Mulher procura por família de Barra da Estiva que não vê há mais de 40 anos


Zuleide Sena está a procura dos familiares que deixou em Barra da Estiva há mais de 40 anos

Zuleide Sena, que nasceu em Barra da Estiva e atualmente mora no interior do estado de São Paulo, está a procura dos familiares que não vê há mais de 40 anos. Os pais, João Pedro Sena e Maria Alves de Souza, residiam no município. Ela saiu da cidade quando tinha 15 anos.

Segundo o genro, Zuleide deixou irmãos, avós, mãe e pai em Barra da Estiva.

Quem tiver informações sobre a localização da família Sena Alves pode entrar  em contato com a redação do Informe Barra ou pelo número (18) 981084239, falar com Naiara Sena Gomes. Fonte:InformaBarra.

 

Error, no Ad ID set! Check your syntax!

Com câncer no pulmão aos 23 anos, jovem de MT alerta sobre narguilé: ‘usava aos finais de semana’


 

Com câncer no pulmão aos 23 anos, jovem de MT alerta sobre narguilé: 'usava aos finais de semana'

Foi em julho do ano passado, após sentir algumas dores no corpo e perder aproximadamente 12 quilos em menos de um mês, que a tangaraense Nayara Moura, de 23 anos, descobriu que estava com câncer. A suspeita é que seu estado de saúde tenha sido prejudicado pelo uso de narguilé, que a jovem costumava fumar aos finais de semana ou sempre que ia em festas.

Ao Olhar Direto, Nayara explicou que começou a sentir falta de ar, dores das costas, suor noturno. Ela também teria começado a perder peso rápido. Segundo ela, o diagnóstico lhe abalou muito, entretanto, seu medo maior não seria a doença. “Eu era muito vaidosa, só que o meu medo não era da doença, por incrível que, pareça eu tinha muito medo de perder o meu cabelo”.

“Eu nunca fui fumante, eu usava muito o narguilé aos finais de semanas, em festinhas. Sempre tinha, eu sempre estava usando”, lembra. Foi então que surgiram os primeiros sintomas na jovem. “Comecei a ter muitas tosses quando eu usava o narguilé, mas na minha cabeça, nunca que seria ele [narguilé] que estaria me fazendo mal”.

A jovem então fez um raio-x no pulmão. Assim que o médico viu o resultado, ela foi encaminhada rapidamente para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O tumor já media 12 centímetros e o pulmão estaria coberto por uma espécie de massa. “Recebi essa notícia eu tinha 22 anos, hoje estou com 23. Já tem uns oito meses que eu estou nessa luta constante”. Nayara diz que o tratamento com quimioterapia deve prosseguir até março deste ano. Atualmente, ela mora em Dourados (MS).

Nas redes sociais, ela fez uma publicação alertando outras pessoas sobre o uso do narguilé. “Ah se eu pudesse voltar atrás, ah se eu tivesse ouvido os meus pais quando me diziam o quanto o famoso narguilé me faria mal.. ah se eu pudesse… mas eu não posso. Sabe de uma coisa eu não consigo entender, o por que insistimos em coisas que só nos fazem mal”, relata.

“Hoje eu estou lutando para viver por causa disso, e cara na moral, quando você ouvir que o narguilé lhe faz mal e não der a mínima. Lembre-se de mim que sou a prova viva disso. Tenho câncer no pulmão, com apenas 23 anos, por causa de uma fase da minha vida que eu achava que sabia tudo e que tudo era massa .. sabe o que é de fato? É que nunca achamos que vai acontecer com a gente, até acontecer”, alerta.

“A MAMATA ACABOU”: FRASE DO PRESIDENTE QUE INSISTE EM CONVENCER OS BOLSONARISTAS, DE QUE AGORA É DIFERENTE: POR WALTER SALLES


Este país possui grandes riquezas naturais, mas aos poucos outros países estão tomando conta

