Maioria considera justa libertação de Lula, diz Datafolha


Segundo pesquisa do Instituto Datafolha, 54% dos entrevistados aprovam a libertação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após decisão do Supremo Tribunal Federal contra prisão após condenação em segunda instância

(Foto: Paulo Pinto/FotosPublicas)

 Para a maioria da população foi justo soltar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que cumpriu pena durante 580 dias como preso político da Lava Jato. É o que aponta a mais recente pesquisa Datafolha.

De acordo com o levantamento, 54% dos entrevistados entendem que a libertação de Lula foi justa, ante 42% que a consideram injusta. Disseram não saber 5% dos entrevistados.

O ex-presidente conquistou a liberdade depois da decisão Supremo Tribunal Federal que mudou antigo entendimento da corte e considerou inconstitucional a prisão de réus condenados que ainda tenham recursos pendentes em cortes superiores, como é o caso de Lula – indica reportagem de Felipe Bächtold na Folha de S.Paulo. .Fonte 247.

A imagem pode conter: comida

 

A imagem pode conter: comida e texto

 

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

ACREDITE SE QUISER – SÍLVIO SANTOS É ACUSADO DE RACISMO POR IMPEDIR VITÓRIA DE MULHER NEGRA EM PROGRAMA DO SBT


Hoje as redes sociais mandam notícias dos fatos quase que em tempo real, o que vem desmascarando muitos donos de emissoras de TV,  que em tempos de outrora, aproveitavam da exclusividade da comunicação ser apenas TV, Rádio e Jornal, para fazer o que bem entendessem.

Na verdade, este país não decolou como potência em vários itens, dentre eles a cultura, para ter mentes mais abertas, por conta dos donos das emissoras que se aliam ao poder público federal, não pra servir ao povo, mas sim para se servir do povo.

Hoje, o Silvio Santos se declarando racista na frente das câmeras, quando tirou o título de uma mulher negra para dar para uma branca na cara de pau, mostra o quanto determinados programas fazem mal à população.É preciso sim mais respeito.

Enquanto isso, o empresário da comunicação SBT negociou com o atual governo,  grandes acordos para serem pagos com o dinheiro no povo, para não falar mal das atitudes cúpula que forma o governo. Isso não  foi só com o SBT, mas todas as emissoras abertas, e o povo simplesmente vai servindo pra dar audiência, vendo as babaquices, e nunca sendo defendido do jeito que merece, que seria a imprensa investigando e cobrando ações do governo. Agregado a esse tipo de trabalho jornalístico, mandando programações melhores para os telespectadores, ao invés de bestialidades que só fazem bestializar uma grande camada da sociedade.

Vejam que a moça aí foi praticamente desclassificada pela sua cor. Também, seria bom que os leitores prestassem a atenção na bestialidade, como se referiu no texto, que a música [?] para as concorrentes foi a Caneta Azul.

Enquanto isso, governo aproveita para entregar as riquezas do nosso país e as emissoras nada falam e grande parte da sociedade aplaude.

Para quem acessa grandes sites, que têm compromisso com a sociedade, percebe logo quando a TV omite um acontecimento que deveria ser noticiado, como por exemplo, o presidente Bolsonaro ser proibido pelo TSE, de mencionar duas palavrinhas que fizeram ele ganhar a política, que foi o tal do Kit Gay. Essa proibição não foi falada pela TV. Em compensação,durante a campanha, as emissoras ajudaram a espalhar a mentira;  O nome disto é manipulação. Nesse caso, a mídia que foi criada para fazer o bem à população, termina fazendo é mal, muito mal, embora vivam pela audiência que esse povo ingênuo dar para elas. Veja a seguir a matéria de fonte do DCM.  Até aqui Café com Leite Notícias.  

Sílvio Santos é acusado de racismo por impedir vitória de mulher negra em programa do SBT. Foto: Reprodução/SBT

Silvio Santos está envolvido em mais uma polêmica. Na noite deste domingo (08), o apresentador causou furor nas redes sociais após mudar o resultado de uma competição de um quadro musical do Programa Silvio Santos que foi vencido por uma mulher negra e ele preferiu dar a vitória a outra competidora branca.

