o Google Trends, serviço de tendências de pesquisa, a mentira provocou um aumento repentino de mais de 300% da pesquisa do termo “Bill Gates – Magnata” no buscador.

Em pesquisas relacionadas ao mesmo tema aparecem “Olavo de Carvalho” e “coronavírus”.

O DCM entrou em contato com a assessoria de imprensa da Microsoft, questionando que atitude será tomada.

Em um email enviado nesta quinta (30), eles afirmam que a questão está com a Microsoft global, que analisa o caso.

Como envolve Bill Gates, a dúvida é se é o fundador ou a companhia vão se pronunciar. Uma medida legal não está descartada.

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Argentinos criam “microondas” que gela cerveja em 30 segundos


“Microondas” promete gelar cerveja em 30 segundos (Reprodução)

Cansado de esperar horas para que aquela cervejinha fique gelada o suficiente para ser desfrutada num domingo à tarde? Não sabe o que fazer quando esqueceu de colocar a bebida para gelar e o churrasco vai ser em menos de duas horas? Pois (talvez) os seus problemas acabaram.

Ao menos é o que garante este grupo de estudantes argentinos, criadores de uma máquina que eles mesmos descrevem como “o microondas de esfria”. Segundo Santiago Schmidt, um dos inventores e porta-voz do grupo, o aparelho pode gelar uma bebida em até 30 segundos, e ainda por cima consome menos energia que uma geladeira ou um freezer convencionais.

Os estudantes acabam se lançar sua própria empresa, a Chill It, e vêm participando de várias mostras com um protótipo da máquina, que vem fazendo sucesso. Durante as apresentações, os inventores introduzem no aparelho uma lata em temperatura ambiente, seja ela de cerveja, refrigerante ou qualquer bebida de 350 ml, e em pouco mais de meio minuto ela sai geladinha, na temperatura ideia para ser consumida.

Segundo Schmidt, a ideia surgiu há 5 anos, quando eles iniciaram seus estudos na CEMA (Centro de Estudos Macroeconômicos da Argentina), quando pensavam em um trabalho prático sobre inovação com modelo de negócios. “Em algum momento, todos concordamos que uma máquina que pudesse gelar cerveja rapidamente seria um sucesso, e um grande negócio, e começamos a trabalhar no projeto”, conta o inventor.

Após muitos anos de investigação e desenvolvimento do projeto, muitas tentativas fracassadas e investimento perdido, eles finalmente encontraram um método. Agora, a Chill It busca parceria de grandes empresas para poder produzir o seu “microondas que esfria” em grande escala.  

Veja vídeo. Fonte, Revista Forum.

Revista Forum.

Mulher é presa tentando matar a mãe asfixiada em leito de hospital no Maranhão


Luciana Paula foi presa e autuada por tentativa de homicídio, apesar das imagens comprovarem o crime, a acusada nega.

Uma mulher foi presa em flagrante tentando matar a própria mãe asfixiada em um leito do Hospital Dr. Carlos Macieira, na cidade de São Luís, no Maranhão, na última terça-feira (28). Os acompanhantes de outros pacientes filmaram o crime por meio de celular, após desconfiarem de uma movimentação estranha no leito da vítima.

Nas imagens, é possível ver o momento que a filha coloca a mão na boca e no nariz da idosa para tentar impedir que a vítima consiga respirar. A idosa está internada desde janeiro diagnosticada com embolia pulmonar.

Ela foi transferida da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para um dos leitos do hospital, quando sofreu a tentativa de homicídio praticado pela filha.

Após o crime, ela teve que ser levada de volta para a UTI. Luciana Paula foi presa e autuada por tentativa de homicídio, apesar das imagens comprovarem o crime, a acusada nega. As informações são do BNews.

 

Coronavírus é patenteado por Bill Gates; objetivo é redução populacional: Fake news do guru Olavo de Carvalho


Foto: Reprodução/YouTube
  

O pânico que a disseminação do coronavírus, que já matou mais de cem pessoas, principalmente na China, tem causado nas pessoas, naturalmente criou uma onda de teorias conspiratórias e fake news. E se tem um setor da sociedade brasileira que mantém forte proximidade com notícias falsas este setor é o bolsonarismo.