Café com Leite: De fato, está tudo diferente mesmo, o Brasil mudou! Pois o que vem predominando é o falatório do Guedes, de outros ministros e do próprio presidente. Cadê o Gás de cozinha que logo no começo do governo o ministro Guedes falou que “dentro de quatro meses a dona de casa vai comprar o gás de cozinha pela metade do preço”! Aconteceu? Cadê aquele cheque simbólico de 30 bilhões que o Eduardo Bolsonaro expôs, dizendo que o Brasil acabava de conseguir 30 bilhões de um investidor internacional? Aconteceu? E por aí vai levando, mas, até quando? Quando se fala que a “mamata acabou”, fica a pergunta sobre as reservas que estão sendo vendidas, como já aconteceu com 37 bilhões de dólares dos 377 bilhões que o governo do PT deixou de reserva internacional, além de pagar a dívida externa que se arrastava desde os militares no poder. Por que o povo não questiona o por que de vender as reservas, além de vender também patrimônios que pertencem ao Brasil e brasileiros? O orgulho de dizermos que o Brasil produz os aviões mais sofisticados do mundo é coisa do passado. Era até entrar o presidente atual e vender a Embraer a preço de bananas pros EUA, em decorrência da paixão desenfreada do presidente brasileiro pelo atual presidente americano. São muitas coisas que irão prejudicar drasticamente os brasileiros, que vêm acontecendo no país. A entrega do domínio do petróleo para a Shell, dando 23 anos de isenção de impostos, que começou no governo do Temer, porém com permissão maciça do PSL na época, isso sim é corrupção em alta escala que quebra realmente o país; depois vem o fatiamento do Pré Sal, onde muitos nem tiveram interesse, parecendo que desconfiaram do presente que era grande demais; São muitas coisas que estão acontecendo negativamente, que até o subsolo brasileiro vai terminar sendo vendido, a Casa da Moeda e muitas coisas mais. Ou seja: o Brasil vai virar colônia e o povo brasileiro escravos de outros países no seu próprio país.

Dentre os perigos de o Brasil virar uma colônia americana, as vendas das riquezas que dão soberania ao país, estão na frente e sinalizam um futuro obscuro para Brasil e brasileiros, como já foi dito.

Não se pode negar que houve corrupção nos governos petistas. Mas a pergunta é: e qual governo não teve corrupção? Mas a diferença é no modelo de praticar a corrupção. Quer explicação? Vamos lá. Assim como em qualquer cidade, por menor que seja e que tenha o prefeito mais honesto que já foi eleito, ali vai haver corrupção, não com o chefe do executivo envolvido, mas sim com pessoas de cargos de confiança, pelo menos em boa parte. Da pacata cidade para a presidência do Brasil não muda nada. O secretário da cidade pequena é o ministro do governo federal e outros cargos também se assemelham.

(Também a mídia brasileira serve à direita. Hoje nada de errado é criticado pela TV aberta. Todos se calam porque todos são serventes do governo federal. Se entrar a esquerda novamente, aí sim, até uma caneta que sumir de uma mesa no Planalto vai ser noticiada como roubo de canetas. Infelizmente boa parte do povo brasileiro não tem esse conhecimento e deixa a face ficar quadrada em frente a TV, acreditando e ficando mal informado. O Brasil tem, na atualidade, a pior mídia do mundo, em se tratando de mídia aberta, por ser servente de um governo que faz o que faz e se calam).

O agravante é a diferença entre corrupção de menor escala, ou seja: escalas mirins, se comparando com a  grande escala, que são as vendas, as negociações, sendo muitas delas em portas fechadas, como foi o caso da BR Distribuidora que a negociação começou ainda em campanha.

É muito fácil de se entender. Por exemplo: se você tem uma loja de roupas e quem toma conta é uma funcionária muito competente, que sabe tratar os clientes bem, sabe fazer pedidos certinho, sabe controlar tudo e até te faz ficar ausente por alguns dias sem se preocupar, certamente a sua loja vai crescer e mais tarde será ampliada. Mas vai que você descobre que essa sua funcionária de vez em quando leva pra casa uma peça de roupa que ela achou linda!! Seria melhor que não levasse, mas, no entanto, aquilo não vai quebrar a sua loja, mas sim, continuar crescendo e seria melhor você só ligar o pisca alerta, mas não demitir a sua funcionária. Mas se ela fosse das que praticam corrupção em alta escala, dando uma de santa e vendesse parte da loja, sacar dinheiro da reserva para compra de mercadoria de reposição, vender equipamento que pertence à loja e outros rombos, certamente você  ficaria na lona.