Assim que o caso foi ao ar no programa do SBT rapidamente a internet passou a repercutir a situação e Silvio Santos se tornou um dos assuntos mais comentados do fim de noite deste domingo. No Twitter, o nome do apresentador figurou nos trending topics, em poucos minutos já haviam mais de 11 mil menções ao caso na rede social.

No quadro, diversas candidatas se apresentaram com uma performance musical e, após outras terem suas oportunidade, quando chegou a vez de Jennyfer Oliver, participante negra, Silvio já interrompeu sua apresentação e afirmou que a música era muito chata.

Mesmo com a moça constrangida, Silvio manteve sua postura e colocou a votação da plateia para escolher quem seria a vencedora. O apoio das colegas do auditório, como o apresentador costuma chamar as mulheres que comparecem ao programa, fez com que Jennyfer vencesse a competição de modo disparado, mas ele não gostou do resultado e mudou as regras, o que fez com que uma concorrente branca saísse com a vitória.

Veja comentário e vídeo.

Caminhoneiros confirmam que irão parar o Brasil com uma greve nacional na próxima semana


 Lideranças dos caminhoneiros confirmaram que a categoria deverá parar suas atividades em todo o Brasil a partir as 6h da próxima segunda-feira (16). A expectativa é que a greve,  contra o aumento nos preços dos combustíveis e contra as políticas recessivas do governo jair Bolsonaro, obtenha a adesão de até 70% dos profissionais do setor de transporte de cargas rodoviárias.

 

“Temos um governo que só fez nos enganar. Muitas mentiras, promessas antes da campanha. E o que foi que ele fez para nós? Nada. Só virou as costas para os caminhoneiros. Como vocês podem acreditar num homem desses?”, diz um caminhoneiro identificado como Genivaldo, de Itabaiana (BA),  em questionamento as lideranças da categoria que teriam sido cooptadas pelas promessas do governo Jair Bolsonaro.

Em um outro vídeo, segundo reportagem da Revista Fórum, Sergio Bucar ressalta os seguidos aumentos nos preços do óleo diesel, gasolina e do gás de cozinha. “Convoco a população brasileira. Vamos parar o Brasil. Queremos que na segunda-feira dia 16 às 6 horas da manhã já esteja tudo parado “, afirma o caminheiro.

Na semana passada, o líder dos caminhoneiros autônomos, Marconi França, disse que a categoria “não aguentava mais ser enganada” pelo governo. “O governo não cumpriu nada do que prometeu. O preço do óleo diesel teve 11 altas consecutivas, em 2019. Não aguentamos mais ser enganados pelo senhor Jair Messias Bolsonaro, que protege o agronegócio e diz que o caminhoneiro só sabe destruir rodovias”, disse ao sinalizar com a possibilidade de uma greve nacional da categoria.

Matéria na íntegra, publicada no 247.

Deltan processa Gilmar e quer receber R$ 59 mil por danos morais


O procurador Deltan Dallagnol, que foi exposto em várias condutas atípicas pela Vaza Jato, decidiu partir para a ofensiva e abriu processo contra o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, por “danos morais”, numa ação em que pede indenização de R$ 59 mil.

Deltan Dallagnol e Gilmar Mendes

“Na ação movida na última semana, o procurador da República aponta entrevistas e manifestações de Gilmar Mendes em que ele teria o ofendido. Uma entrevista citada na ação foi concedida à Rádio Gaúcha em 7 de agosto de 2019 pelo ministro. Nela, ele afirmou que a força-tarefa coordenada por Deltan Dallagnol seria uma organização criminosa, formada por “gente muito baixa, muito desqualificada”, insinuando que os procuradores praticariam crimes”, informa o blog do jornalista Fausto Macedo.

Gilmar chamou os integrantes da força-tarefa de “cretinos”, “gentalhada”, “desqualificada”, “despreparada”, “covardes”, “gângster”, “organização criminosa”, “voluptuosos”, “voluntaristas”, “espúrios”, “patifaria” e “vendilhões do templo”.

Após grosseria histórica contra a Argentina, Bolsonaro diz que o comércio com o país vizinho continuará da mesma forma


O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que o comércio do Brasil com a Argentina continuará da mesma forma após a posse do presidente eleito Alberto Fernández no país vizinho nesta semana.

247. “Nosso comércio com a Argentina continua sendo da mesma forma, sem problema nenhum, não vai se mexer em nada”, disse Bolsonaro em breve entrevista a jornalistas na saída do Palácio da Alvorada, ao ser questionado sobre a posse de Fernández.