Nesta quarta-feira (29), o guru que influencia diretamente a família Bolsonaro e seus apoiadores, Olavo de Carvalho, compartilhou em suas redes sociais um vídeo que diz que o coronavírus foi patenteado por Bill Gates e que o objetivo da disseminação da doença pelo mundo é a redução populacional.

“Coronavírus chega ao Brasil patenteado por Bill Gates”, diz o título alarmista do vídeo, que faz parte do canal Mistérios do Mundo – por uma punição do YouTube, o canal passou a levar o nome de seu dono, Bruno Alves.

Circulando com força nas redes sociais, a fake news dá conta de que a organização The Pirbright Institute, financiada pela Fundação Bill Gates, teria adquirido a patente do coronavírus em 2018. A própria organização, no entanto, veio à público para esclarecer a “confusão”: a patente que a Pirbright possui, na verdade, é do vírus da bronquite infecciosa (IBV), e o título da patente – número 10130701 – se dá pelo fato de que o vírus é um objeto de pesquisa da organização para a produção de vacinas para prevenir doenças respiratórias em aves e outros animais – não humanos.

“Obviamente isso [o coronavírus] é patenteado por Bill Gates. Objetivo simples: redução populacional”, diz Bruno Alves no vídeo compartilhado pelo guru bolsonarista. O dono do canal ainda vai além: diz que “eles” – sem explicar quem são “eles” – “soltaram” o vírus na China porque trata-se do país com a maior população do mundo.

A conspiração não para por aí: no vídeo, sem dar maiores detalhes, Bruno Alves estabelece ainda uma relação entre o coronavírus e a franquia de filmes e jogos de videogame Resident Evil.

O canal do vídeo compartilhado por Olavo de Carvalho, tido como um respeitado intelectual entre os bolsonaristas, prega ainda, de acordo com sua própria descrição, uma “saída da Matrix”, em referência a outra franquia de cinema. Com informação da Revisa Forumorum.

 

Incompetente é quem nomeou e mantém o ministro: disse Rodrigo Maia ao detonar Weintraub


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, detonou o ministro da Educação, Abraham Weintraub, em evento realizado pelo Credit Suisse em São Paulo. Disse que o sujeito prejudica a imagem do país e que inviabiliza novos investimentos.

Segundo o jornal Valor, afirmou que, com um “ministro da Educação desses”, o Brasil “não tem futuro”.

O presidente da Câmara também criticou o ministro o Meio Ambiente, Ricardo Salles, que “perdeu as condições de ser interlocutor” com investidores.

Salles não tem credibilidade mínima.

“Não sei o que o governo vai fazer com o ministro do Meio Ambiente”, destacou. “Perdeu condições de ser interlocutor. Radicalizou demais”, acrescentou.

A condução da Secretaria da Cultura também foi alvo das críticas de Maia. A pasta tem agora no comando Regina Duarte, mas até duas semanas atrás era dirigida por Roberto Alvim, que gravou um vídeo com um discurso nazista, em que repetiu palavras de Joseph Goebbels, ministro da Propaganda de Hitler.

“A questão da Cultura passou de todos os limites”, disse.

No fundo, Maia critica Jair Bolsonaro. Afinal, não existem ministros ou assessores ruins. Se eles são incompetentes, a responsabilidade é de quem os colocou lá.

Incompetente é quem os nomeou.

Simples assim.

Fonte DCM

Pastor é flagrado estuprando menina de 12 anos e justifica: “minha namorada”


Após denúncia anônima, policiais flagraram pastor evangélico de 53 anos estuprando menina de 12 dentro da igreja. O religioso justificou que a criança era sua “namorada”

pastor estupra menina

Um pastor evangélico de 53 anos foi flagrado na última segunda-feira (27) estuprando uma menina de 12 anos dentro da Igreja Assembleia de Deus da cidade de Ouro Branco, interior de Alagoas.