Não tem como governar um município sem haver o mínimo de corrupção, pois esse país, é triste dizer isso, mas é conhecido no mundo como o país da corrupção, onde, pasmem, mas, como disse um poeta, “os honestos terão dificuldade de viver nesse país num futuro próximo” esse futuro chegou.

Mas continuando a falar sobre o país e a loja, se começa a vender patrimônios sabe-se lá por quanto e de quebra ainda corta direitos dos mais pobres, certamente como aconteceria com o dono da loja, caso a sua funcionária começasse a vender as mercadorias da loja para outras lojas, vai pra lona , vai virar colônia, vai escravizar seu povo, vai voltar para o FMI. Fato é fato e morreu bola sete.

Walter Salles é fundador da Agência de Notícia Café com Leite impresso e digital, que desde 1989 vem espalhando notícias pela Bahia, pelo Brasil e, agora no mundo todo através da tecnologia digital.

Argentina tira foto com cachorro, toma mordida, leva pontos na cara e publica imagens em rede social


Imagens de Laru Sanson, a argentina que foi mordida por um cachorro na casa de um amigo — Foto: Reprodução/Twitter

Imagens de Laru Sanson, a argentina que foi mordida por um cachorro na casa de um amigo — Foto: Reprodução/Twitter

Laru Sanson, uma jovem de Tucumán, na Argentina, publicou, na terça-feira (14), uma sequência de fotos em uma rede social em que aparece ao lado de um cachorro que a morde no rosto. As imagens estavam acompanhadas do seguinte texto: “Sessão de fotos com Kenai dá errado”.Laru Sanson, antes de ser mordida por um cachorro na casa de um amigo — Foto: Reprodução/Twitter

Laru Sanson, antes de ser mordida por um cachorro na casa de um amigo — Foto: Reprodução/Twitter

Em entrevista ao canal Todo Notícias nesta quinta-feira (16), Sanson disse que está bem. “Eu estava na casa de um amigo meu, havia várias pessoas, e tinha um cachorro muito lindo. Eu gosto dos cachorros. Eu quis tirar uma foto e me dei mal. Eu já o conhecia, mas não frequento muito a casa”, disse ela.

Cachorro morde Laru Sanson na casa de um amigo dela em Tucumán, na Argentina — Foto: Reprodução/Twitter

Cachorro morde Laru Sanson na casa de um amigo dela em Tucumán, na Argentina — Foto: Reprodução/Twitter

Sanson afirma que pensa ter intimidado o bicho: “Eu o abracei, coloquei a cara muito perto do cachorro, ele ficou intimidado; é um cachorro que nunca mordeu ninguém, ele tem 10 anos, é um pouco velhinho. Foi uma reação dele, ele se sentiu invadido”.

A jovem diz ter ficado incomodada com os comentários que seria preciso sacrificar o cachorro. “Não guardo nenhum rancor, não estou incomodada.”

Jovem argentina mostra como ficou o rosto depois de mordida de cachorro — Foto: Reprodução/Twitter

Jovem argentina mostra como ficou o rosto depois de mordida de cachorro — Foto: Reprodução/Twitter

Prefeito é flagrado na fila do SUS junto com o povo e dá exemplo


O cenário político do brasil deixa muitas pessoas desesperançosas e saturadas dos abusos cometidos pela classe. No entanto, histórias como esta renovam o sentimento de dias melhores.

Sérgio Meneguelli é o prefeito de Colatina, município no interior do Espírito Santo, que frequentemente surpreende a todos pelo seu modo de vida e postura humilde. Dessa vez o prefeito foi flagrado na fila do SUS, num posto de saúde municipal!

Sérgio aguardava normalmente junto a outros moradores, sem exigir atendimento diferenciado ou usar seu cargo como argumento de autoridade.

Um morador da cidade gravou esse momento, confira:

Sérgio também já foi flagrado almoçando marmitex na rua!

O prefeito já foi homenageado internacionalmente por seu trabalho e por ser um exemplo para toda a clássica política.Acontece na Bahia.

Essa Mulher anulou 850 casamentos infantis e enviou as meninas de volta para a escola


Essa Mulher anulou 850 casamentos infantis e enviou as meninas de volta para a escola

Devido sua postura e conduta em prol das mulheres, Thereza recebe ameaças de morte por outros políticos que vão contra as suas políticas públicas .