Durante o fim de semana o presidente decidiu não enviar nenhuma representante do governo brasileiro à posse de Fernández, um peronista que derrotou o atual presidente de centro-direita, Mauricio Macri, nas eleições deste ano na Argentina.

Bolsonaro enviaria o ministro da Cidadania, Osmar Terra, para a cerimônia, mas decidiu não mandar nenhum representante oficial, de acordo com uma fonte — apesar da importância da relação comercial entre os dois países.

Os dois líderes trocaram hostilidades recentemente, o que representa uma ameaça em potencial a relações comerciais que chegaram a 27 bilhões de dólares no ano passado.

Bolsonaro classificou Fernández e seus apoiadores como “bandidos de esquerda”, e o argentino reagiu dizendo que o presidente brasileiro é “misógino” e “racista”.

Diz Datafolha: Moro é o ministro mais popular de Bolsonaro, seguido por Damares


Entre os que dizem conhecê-lo, 53% avaliam sua gestão no ministério como ótima/boa. Outros 23% consideram regular, e 21%, ruim/péssima –3% não souberam opinar, segundo a pesquisa Datafolha

Moro & Damares

De acordo a uma matéria publicada no 247, Sergio Moro é o ministro mais popular do governo de Jair Bolsonaro, segundo aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira. “Entre os que dizem conhecê-lo, 53% avaliam sua gestão no ministério como ótima/boa. Outros 23% consideram regular, e 21%, ruim/péssima –3% não souberam opinar”, aponta reportagem de Bernardo Caram.

Bolsonaro tem 30% de ótimo/bom, 32% de regular e 36% de ruim/péssimo —1% não soube avaliar. “Embora o ministro da Economia, Paulo Guedes, seja o segundo mais conhecido da Esplanada dos Ministérios, a vice-liderança de aprovação ficou com a ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), com 43% de ótimo/bom. A avaliação positiva de Guedes é de 39%”, aponta ainda o jornalista.

As piores avaliações estão com os ministros da Educação e do Meio Ambiente. Entre os que dizem conhecê-los, 31% e 28%, respectivamente, afirmam que a gestão deles é ruim/péssima, aponta ainda a pesquisa.

Fonte desta matéria 247,

 

Marcelo Odebrecht diz que Lava Jato destruiu a imagem do Brasil e das empresas brasileiras


O empresário Marcelo Odebrecht concedeu sua primeira entrevista depois que passou quatro anos preso, à jornalista Bruna Narcizo, da Folha de S. Paulo, e apontou os danos causados pela Operação Lava Jato à imagem do Brasil e das empresas brasileiras. “Do jeito que a Lava Jato foi divulgada, acabou parecendo que o Brasil é o país mais corrupto do mundo, e que as empresas brasileiras exportavam corrupção. Não é verdade —nem uma coisa nem outra. Mas nossos competidores no mundo souberam tirar vantagem disso. Vários países culpam a Odebrecht. Essa é uma questão que vamos ter de superar”, disse ele.

Marcelo Odebrecht também fez uma defesa enfática do BNDES, contra a acusação de que seria uma caixa-preta, e falou em detalhes do financiamento a Cuba, para a construção do porto de Mariel. “Até antes da Lava Jato, nenhum projeto nosso teve default [termo usado na economia como sinônimo descumprimento de acordo para pagamento]. Nenhum governo que a gente atuava entrou em default. Era uma coisa que a gente fazia questão de acompanhar, porque sabíamos que podia matar a galinha dos ovos de ouro. Por isso, a gente acompanhava de perto. Agora, depois da Lava Jato, com a destruição que foi feita da nossa imagem no exterior, ficou difícil de a gente ficar no pé dos governos para que os financiamentos fossem pagos”, disse ele.

Se a gente fosse a Odebrecht de antes da Lava Jato, no momento em que a gente percebesse que o governo está ameaçando o Mais Médicos, nós teríamos usado de nossa influência para tentar manter o programa. Não em cima de nada ilícito, mas provando ao governo que o Mais Médicos é que iria pagar o financiamento que Cuba pegou do Brasil. Essa capacidade de negociar, de certo modo, a gente perdeu. A gente ajudava para que a geopolítica dos países fosse bastante fluída”, afirmou.