Policiais militares chegaram no local de madrugada após uma denúncia anônima. “O templo estava fechado, batemos e o pastor apareceu trajando apenas cueca. Já a menina foi encontrada deitada em um colchão”, disse um policial que atendeu a ocorrência.

O pastor José Aprídio foi preso em flagrante. Informações dão conta de que os estupros já aconteciam há um ano. Aos policiais, o homem alegou que a criança era sua namorada e que os pais dela consentiam o “relacionamento”.

Conselho Tutelar foi acionado para tomar as providências cabíveis, bem como os pais da adolescente foram chamados, para dar explicações acerca do caso. O pastor José Aprídio foi autuado por estupro de vulnerável.

Estupro de vulnerável

O estupro de vulnerável é considerado e punido pela lei brasileira desde 2009. Segundo a advogada Isabela Guimarães Del Monde, o crime consiste em “ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 anos”.

“Incorre no mesmo crime quem pratica essas ações com alguém que, por enfermidade ou deficiência mental, não tem o necessário discernimento para a prática do ato, ou que, por qualquer outra causa, não pode oferecer resistência”, acrescenta a advogada.

A pena para o estupro de vulnerável é de 8 a 15 anos de reclusão. Enquanto o estupro “comum” tem pena de reclusão de 6 a 10 anos. Do Pragmatismo Político.

Dispara o número de recém-nascidos com sífilis no Brasil


De 2003 a 2017, a taxa de incidência de sífilis congênita subiu de 1,7 para 8,6 casos por mil nascidos vivos

A sífilis é uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST) bacteriana. Se não for diagnosticada e tratada oportunamente, pode progredir para formas mais graves. Além disso, é transmitida verticalmente, podendo ocasionar complicações, como aborto, natimorto, parto prematuro, baixo peso ao nascer e manifestações clínicas de sífilis congênita.

O Boletim Epidemiológico Vigilância em Saúde no Brasil 2003 | 2019 mostrou que, no período de 2003 a 2017, verificou-se incremento da taxa de incidência de sífilis congênita de 1,7 para 8,6 casos por mil nascidos vivos. Isso significa que, em 2017, a taxa de recém-nascidos com a doença foi 5 vezes maior que em 2003.

Outro dado que chama atenção é a taxa de detecção da doença em gestantes, que passou de 0,5 para 17,2 casos por mil nascidos vivos no período de 2005 a 2017.

Durante os últimos 16 anos, observa-se a inclusão da sífilis em gestantes e sífilis adquirida como agravos de notificação compulsória.

O relatório mostra que ainda há muitos desafios quanto à integração entre Vigilância em Saúde e Atenção Básica, organização das RAS para assistência a crianças expostas à sífilis e com sífilis congênita, acesso das populações-chave a serviços de saúde, promoção de ações de informação, comunicação e educação em saúde, intersetorialidade, entre outros aspectos para fortalecimento da vigilância, da prevenção e do controle da doença.

 

13 ministros aproveitaram a mamata da farra dos jatinhos no governo Bolsonaro


Avião da FAB usado em comitivas presidenciais Foto: Alan Santos/PR

De Tânia Monteiro e Mateus Vargas no Estado de S.Paulo.

A viagem que motivou a demissão do secretário executivo da Casa Civil, Vicente Santini, em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) levou integrantes do governo a discutir limites ao uso das aeronaves oficiais. Desde o início do governo de Jair Bolsonaro, 13 ministros utilizaram os jatos para deslocamentos ao exterior. O campeão de uso é o chanceler Ernesto Araújo, que viajou 22 vezes, seguido de Ricardo Salles (Meio Ambiente), Osmar Terra (Cidadania), Tereza Cristina (Agricultura) e Fernando Azevedo (Defesa) – três viagens cada um. (veja abaixo a lista completa)

Integrantes da FAB ouvidos pela reportagem citam que o uso das aeronaves para voos internacionais não está previsto na legislação. Isso porque o decreto que regulamenta o tema, de 2002, dispõe sobre o transporte de autoridades no País, e não menciona a possibilidade de viagens ao exterior. A interpretação, porém, não é consenso no governo e os aviões são constantemente utilizados para viagens para fora do Brasil.