Theresa Kachindamoto, supervisora de um distrito em Malawi, país da África, é a figura destaque como uma líder feminista que atua ajudando mulheres e garotas de sua comunidade. Desde 2016 ela já tinha anulado mais de 850 casamentos forçados, em seguida botando as meninas na escola e iniciou uma guerra em prol dessa causa para erradicar os rituais que levam as crianças a ter casamentos precocemente.

Mediante essa cultura, mais metade das mulheres em Malawi  se casam muito cedo, antes dos 18 anos. Em vista disso, o país ainda conta com um baixo Índice de Desenvolvimento Humano. Devido esses índices que a atuação de  Theresa se tronou algo mais do que importante.

A líder executa seu trabalho a mais de 27 anos e ainda assim não cessam suas conquistas  em prol da sociedade. Ano passado, Theresa alcançou mais uma vitória, ela estabeleceu a maioridade de 18 para casamentos, mesmo que os pais aprovem. No país é muito comumente natural ver meninas de 12 anos gestantes por causa dessa cultura. O próximo desafio é elevar essa idade para 21 anos.

Por se tratar de uma região muito empobrecida, é imensa as situações de casos de famílias que arrumam casamentos para meninas com o intuito de diminuir os gastos financeiros do lar, essas contas ficam para o futuro esposo das crianças.

E as decorrências de comportamentos como esses que amortecem a voz feminina na sociedade são drásticas. Desse modo, 1 a cada 5 mulheres são vítimas de abuso . Uma situação que preocupa muito , tendo em vista que os índices de HIV crescem cada vez mais no país.

Devido sua postura e conduta em prol das mulheres, Thereza recebe ameaças de morte por outros políticos que vão contra as suas políticas públicas. Entretanto, a líder não esmorece e afirma que continuará lutando até morte. A líder deixou uma mensagem em entrevista: “se elas forem educadas, podem ser o que quiserem”. Ou seja, até esposas e mães. Mas se elas quiserem.

Este artigo foi publicado originariamente no site- Hipeness, e foi reproduzido adaptado por equipe do blog cantinho.

 

Vídeo: Garoto de 6 anos canta para irmão com Down e emociona


Foto: reprodução Facebook

Foto: reprodução Facebook

O site Só Notícias boas tem sido um parceiro de muitas pessoas que ao ler e assistir lindos vídeos, termina se descontaminando do terror que vive com os noticiários da TV aberta. Veja o amor desse garoto de 6 anos pelo irmão, por exemplo, que nasceu com Down! Nicole Powell, de Cabot, Arkansas, EUA, postou na semana passada um vídeo do filho Rayce, de 6 anos, cantando para o irmãozinho Tripp.

Mal sabia ela que a cena iria sensibilizar milhões de corações. No clipe, Rayce canta:

“Eu gastaria dez mil horas e mais dez mil… se é isso que é preciso para entender esse seu doce coração…E talvez eu nunca chegue lá, mas vou tentar…. Se forem dez mil horas, ou o resto da minha vida,
eu vou te amar.” Linda canção!!!!

A música é “Ten Thousand Hours”, de Dan + Shay e Justin Bieber, e se encaixa na história de amor que se desenrola nas vidas dessa família, que recentemente apareceu na TV local .

Aborto

A história deles é de amor fraterno e de pais que foram aconselhados a abortar o Tripp, mas que escolheram a vida.

“O amor não conta cromossomos”, diz Nicole.

Ela também descreve o momento musical como uma ocorrência comum: “É assim que eles se unem”.

Viral

O vídeo, publicado no Facebook na semana passada, já foi visto mais de um milhão de vezes.

O pai do bebê, JJ Grieves, também participou da conversa:

“Demora um pouco mais para aprender e um pouco mais de cuidado e mais amor, mas não é isso que o mundo precisa?”

Tripp passou todo o primeiro mês de sua vida em terapia intensiva, período em que recebi diariamente a visita de toda a família – Jayce, 9, Rayce, 6, Grayce, 2 e Reese, de um ano.

Ele teve alta na véspera de Natal.