Fonte 247

Vídeo mostra o momento exato em que crianças são arremessadas de brinquedo em parque de diversões na Tailândia


Cinco crianças foram arremessadas de um brinquedo em um parque de diversões em Lopburi, na Tailândia na noite do último sábado (30). As crianças foram levadas para o hospital, mas tiveram apenas ferimentos leves. As informações são do IG.

O brinquedo levava 14 pessoas. Poucos segundos após o início do passeio a barra de segurança se abriu, lançando as cinco crianças para fora. Quatro delas caíram na plataforma metálica do brinquedo, uma em cima da outra. Uma das vítimas bateu contra uma grade e caiu do lado de fora do brinquedo .

Pessoas que passeavam no parque filmaram o momento em que o acidente aconteceu. No vídeo é possível ver que as crianças que foram arremessadas logo se levantaram. Elas foram levadas para um hospital, mas ninguém se feriu gravemente. O brinquedo foi parado logo em seguida.

“Eu estou muito abalada. Nunca vi nada como isso acontecer antes”, disse Jidapa, que assistiu o acidente, ao Yahoo News .

A polícia foi chamada e ordenou o fechamento da atração, além de entrevistar o dono do parque de diversões . O governo local também informou que vai investigar o brinquedo. Fonte:AmargosaNews

Dilma reage a ataque fascista: “sei o que vocês defendem. Defendem milícia, não é isso?”


A ex-presidente Dilma Rousseff foi hostilizada por bolsonaristas durante desembarque de avião, mas não abaixou a cabeça. “Ótimo é o Bolsonaro. Eu sei o que vocês defendem. Defendem milícia, não é isso?”, disse Dilma,

Ganhou repercussão nas redes sociais um vídeo onde a ex-presidenta Dilma Rousseff é atacada por bolsonaristas durante desembarque de avião, mas não abaixa a cabeça. A publicação foi feita na noite desta quinta-feira (5).

“Ótimo é o Bolsonaro. Eu sei o que vocês defendem. Defendem milícia, não é isso?”, respondeu a ex-presidenta após um grupo cantar “a sua hora vai chegar” enquanto Dilma aguardava para desembarcar da aeronave.

A ex-presidenta foi chamada ainda de”bandida” e gritaram que ela “quebrou o país”. “Ah, fui eu, é? Tá ótimo”, disse ainda em tom irônico, sem abaixar a cabeça.

O ataque de fascistas contra membros do PT têm sido uma prática recorrente em voos. Gravações com xingamentos ao deputado federal José Guimarães e ao ex-senador Lindbergh Farias circularam nas redes este ano. Fonte 247.

Veja o vídeo.

Leia a íntegra na Revista Fórum.

 

A imagem pode conter: 1 pessoa

Nenhuma descrição de foto disponível.

A imagem pode conter: carro e texto

Caso Marielle: ligação antiga de Ronnie Lessa com clã Bolsonaro é investigada


Investigadores do assassinato da vereadora Marielle Franco aprofundam a informação de que integrantes da família Bolsonaro ajudaram na recuperação de Ronnie Lessa, autor dos disparos contra Marielle, depois que ele sofreu um atentado de 2009, junto com o contraventor Rogério Andrade. Fato mostraria uma ligação antiga do acusado com o clã.

 

 

 Entre os aspectos investigados pela Polícia Civil sobre os assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL) e de seu motorista Anderson Gomes está uma suposta ligação antiga de Ronnie Lessa, um dos suspeitos, com o clã Jair Bolsonaro.

Como lembra o jornalista Plinio Fraga, colunista do UOL, Ronnie Lessa, apontado como autor dos tiros contra a vereadora, morava no mesmo condomínio de Jair e Carlos Bolsonaro, na Barra da Tijuca. Em 2009, Lessa sofreu um atentado, quando uma granada explodiu dentro do carro em que ele estava, junto com o contraventor Rogério Andrade.

Os investigadores do caso Marielle aprofundam a informação de que integrantes da família Bolsonaro ajudaram na recuperação de Lessa após o atentado de 2009, o que mostraria uma ligação antiga do acusado com o clã.

Além de Lessa, outros suspeitos de envolvimento no assassinato de Marielle Franco também apresentam algum tipo de ligação com o Clã Bolsonaro. Élcio Queiroz, que conduziu o carro usado no ataque à vereadora, aparece em fotos ao lado de Bolsonaro.