Segundo a Aeronáutica, não cabe à instituição questionar os pedidos das autoridades, apenas julgar as prioridades. O decreto que regulamenta o tema diz que as solicitações devem ser atendidas, quando houver aeronaves disponíveis, por motivo de “segurança e emergência médica; em viagens a serviço; e em deslocamentos para o local de residência permanente”. Este último item é restrito aos chefes de Poderes.

 Fonte DCM

 

Noiva de Zé de Abreu fala sobre o preconceito que o casal sofre por conta da diferença de idade


Do Extra:

Carol Junger, noiva de José de Abreu, respondeu algumas perguntas dos seguidores no Instagram sobre o relacionamento dos dois e falou do preconceito que sofre por conta da diferença de 51 anos de idade entre eles.

“Sofremos preconceito somente no Brasil e América do Sul. No resto do mundo, a gente vive muito bem”, respondeu ela, que está há dois meses viajando pelo mundo com o ator e foi pedida em casamento por no mês passado, nas Maldivas.

“O José tem uma cabeça muito jovem e adora aprender coisas novas. Eu sempre fui responsável com minhas coisas. Minha mãe constantemente me diz que eu nasci com a cabeça de adulta. Então, a gente acaba se dando muito bem”, completou ela.

A maquiadora de 22 anos contou que conheceu Zé de Abreu numa praia no Rio em janeiro de 2019 e entregou que foi logo morar com ele. “Começamos a conversar, logo já fomos viajar e me mudei para a casa dele. Fui tudo muito rápido”.

 

Haddad denuncia Weintraub: “MEC restringe o número de cientistas em congressos nacionais e internacionais”


Fernando Haddad. Foto: MAURO PIMENTEL / AFP

Do Twitter de Fernando Haddad:

MEC restringe o nº de cientistas brasileiros em congressos nacionais e internacionais, mesmo que a despesa com a viagem não seja do governo. Cientistas dizem que a medida não tem precedente em nenhum lugar do mundo democrático.

Fernando Haddad

Portaria do MEC restringe número de viagens de cientistas

Ministério não entende como funcionam as pesquisas e os congressos acadêmicos, dizem especialistas; governo não se manifestou

terra.com.br

Mais chuvas fortes provoca enchentes e devastação em BH e na Região Metropolitana trazendo mais mortes


Cratera se abre na MG-133 em Tabuleiro e quatro veículos são engolidos; uma mulher está desaparecida

Cratera engoliu quatro veículos na madrugada desta quarta-feira (29) na MG-133 em Tabuleiro — Foto: Rodrigo Neves/G1

Uma matéria que foi publicada no G1 Após mais um temporal na noite desta terça-feira (28), Belo Horizonte amanheceu nesta quarta-feira (29) com estragos em diversos pontos da cidade. A chuva mais forte do que o esperado atingiu, principalmente, as regiões Barreiro, Centro-Sul e Oeste da cidade.

Em Nova Lima, Região Metropolitana de BH, um homem morreu no desabamento de uma casa. Com isso, o total de vítimas fatais no Estado desde sexta-feira (24) sobe para 53.

O interior do Estado também vem registrando fortes chuvas. Em Tabuleiro, na Zona da Mata, uma mulher está desaparecida após ser engolida por uma cratera que se abriu no asfalto.

Uma cratera se abriu em uma das principais vias de Belo Horizonte, a Avenida Tereza Cristina, na Região Oeste. Na região Oeste choveu 101,6 milímetros em três horas.

Na região Centro-Sul, o Córrego do Leitão transbordou desde a Barragem Santa Lúcia até o centro da capital. O maior volume de chuva foi registrado na região: 175,6 milímetros em três horas. São vários pontos com carros arrastados, trechos do asfalto arrancados e garagens alagadas.

Região Metropolitana de BH volta a ser atingida por forte chuva

Região Metropolitana de BH volta a ser atingida por forte chuva

BELO HORIZONTE

Uma cratera se abriu em uma das principais vias de Belo Horizonte, a Avenida Tereza Cristina, na Região Oeste. Na região Oeste choveu 101,6 milímetros em três horas.