Veja o momento de carinho:

Com informações do Daily Mail

Leonardo DiCaprio ajuda a salvar turista que caiu no mar


Foto: reprodução Daily Mail

A vida imita a arte e mais uma vez Leonardo DiCaprio encarna o personagem “Jack”, de Titanic, filme de 1997, para salvar a vida de alguém no mar.

Desta vez, o próprio Leo decidiu ajudar nas buscas de um turista que estava num iate do Club Med, no Caribe e caiu do mar por causa da bebida.

De acordo com vários meios de comunicação, incluindo a revista People , DiCaprio estava viajando com sua namorada e vários amigos perto de St. Barts, em um barco alugado, quando chegou o aviso da emergência sobre o acidente com o turista.

“Leo e seus amigos e seu capitão de barco decidiram participar da busca e seus esforços ajudaram a salvar a vida de um homem”, disse uma fonte à PEOPLE.

O homem estava no mar havia 11 horas.

A tripulação do barco ficou feliz em ajudar e o barco de DiCaprio estava literalmente no lugar certo, na hora certa. Era a única embarcação na área, naquele momento.

O homem foi resgatado em águas agitadas, cerca de uma hora antes de uma forte tempestade.

O incidente dia 30 de dezembro, mas só agora foi divulgado.

Dias depois, o ator estava de volta aos EUA para participar da celebração do Globo de Ouro.

Com informações da Só Notícias Boas.

 

DCM Café da Manhã: CPI das Fake News encontra o caminho para desmontar a farsa da eleição de Bolsonaro


Mais que difícil, é impossível um candidato sem história, sem serviços prestados ao país, sem projetos como deputado federal, e, pra piorar, com uma vasta quantidade de vídeos e áudios de boubagens durante a sua carreira política conseguir ser eleito Presidente da República Brasileira, como aconteceu com o Bolsonaro em 2018.

Aos poucos o novelo está se desenrolando e expondo situações consideradas ilegais, que fizeram eleger o presidente do ódio. Assim como parte dos brasileiros acharam bonito a falácia do então candidato, o colocando no Planalto, também está se alimentando da frase que já virou senha, usada pelo presidente que é “a mamata acabou”. Até quando o brasileiro vai ficar ouvindo, vendo e presenciando o desfalque que está acontecendo no Brasil, e por causa de uma frase que insiste em dizer que a mamata acabou, ainda faz ainda uma minoria dizer que o presidente é um mito? Fatos são fatos, o resto é tentar amparar a chuva com uma peneira. Uma hora a peneira se arrebenta. Veja o que diz o vídeo do Joaquim de Carvalho. Até aqui Café com Leite.

Vídeo do DCM.

Pedófilos terão que ser castrados após cumprirem pena no Alabama


A governadora do Estado do Alabama, nos EUA, Kay Ivey, aprovou uma lei que requer que todos os condenados por abuso sexual a crianças, com menos de 13 anos, sejam alvo de castração química antes de serem libertados.

A nova lei exige que os condenados por este tipo de crime sejam alvo de tratamento, pago pelos próprios, até que um tribunal determine que não é mais necessário. “Esta nova lei é um passo em direção a uma maior proteção das crianças”, justificou, citada pela “CNN”, Kay Ivey.

A castração química envolve a administração de medicamentos, através de comprimidos ou por injeção, com o objetivo de diminuir o interesse sexual da pessoa até que lhe seja impossível ter relações sexuais. Se o tratamento for suspenso, os efeitos podem ser revertidos.

De acordo com a nova lei, se um condenado suspender o tratamento estará a violar os pressupostos relacionados com o regime de liberdade condicional.

A lei foi aprovada com forte apoio dos republicanos. Steve Hurst, em declarações a uma rádio local, foi contundente sobre esta aprovação. “Eles também marcaram as crianças para sempre e a punição deve ser comparada ao crime”, referiu o membro da câmara dos representantes deste Estado.

Este não é, porém, o primeiro Estado a autorizar a castração química. Segundo escreve o jornal “The New York Times”, em 1996, o Estado da Califórnia aprovou uma lei semelhante, juntando-se a outros Estados como a Florida, Louisiana e Wisconsin.

Além das questões éticas, há uma série de estudos que colocam em causa a eficácia deste tipo de procedimento. O nível de reincidência dos condenados alvo de castração química é bastante reduzido quando comparado com os que foram libertados sem qualquer tipo de tratamento.Com informações do JN.