O ex-PM Adriano Magalhães da Nóbrega, apontado como um dos chefes da milícia de Rio das Pedras e associado ao Escritório do Crime, foi homenageado em duas ocasiões pelo então deputado estadual Flávio Bolsonaro, hoje senador. A mulher e a mãe do miliciano trabalharam no gabinete de Flávio na Assembleia Legislativa do Rio.

Fonte desta matéria 247.

 

Rui Costa passa mal e é socorrido pelo Samu em jequié


[Rui Costa passa mal e é atendido pelo Samu em Jequié]

De acordo à matéria publicada no Metrô1, o  governador Rui Costa (PT) teve um mal estar durante agenda em Jequié na manhã de hoje (6), notícia passada pela Secretaria de Comunicação do Governo.

Conforme a Secom, a pressão provavelmente baixou em função do calor na cidade. Depois de passar mal, ele foi atendido no próprio local por médicos do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e voltou a participar do evento.

Depois do ocorrido, o governador está bem e segue agenda na cidade do sudoeste baiano. Ele viajou para inaugurar a pista de atletismo no 19° Batalhão da Polícia Miltar (19° BMP), a nova sede do Colégio da Polícia Militar Professor Luiz Cotrim, e entregar cinco viaturas para a Companhia de Policiamento Especializado e 17 ambulâncias para os municípios da região.

Com informação do Metrô1.

 

A imagem pode conter: 1 pessoa, barba e texto

A imagem pode conter: sapatos e texto

A imagem pode conter: texto

 

A imagem pode conter: comida e texto

 

Vitória da Conquista: homem é preso por exercício ilegal da profissão de advogado


Sem registro, acusado prestava serviços de “consultoria jurídica” a aposentados e pensionistas, segundo a OAB

[Vitória da Conquista: homem é preso por exercício ilegal da profissão de advogado]
Foto : Divulgação

Um homem de 27 anos foi preso ontem (5), em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, por exercício ilegal da profissão de advogado.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no município informou que ficou ciente da atuação do suspeito após receber denúncia sobre suposto exercício irregular da profissão, através de ações de panfletagens e mala direta na cidade. A divulgação dos serviços era direcionada aos aposentados e pensionistas do INSS, voltada a orientações jurídicas no âmbito do Direito Previdenciário. Ele foi flagrado prestando atendimento jurídico previdenciário em um escritório da cidade.

A Polícia Militar participou da ação junto aos representantes da OAB. No escritório, quando os agentes pediram a carteira profissional, o homem, identificado como Victor Jeronimo Barros Dias Guimarães, negou ser advogado e confessou apenas a consultoria jurídica. Do ponto de vista legal, a prática constitui o exercício ilegal da profissão.

Com residência fixa em São Bernardo do Campo, em São Paulo, o suspeito já havia atendido em Porto Seguro, cidade do sul da Bahia, e planejava atender em Salvador e Camaçari, na região metropolitana, ainda nesta semana. Ele foi encaminhado para o Distrito Integrado de Segurança Pública (DISEP), onde está à disposição da Justiça.

135 mil pessoas circulam pelo Brasil com HIV e não sabem


Ministério da Saúde alerta que brasileiros infectados com o vírus necessitam de acesso urgente ao teste e a serviços de tratamento

Resultado de imagem para foto de clinicas que cuida de hiv

Às vésperas do Dia Mundial de Luta contra a Aids, o Ministério da Saúde lançou uma campanha para estimular o público jovem a realizar o teste de diagnóstico de HIV. Segundo estimativa da pasta, 135 mil brasileiros vivem com o vírus atualmente sem saber. Em todo mundo, são mais de 9,4 milhões de pessoas nessa situação, de acordo com levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O boletim epidemiológico 2019 aponta que a infecção por HIV/AIDS cresce mais entre os jovens, principalmente aqueles com idades entre 20 a 34 anos, faixa etária que representa 52,7% dos casos. São essas pessoas o público-alvo da campanha do governo.

O vírus acomete o sistema imunológico e deixa organismo sem defesas e, portanto, mais vulnerável a doenças. Conhecer o quanto antes a sorologia positiva aumenta a expectativa de vida da pessoa com o vírus.