Na região Centro-Sul, o Córrego do Leitão transbordou desde a Barragem Santa Lúcia até o centro da capital. O maior volume de chuva foi registrado na região: 175,6 milímetros em três horas. São vários pontos com carros arrastados, trechos do asfalto arrancados e garagens alagadas.

Região Metropolitana de BH volta a ser atingida por forte chuva

Região Metropolitana de BH volta a ser atingida por forte chuva

Outro córrego que transbordou foi o Acaba Mundo, que começa no Parque JK, no alto do Sion, e desceu provocando enchentes até o Centro. Nesta manhã, uma cratera se abriu no cruzamento da Avenida do Contorno, com a Rua Professor Morais.

Na BR-356, na chamada curva do Ponteio, também na Região Centro-Sul, um barranco desmoronou e a via precisou ser fechada no sentido Centro. Nesta manhã, duas faixas estavam liberadas no sentido BH Shopping. No shopping, parte do teto desabou durante o temporal.

Também foram registrados alagamentos nas Avenidas Barão Homem de Melo, Silva Lobo e Professor Mário Werneck, todas na Região Oeste.

Até as 6h30, não havia registro de mortes na capital. Em Nova Lima, um homem de 45 anos morreu no desabamento de uma casa.

Parte do teto do BH Shopping desabou durante temporal em Belo Horizonte

Parte do teto do BH Shopping desabou durante temporal em Belo Horizonte

Com informação do G1

 

Lava Jato ameaça cancelar delação de empreiteiro se ele não acusar filho de Lula


Pelo que se pode vê aí, no comportamento da Lava Jato, não adiantou muito, para eles, o Glenn ter desmascarado, com as descobertas dos contatos entre pessoas grandes da Lava Jato, que mostrava que o principal objetivo naquela primeira etapa era tirar o Lula de ser candidato e conseguiram, através de delação. Agora o alvo é o filho do Lula, que certamente, eles conseguindo, através de delações, vai  desgastar o ex-presidente, já visando 2022.
Enquanto isso, já foi votado para que a quebra de sigilo do senador Flávio seja arquivada. Ou seja: Aonde não há vestígios de provas cabais, se arquiva e aonde não se acha prova alguma, se faz delação e valoriza tal delação, mesmo que para colher algumas palavras, ofereça em troca a liberdade do delator. Essa coisa está ficando escancarada e o Judiciário precisa resgatar a sua soberania e credibilidade perante a população. Até aqui Café com Leite.

 

De Felipe Bächtold na Folha de S.Paulo.

O delator Otávio Marques de Azevedo, ex-presidente da Andrade Gutierrez, omitiu irregularidades envolvendo um dos filhos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em seus relatos a autoridades da Lava Jato, segundo o Ministério Público Federal, o que tornou incerto o futuro de seu acordo de colaboração.

Delator há quatro anos, Azevedo foi alvo em dezembro passado de três mandados de busca e apreensão cumpridos na fase da Lava Jato batizada de Mapa da Mina.

Essa etapa da força-tarefa apura se o sítio em Atibaia (SP) frequentado pelo petista foi comprado com dinheiro de propina da empresa de telefonia Oi, por meio de sócios de Fábio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente. A Oi tinha o grupo Andrade Gutierrez como um de seus controladores. 

Reformas patrocinadas por empreiteiras nesse sítio motivaram a condenação do ex-presidente por corrupção e lavagem de dinheiro. Em 2010, Jonas Suassuna, sócio do filho de Lula, comprou o sítio junto com Fernando Bittar (filho de Jacó Bittar, amigo de Lula). Ele pagou R$ 1 milhão, e Bittar o restante. 

A Lava Jato, em petição à Justiça na qual pediu os mandados de busca contra o ex-presidente da Andrade Gutierrez, afirmou que, embora o empresário tenha firmado acordo de colaboração, “nele não tratou sobre os ilícitos narrados na presente peça”.