Cantor flagrado agredindo a esposa grávida debocha do caso e ri


Imagens confirmaram que cantor milionário agrediu a esposa grávida. Ele foi condenado a 18 dias em regime aberto e publicou um vídeo onde debocha da agressão e dá risada; após a repercussão, ele apagou o conteúdo

Victor Chaves

O cantor Victor Chaves, que ficou famoso e milionário com a dupla sertaneja Victor e Léo, é processado desde 2017 por espancar a própria esposa. O músico sempre negou as agressões.

Nesta semana, porém, as imagens das agressões foram divulgadas. As cenas são chocantes. Dentro do elevador, o cantor puxa a mulher grávida pelo cabelo, a joga no chão e a empurra com o pé.

Victor foi denunciado no mesmo dia pela ex-mulher, mas passou esses mais de dois anos impune. Agora, finalmente foi condenado. A sentença: 18 dias de prisão, que ele vai responder em liberdade.

O músico também terá de indenizar a esposa em R$ 50 mil. No entanto, os advogados de Victor já anunciaram que irão recorrer da decisão.

No ano passado, Victor gravou um vídeo no Youtube onde fazia piada com a acusação de agressão por parte da ex. No vídeo, ele faz uma entrevista com si mesmo. Ele diz: “Senhor Victor, a pergunta é o senhor joga futebol? Ele tem um ataque de riso e diz: jogo de vez em quando, mas não consigo acertar um chute”, e cai na risada.

Victor faz piada com os chutes que deu na esposa grávida. Ele ria das acusações e da justiça com a tranquilidade dos que sabem que não vão ser punidos. O tempo mostrou que ele estava certo.

O caso de Victor estimula a reflexão sobre o que acontece com tantos homens agressores no Brasil: nada. Após a repercussão negativa do vídeo, o cantor publicou um segundo vídeo “explicando” o caso e dizendo que houve má interpretação. Fonte:Pragmatismopolítico.

VÍDEO:

“O cara não sabe nada, pô! É um despreparado”: Disse General Heleno sobre Bolsonaro ainda em campanha


Frase foi dita em encontro com empresários, na reta final da campanha presidencial, quando Heleno não sabia que estava sendo gravado

Jair Bolsonaro e general Augusto Heleno, chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), durante live no Facebook. (Foto: Reprodução)

Em um encontro com empresários em São Paulo, já na reta final da campanha presidencial, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, teria aproveitado um intervalo da reunião, na qual o então candidato Jair Bolsonaro estava presente, para falar ao telefone. Sem saber que estava sendo gravado, Heleno disse: “O cara não sabe nada, pô! É um despreparado”.

A informação consta no livro “Tormenta – O governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos”, da jornalista Thaís Oyama. General Heleno é mencionado em diversos trechos do livro, como na ocasião em que aconselhou o presidente sobre evitar a demissão do ministro da Justiça, Sergio Moro.

Episódio teria acontecido quando, ao saber que Moro havia criticado a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, sobre o Coaf,  Bolsonaro teria tomado a decisão de demitir o ex-juiz. No entanto, general Heleno teria convencido Bolsonaro a manter Moro no governo.

Segundo a jornalista, Bolsonaro ficou enfurecido com Moro por ter pedido a Toffoli que reconsiderasse a decisão sobre paralisar as investigações do Coaf. Na época, a medida do ministro protegia diretamente o senador e filho do presidente, Flávio Bolsonaro, investigado por corrupção em seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

No entanto, no fim de agosto, decido em demitir seu ministro da Justiça, Bolsonaro foi convencido por Augusto Heleno de que não era uma boa ideia. “Se demitir o Moro, o seu governo acaba”, disse o general ao presidente.

Fonte Revista Forum

Após 3 anos desativada, mina baiana de níquel retoma operações


O primeiro embarque de 10 toneladas do produto deve ser feito nos próximos dias

[Após 3 anos desativada, mina baiana de níquel retoma operações]
Foto : Divulgação/Atlantic Nickel

Após ficar desativada por três anos, a mina Santa Rita, que produz concentrado de níquel na cidade de Itagibá, no sudoeste da Bahia, retomou as operações. As informações foram divulgadas ontem (14) pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE).