Existem no Brasil dois tipos de testes: os exames laboratoriais e os testes rápidos. Os testes rápidos podem ser realizados com a coleta de uma gota de sangue ou com fluido oral e fornecem o resultado em, no máximo, 30 minutos.

Embora não exista cura para o HIV, os remédios reduzem bastante a progressão do vírus e a pessoa não desenvolve a Aids. À medida em que o paciente é tratado, ele também deixa de ter uma carga viral circulante e, portanto, não transmite o HIV.

Prevenção

Todas as pessoas estão sujeitas à infecção pelo HIV. O vírus não faz distinção de gênero, idade ou orientação sexual. Por isso, é preciso que todo mundo se conscientize e tome os cuidados necessários para evitar o contato com as formas de transmissão.

Com informação do Catraca Livre.

camisinha

Crédito: Relações sexuais com preservativos é o melhor jeito de prevenir HIV

Para se prevenir, é necessário o uso correto de camisinha em todas as relações sexuais. Além dos testes rápidos de detecção, o SUS disponibiliza preservativos masculinos e femininos nas unidades de saúde do país.

No caso de violência sexual, é preciso comunicar às autoridades o quanto antes e ir a um hospital, de preferência especializado, para que possa ser ministrado os remédios de profilaxia de infecção pelo HIV ou outras infecções sexualmente transmissíveis (IST). Saiba mais aqui.

 

 

A imagem pode conter: texto

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, texto

 

A imagem pode conter: texto

 

MP retoma investigação sobre caso Queiroz, com foco em Flávio Bolsonaro


 

O Ministério Público do Rio de Janeiro retomou as investigações sobre o esquema da ‘rachadinha’, envolvendo Fabrício Queiroz, ex-assessor financeiro da família Bolsonaro, e com foco no senador e ex-deputado estadual Flávio Bolsonaro, o filho mais velho do presidente, Jair Bolsonaro.

A retomada da apuração se deu após decisão do Supremo Tribunal Federal que permitiu o compartilhamento de dados fiscais e bancários de órgãos correspondentes ao MP sem autorização da Justiça. O caso completou um ano nesta semana, quando foram reveladas movimentações atípicas de R$ 1,2 milhão nas contas de Queiroz.

O MP também apontou suposta ação de organização criminosa no gabinete de Flávio na Alerj e supostos sinais de que o hoje senador lavou o dinheiro na compra e venda de imóveis. O parlamentar acusou a promotoria de tentar atingir o governo do seu pai. O Coaf, porém, também apontou suspeitas de outros assessores, deputados e ex-deputados, no documento gerado na Operação Furna da Onça, sobre corrupção na Alerj, lembra reportagem do Estado de S.Paulo.

Com informação do 247.

 

Nenhuma descrição de foto disponível.

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, texto e atividades ao ar livre

Nenhuma descrição de foto disponível.

IPCA: Inflação dispara com a alta do dólar, sinalizando um 2020 complicado


O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), termômetro oficial da inflação do período, acelerou a alta de preços para 0,51% em novembro, após ter registrado elevação de 0,10% um mês antes. Os dados foram divulgados, nesta sexta-feira (6), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Este foi o maior resultado para um mês de novembro desde 2015, quando o IPCA ficou em 1,01%”, informou o IBGE. Em novembro de 2018, houve deflação de 0,21%.

A alta no mês foi puxada pela aceleração dos preços do grupo “Alimentação e bebidas” (0,72%), principalmente pelo aumento do preço das carnes (8,09%), que exerceram o maior impacto na taxa de inflação do mês. O item representou, sozinho, 0,22 ponto percentual (quase metade) do IPCA de novembro.

O dólar caro também colaborou para elevar os gastos com importações de insumos da indústria, pressionando a inflação. Clic nas letras vermelhas e veja: O governo de Jair Bolsonaro bateu recordes nas médias mensais em sete dos dez meses já transcorridos e pode fechar novembro com a média mais alta da história da moeda, criada em 1994 com o Plano Real.

No acumulado do ano, o índice de preços teve alta de 3,12%. Em 12 meses, subiu 3,27%, acima dos 2,54% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores.

Faltando apenas um mês para o fechamento do ano, o IPCA segue abaixo do centro da meta, de 4,25% — a meta tem margem de tolerância 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo. Fórum.

 

A imagem pode conter: comida

 

A imagem pode conter: comida e texto