(…)

PS: Este é o modus operandi da Lava Jato. Pressiona um acusado para ouvir dele o que necessita para se encaixar na narrativa pré-constituída. Lawfare é o nome da prática. Ao reabrir investigação sobre o filho do Lula, a Lava Jato se vinga de Lula, alcançado pela decisão do STF sobre a segunda instância. Quer constranger a sua família.

fonte DCM.

 

Trote faz helicóptero do Samu voar 85 km para atender suposta vítima de acidente no Paraná


Trote mobiliza helicóptero do Samu

Trote mobiliza helicóptero do Samu

Um trote feito ao Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) fez com que o helicóptero do serviço voasse de Maringá, no norte do Paraná, para Paranacity, na região noroeste, que ficam distantes 85 km, sem necessidade. De acordo com a coordenação regional do Samu, o custo de uma hora de operacionalização da aeronave é de R$ 15 mil.

O trote foi feito na tarde de segunda-feira (27). Segundo o Samu, na ligação, a pessoa informava que tinha ocorrido um acidente de moto em Paranacity e que o motociclista estava em estado grave.

O médico que conversava pelo telefone com o solicitante fez várias questionamentos e, conforme a coordenação regional, como a ambulância mais próxima da cidade estava em outro atendimento, o apoio aéreo foi acionado. Quando os socorristas chegaram ao local indicado, não existia nenhum acidente.

Um adolescente, de 13 anos, e uma criança, de 11 anos, foram apontados pelo Samu como responsáveis pela ligação. Os dois garotos se arrependeram quando perceberam a mobilização e contaram para a mãe de um deles. Assim que ficou sabendo, a mulher ligou e avisou a polícia.

O médico socorrista que foi até a suposta ocorrência registrou um Boletim de Ocorrência.

“Essa irresponsabilidade poderia ter atrapalhado outro atendimento. Poderíamos ter deixado de atender outras vítimas. Os pais precisam educar os filhos quando e como ligar para o Samu”, explicou o coordenador regional Márcio Ronaldo Gonçalves.

Conforme a Coordenação Regional do Samu em Maringá, em 2019 o serviço recebeu 25 trotes. Em 2018 foram 40.

 

 

 

 

 

Jovem morre após ser atingido por animal misterioso em praia; família denuncia negligência


Após ser atingido por animal não identificado em praia, estudante passou por duas equipes médicas e recebeu alta, mesmo apresentando febre e dores insuportáveis. Familiares denunciam negligência

Alexandre Lima da Silva Júnior, de 16 anos, morreu em Santos, no litoral de São Paulo, após ser atacado e sofrer uma perfuração causada por um animal não identificado durante um banho de mar.

O jovem, que é de Osasco (SP), estava a passeio em Praia Grande (SP) com a família. O acidente aconteceu no dia 21 de dezembro. Alexandre ficou 34 dias internado e faleceu nesta segunda-feira (27/1). Parentes relatam suporte precário no atendimento médico.

Alani Paz Lima, de 39 anos, prima de Alexandre, contou que todos estavam com água na altura da cintura e o acidente ocorreu após um mergulho do jovem.

“A mãe dele, minha prima, é associada a uma colônia de férias para qual fomos em Praia Grande. Chegamos no dia 21 de dezembro na praia, por volta das 12h. Entramos na água eu, ele, a mãe dele, minhas filhas e o meu filho. Estávamos com a água na altura da cintura. Teve um momento que o Alexandre mergulhou e segundos depois levantou assustado”.

“Quando olhei, vi um furo no abdômen. Ao sentir aquela dor, ele passou a ficar tonto e começou a cair na água. Eu o segurei e gritei por ajuda”, relata a prima.

Alexandre foi retirado do mar pelos salva-vidas e banhistas que estavam no local. Ao chegar na areia, Alani questionou o estudante do que havia o machucado, e ele relatou que só “sentiu a pancada e houve um pequeno sangramento”. Depois, ela perguntou ao salva-vidas o que poderia ter acontecido. “Ninguém soube explicar o que aconteceu. A suspeita é que tenha sido uma arraia, mas não há confirmação”.