Ainda segundo a pasta, o primeiro embarque de 10 toneladas do produto deve ser feito nos próximos dias, no Porto de Ilhéus, para a Trafigura, uma das maiores empresas de metais do mundo.

A produção é feita pela companhia multinacional Atlantic Nickel. Desde a reativação, de acordo com a SDE, 900 empregos diretos e indiretos já foram gerados na região.  Fonte:Metro1

 

Queen e Alice Cooper fazem show pra ajudar Austrália


Foto: reproduçao

Foto: reproduçao

Queen e Alice Cooper vão tocar juntos no Fire Fight Australia, show beneficente para levantar fundos para os grupos que trabalham contra os incêndios florestais no país – tanto bombeiros quanto a Cruz Vermelha e outros centros médicos.

A ideia é ajudar no “socorro, alívio e recuperação” das pessoas e paisagens da Austrália.

O evento será em fevereiro em Sydney, no ANZ Stadium, com shows de k.d. lang, Olivier Newton-John e Pete Murray.

A apresentação será da humorista Celeste Barber.

Queen + Adam Lambert aparecerão por lá entre as datas da turnê The Rhapsody na Austrália – o show solo da banda será no dia 15 de fevereiro.

Iang deve apresentar duas músicas, uma delas a sua redenção ao clássico de Leonard Cohen “Hallelujah.”

Outros artistas serão anunciados em breve. Fonte:SóNotíciaBoa

 

 

 

Destrição: Relatório de ONG denuncia que Bolsonaro incentiva execução de pessoas e queimadas na Amazônia


Queimadas. Foto: JOSÉ CRUZ/AGÊNCIA BRASIL

Publicado originalmente no site Rede Brasil Atual (RBA)

“O ataque do presidente Bolsonaro às agências de fiscalização ambiental está colocando em risco a Amazônia e aqueles que a defendem.” A afirmação é de Maria Laura Canineu, diretora da Organização Não-Governamental (ONG) Human Rights Watch (HRW) no Brasil. “Sem nenhuma prova, o governo tem culpado ONGs, voluntários brigadistas e povos indígenas pelos incêndios na Amazônia e, ao mesmo tempo, fracassado em agir contra as redes criminosas que estão derrubando árvores e queimando a floresta para dar lugar à criação de gado e agricultura, ameaçando e atacando aqueles que estão no caminho”, acrescentou.

A entidade internacional de pesquisa e defesa dos direitos humanos divulgou hoje (14) o 30° Relatório Mundial de Direitos Humanos 2020. O estudo detalha a situação dos direitos humanos em 90 países, incluindo o Brasil e diz que “o presidente Jair Bolsonaro assumiu uma agenda contra os direitos humanos”.

Segundo o relatório, autoridades e moradores da região amazônica contam que a intimidação contra populações indígenas aumentou significativamente em 2019, primeiro ano do atual presidente da República. A constatação é de que, sob o atual governo, apenas em novembro e dezembro, três indígenas foram assassinados.

Dados preliminares, denuncia o estudo de 652 páginas, apontam que de janeiro a meados de dezembro o desmatamento na Amazônia aumentou mais de 80 por cento.

Segundo a organização, o presidente Jair Bolsonaro adota uma política sistemática contra os direitos humanos e incentiva a execução de pessoas. “Sugeriu que criminosos deveriam ‘morrer na rua igual baratas’”. Em seu site, a organização acrescenta: “Os padrões internacionais de direitos humanos permitem matar pessoas deliberadamente apenas quando necessário para proteger uma vida”. Casos como o da menina Ághata Felix, de oito anos, assassinada por um policial no Rio de Janeiro, e do músico morto com mais de 80 tiros de fuzil no mesmo estado estão no relatório.

A ONG afirma também que “o governo Bolsonaro tem agido para enfraquecer os esforços de prevenção da tortura”, lembrando que o chefe de Estado brasileiro tentou exonerar peritos do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura, órgão estabelecido por lei, “e descartou evidências de que a força-tarefa de intervenção penitenciária federal havia submetido presos a tortura no estado do Pará”.

A HRW denuncia ainda que Bolsonaro perseguiu a mídia, organizações não-governamentais e tentou restringir o acesso de crianças à educação sexual integral.

Fonte DCM.