Negligência

Na praia, a família foi informada que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) demoraria pelo menos 40 minutos. Um vendedor que estava no local ofereceu carona até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Praia Grande.

“Na UPA Samambaia tinha várias ambulâncias paradas lá na frente. Pedi ajuda para que alguém tirasse ele do carro e a equipe do hospital ajudou e o levou para dentro. Nessa hora ele já reclamava de tanta dor que não conseguia nem fazer xixi. Colocaram um remédio nele e suturaram”, conta Alani.

Após os procedimentos médicos, o jovem foi encaminhado ao Hospital Irmã Dulce, que teria suporte cirúrgico. “Depois da realização de exames, o cirurgião só olhou o ferimento, deu uma apertada e deu alta. Não conseguíamos acreditar, porque ele estava cada vez pior, pálido e vomitando, com febre alta. O enfermeiro também nos disse acreditar que era ferimento de algum animal”, relata.

Alexandre foi reencaminhado para UPA. Na unidade, ele também recebeu alta médica. A família começou a perceber novos sintomas e inchaço no abdômen do estudante. “Foi um atendimento superficial. Na hora que ele iria tomar banho para ir embora, desmaiou, teve que voltar para o hospital. Nesse momento, a mãe dele pediu que fosse transferido ao convênio”, relembra Alani.

Atendimento adequado

Alexandre só recebeu um atendimento adequado no Hospital Frei Galvão, em Santos, onde foi atendido por uma cirurgiã. Segundo a família, ela relatou que o quadro clínico dele era de urgência e que teria que fazer um procedimento cirúrgico o mais rápido possível. No dia seguinte, familiares receberam a notícia que Alexandre havia tido órgãos perfurados no incidente.

“A equipe foi muito atenciosa e disse não acreditar que ele tinha tido alta em Praia Grande. Ele estava com perfuração no fígado, no pâncreas e em duas artérias. Tiraram dois litros de sangue de hemorragia de dentro dele”. Depois disso, ele ficou internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

O estudante, que ainda chegou a ficar consciente por um tempo, ficou internado por 34 dias. Ele passou por quatro cirurgias e, em uma delas, chegou a retirar o baço, segundo a família. Os sintomas foram piorando e o jovem realizou transfusões de sangue. No último procedimento, ele não resistiu e morreu.

Tristeza

“Ele era filho único, jovem, estudioso, com uma vida pela frente. A mãe dele não pode ter outro filho. Está muito abalada e desesperada. O pai está muito triste. É uma dor que não desejamos nem ao nosso pior inimigo. Queremos que o atendimento público tenha mais suporte, porque foi muito precário. Não queremos que apareçam outras vítimas deste tipo de incidente”, finaliza a prima.

Um boletim de ocorrência foi registrado no 7º DP de Santos. De acordo com a Polícia Civil, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e o caso, registrado como morte suspeita, foi encaminhado ao 3°DP da Praia Grande, delegacia da área, para continuidade nas investigações. Com informações do PragmatismoPolítico

alexandre praia grande
Alexandre Lima da Silva Júnior

 

Coronavírus: Ministério da Saúde confirma mais dois casos suspeitos


Pacientes em Porto Alegre e Curitiba estiveram perto de áreas de infecção do vírus ou de pessoas infectadas

 

O Ministério da Saúde investiga mais dois casos suspeitos do novo coronavírus (nCoV-2019) no Brasil. As atuais notificações são de Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR) e foram divulgadas nesta terça (28); Ao todo, são três pessoas suspeitas da infecção em todo o país.

De acordo com o governo federal, os pacientes estiveram recentemente em regiões afetadas pelo vírus apresentaram febre e pelo menos um sinal de sintoma respiratório.

Há uma terceira suspeita em Belo Horizonte (MG), divulgada na manhã desta terça (28).  Uma jovem que esteve nas proximidades de Wuhan recentemente.

Nesta manhã, com a confirmação do primeiro caso recente, governo elevou a classificação de risco do Brasil para o nível 2, chamado “perigo iminente”. O maior nível da escala é o 3, que ocorre após a confirmação de que o vírus foi detectado em território nacional.